AGORA ESTOU AQUI

domingo, março 01, 2009

O "70"

Esta semana estive em Braga para fazer um apontamento com o famoso "70", também conhecido por José Fernandes, um dos maiores empresários da área da serralharia, com três grandes empresas sedeadas em Gaia. Mas uma pessoa muito simples e que nesta imagem vemos a dar uma entrevista a Trindade Guedes (o repórter TG) no restaurante de Artur Jorge, ex-capitão do Sporting de Braga, restaurante que, aliás, recomendo.
"70"?, perguntará já quem está desse lado. Sim, o Zé 70. Assim ficou porque o seu pai era o agente 70 da polícia. José Fernandes vai para o Braga para todo o lado e houve um tempo em que ia com o Benfica. Não por ser do Benfica mas porque é amigo do empresário Manuel Barbosa. Aliás, José Fernandes deve ser um dos poucos adeptos bracarenses que é só do Sp. Braga, ele que é também um amante de ciclismo e que até já foi dirigente do Sp. Braga. Tendo a particularidade de ser também sócio do Vitória de Guimarães, embora há apenas dois anos. Um minhoto de gema, portanto. "A minha alegria era ver o Braga campeão ou o Vitória, se possível com um deles em segundo", afirma quem todas as jornadas quer ver "o FC Porto, o Benfica e o Sporting sempre a perder".
O "70" sente um enorme orgulho na carreira que o Sp. Braga está a fazer na Europa. "Não fazemos ninguém passar vergonhas, como o Sporting, e até em Milão mostrámos de que matéria somos feitos", acrescenta quem não acredita ser possível ver o Sp. Braga ou o Vitória sagrarem-se campeões "porque os grandes não deixam", sublinhando o "roubo de igreja" que aconteceu na catedral da Luz e que levou Mesquita Machado a demitir-se da presidência da AG da FPF ("e muito bem"). Quanto ao Benfica, "teve o azar de não poder disputar os jogos da Taça UEFA com os árbitros portugueses..." E diz mais: "Por mim, os três grandes podiam ir jogar para Espanha!"
São 74 anos de vida cheios de vitalidade. E alguma desilusão pois o futebol "é uma mentira". Críticas também para Vítor Pereira: "Não sabe quanto custa a um adepto pagar para ver jogos de futebol e acompanhar as equipas porque sempre lhe pagaram para andar no futebol".
Do actual Sp. Braga, confirma algo de antigo: "Temos pouca sorte com os brasileiros". Não é brasileiro mas também leva por tabela: "o Andrés Madrid andou aqui dois anos lesionado e agora se calhar nunca se vai lesionar no FC Porto..." Quanto a António Salvador, apenas isto. "Gosta do Sp. Braga há pouco tempo..." O "70" está um bocado farto de ver na liderança do clube empresários escolhidos por Mesquita Machada que gostam pouco de futebol. "A verdade é que depois de saírem do clube nunca mais ninguém os vê nos jogos...", atira. Sobre Jorge Jesus: "É um bom treinador, só tenho pena que vá para o FC Porto".???????. "Já começaram a escolher os fatos dos noivos, só falta subirem ao altar", diz quem conhece bem os bastidores do clube. Quanto a Jesualdo Ferreira, "vai para um clube pequeno no próximo ano, tem categoria para isso".

8 comentários:

Imperador disse...

Não conheço o senhor mas gostei de ler este breve trecho.
É bom que ainda existam pessoas que sintam os clubes "pequenos", distanciando-se dos grandes, vendo-se claramente a lucidez que isso proprciona.
Diz que o Jorge Jesus vem para o Porto(não sei mas não é o único a dizê-lo) e diz uma grande verdade no que a Jesualdo diz respeito.

Anónimo disse...

Quanto ao Benfica, "teve o azar de não poder disputar os jogos da Taça UEFA com os árbitros portugueses..."
--------------------------

Este 70 !!!

aNNóNNimo disse...

O "minete+1" não viu o ROUBO do Arcebispado no jogo com o FCP - Fraudulento Corrupto do Pinto?

London eye disse...

http://hcorrtv.blogspot.com/ . Eugénio fiz uma visita a este blog, e não é que o teu nome, meu oprimido da sociedade, é mencionado, aparentemente foste agredido..... Agora percebo o porquê de teres de defender a corrupção até aos teus ultimos dias, enfim, pode ser que a CORRUPÇAO FINALMENTE ESTEJA FALIDA!! E tu e muitos outros voltem a viver os vossos dias sem ameaças e mais sossego, metes dó!!

Anónimo disse...

Ao menos diz onde fica o restaurante

Anónimo disse...

E o almoço foi de borla. Chulices...

Anónimo disse...

Os processos vão sendo sucessivamente arquivados contra Pinto da Costa. Só avançará o "caso do envelope" ao árbitro Augusto Duarte, alegadamente recebido em casa do presidente do FC Porto na véspera de um jogo com o Beira-Mar, na época 2003/04. Tudo isto significa pelo menos duas coisas: a primeira, e essencial, que convém o Ministério Público arranjar provas antes de acusar alguém; segundo, que os julgamentos públicos são apenas uma parte da nova sociedade que construímos - e ainda bem que assim é. Mesmo quem, como eu, vê personificados no dirigente desportivo Pinto da Costa (e Valentim Loureiro, e Pimenta Machado) muitos dos males do futebol português não pode deixar de perceber que houve aqui uma tentativa de claro linchamento do ser humano.

Sejamos justos: a senhora Carolina Salgado, testemunha credível para acusar Pinto da Costa, o homem com quem viveu durante quase seis anos, não foi sequer processada quando no seu livro diz muito claramente que foi ela quem fez os contactos para mandar sovar um vereador de Gondomar, de seu nome Bexiga. O homem acabou, certamente por sorte, vivo, apesar de barbaramente agredido, mas a senhora ficou impune e tornou- -se numa estrela do jornalismo-benfiquista militante. Diz agora um juiz que o testemunho não é credível. Ou seja, afinal a justiça tem lógica.|

João Marcelino no DN em 14/02/09

Anónimo disse...

Oh Marcelino, a senhora só foi credivel para ir visitar o Papa, coisa que nem o Sá Carn eiro conseguiu...