AGORA ESTOU AQUI

domingo, março 15, 2009

TATOO

São conhecidos os corpos tatuados do futebol português, com destaque para os portistas Lucho González e Raul Meireles. Mas, meus senhores, o brasileiro Naldo, do Werder Bremen, foi mais longe e ostenta esta composição do calvário de Cristo nas costas. Isto já não é uma simples tatuagem mas verdadeira arte sacra.

1 comentário:

Valdemar disse...

Era uma tatuagem bastante comum nas costas dos marinheiros, nos tempos em que ser marinheiro era coisa de Homens. Isto para evitar que os capatazes os chicoteassem nas costas, como era comum naquele tempo. Que capataz, por mais furioso, seria capaz de chicotear Cristo?

Abraço.