WWW.BOLANAAREA.PT

quinta-feira, novembro 09, 2006

Éter desportivo


Acabo de ler um artigo de Octávio Ribeiro, na revista de TV do "Correio da Manhã", com o qual só posso concordar quase plenamente. Diz o ex-jornalista da TVI, onde conduziu interessantíssimos espaços de informação e debate desportivos, que os melhores formatos de desporto estão na SIC Notícias - "Tempo Extra" e "O Dia Seguinte". "Com lugar marcado para lá da meia-noite e a condução segura de Sousa Martins, o formato da TVI represente um reinvestimento sem muita convicção e totalmente despido de inovação", escreve sobre o programa que julgo chamar-se "Super Liga" e que não passa de um "Domingo Desportivo" recauchutado, abreviado e com um inacreditável apêndice a que chamam fórum. Os comentários de Jorge Coroado ferem pela sua parcialidade e sobretudo pelo seu ressaviamento em relação a alguns árbitros no activo. Acrescento apenas um reparo aos comentário do Octávio: a RTP tem feito um bom esforço no sentido de oferecer programação desportiva. O "Trio de Ataque" não deixa de ser redundante mas vale pela esforço. E a "Liga dos Últimos" é um ícone não só da Internet... O programa das quintas-feiras à noite, na mesma estação, "Pontapé de Saída", é também um caso para seguir com atenção e tem tido o mérito de dar algumas cachas, como aconteceu com o anúncio do fim da carreira de Jorge Costa.
Bem, mas podem dizer o que quiserem que nenhum destes programas tem ou terá jamais o impacto do extraordinário "Donos da Bola Desesperados", de Schnitzer, Neves & companhia.

8 comentários:

Anónimo disse...

Neves, esse... ressabiado. Por onde anda. Procura-se blogue da bola...

Anónimo disse...

pois... as verdades doeram quando vieram ao de cima... agora a rtp com o amigo catarro... e a sportv oliveiresca... sao amigas... e o octavio ribeiro é outro amigalhaço

filipe disse...

Como é que se pode falar de qualidade com Rui Santos e JQManha?! Como no futebol, sem omoletes...

Para mim, claramente, "Pontapé de Saída". Entre LFLobo e PSousa fala-se - mais do que de clubismos, árbitros, faltas e faltinhas - de futebol... Há quem perfira outras abordagens... é uma questão de perfil!

Anónimo disse...

De acordo. Com as verdades desataram todos a urrar que aquilo não podia ser, era violento, etc, etc, mas quando passou a ser bonzinho toda a gente deixou de ver, e os mesmos críticos chamaram-lhe programa sem chama e desinteressante. De facto, o que interessa é dizer bem dos amigalhaços para continuar a manter as tertúlias em patuscadas em casa deles. Então está bem, ó Octávio! Engana quem tu quiseres...

Anónimo disse...

o super liga da tvi é o pior programa que a dita super liga podia ter; que saudades do domingo desportivo; da superliga resumem os jogos dos grandes em blocos razoáveis (ou quase) e repetem muitas vezes as imagens mais ou menos polémicas ou polémicas à força; dos outros, se jogaram no fim de semana, o que nem sempre acontece, vemos uma ou outra jogada, de preferência caricata, os golos e com alguma sorte a repetição do golo, mas nunca da jogada que dá o golo; o compacto do futebol internacional então é ridículo, temos de estar bem perto do televisor e de olhos bem abertos para perceber que é golo, lindo! supostamente, para um pobre que não possa pagar a sporttv ou uma imperial, a super liga da tvi é o único programa onde se poderia, e devia, ver a superliga, devia ser a imagem publica da super liga; pior serviço era dificil, mas por um lado é a pobre imagem da super liga, curioso nome.
bem haja o autor deste blogue!

Anónimo disse...

O trio de ataque é um programa muito ridículo....
É uma conversa de 3 pessoas que não percebem nada de bola e que não sabem nada do que se passa dentro dos clubes, realmente só a Televisão Pública para gastar dinheiro com um realizador de cinema, um cantor, antes era um apresentador de televisão e um outro que não sei ao certo o que faz e fazer um programa/debate sobre futebol.
Não dizem nada de jeito e só sabem falar mal de algumas pessoas como foi o caso do Scolari, depois no Mundial andaram caladinhos a engolir sapos, mas assim que Portugal perdeu logo abriram a boca porque chegar as meias finais de um campeonato do Mundo é pouco para uma Potência como a nossa.
Qualquer dia pode ser que seja convidado para um programa sobre cinema português na televisão, não sei nada sobre isso, mas também sei dar palpites e falar mal da subsidio dependência do cinema português.
PF

Anónimo disse...

Esse octávio até metia pena por vergar tão baixo a espinha...

galvao99 disse...

Tempo extra só para rir da figura do menino. Dia seguinte cada vez mais boring. Trio de ataque ja deu o que tinha a dar. Programas sobre futebol há poucos. Só de clubismos, amiguismos e vaidades.