AGORA ESTOU AQUI

terça-feira, fevereiro 02, 2010

O CASO

Da autoria do jovem, e já promissor, jornalista João Queiroz, o caso dos casos da arbitragem nacional passa a estar documentado e sintetizado. Já disponível nas livrarias. Por pouco mais de 7 euros. Muito abaixo do preço do dito cujo.

5 comentários:

jose reyes disse...

O que é agora? Mais uma lavadela da história? Qualquer dia o Calabote não existiu nem o treinador-adjunto do benfica se sentou no banco do Torreense.

Bruno Gedião disse...

esta é a versão vermelha geninho?

deve ser para a estares a recomendar! este ano com o 2º lugar "empolgante" já metes a cabecinha de fora da toquinha e se te vê a cor?

António Pista disse...

Que porcaria!

http://aguia-de-ouro.blogspot.com/

Anónimo disse...

Fernando Póvoas fala de "anormalidade" no caso do túnel de Braga
03-02-2010

Fernando Póvoas desconfia de «premeditação da Comissão Disciplinar da Liga», em relação ao processo pendente do túnel da Luz e o "timing" escolhido para divulgar os castigos dos jogadores do Sporting de Braga. O membro do conselho consultivo da SAD do FC Porto fala de processos que considera «anormais...»
Fernando Póvoas desconfia de «premeditação da Comissão Disciplinar da Liga», em relação ao processo pendente do túnel da Luz e o "timing" escolhido para divulgar os castigos dos jogadores do Sporting de Braga.

O membro do conselho consultivo da SAD do FC Porto fala de processos que considera «anormais...»


O universo azul e branco ainda está a saborear a larga vitória de ontem sobre o Sporting para a Taça de Portugal. Fernando Póvoas concorda quando se diz que ontem o FC Porto registou «a melhor exibição da temporada...»


O FC Porto subiu de produção desde a chegada de Rúben Micael, um «grande jogador» na opinião de Fernando Póvoas que «não esperava tanto do ex-Nacional da Madeira...»
in RR
_________

Nos dias atuais é tudo por o outro lado ???

Toupeira Real disse...

Ò Geninho

Não era melhor escrever um livro sobre o caso Francisco Guiomar? Era muuuuuuiiito mais interessante. é que esta estória já sabemos como acabou: o FCP foi campeon e o Calabote foi irradiado por perseguição de um ex-dirigente do Belenenses por causa de um jogo de juniores. Haja juízo!