AGORA ESTOU AQUI

sábado, fevereiro 07, 2009

NÃO HÁ PACHORRA


Não há ninguém como ele!

Filipe Soares Franco é um verdadeiro incontinente verbal. Não passa duas semanas sem dar uma entrevista ou um bitaite. Suponho que falaria até de malmequeres e leite de coco se tal lhe fosse perguntado.

Nesta última aparição, o ex-presidente do Estoril manda um recado para Hermínio Loureiro. Por outras palavras, diz que está desiludido com ele e que falhou ao não ser um presidente da Liga a tempo inteiro.

Mais uma vez FSF emprenha pelos ouvidos.

Só quem não conhece o que se passa pode dizer que HL não dedica muito tempo à Liga. Muito mais, por exemplo, que Valentim Loureiro.

Mas o problema de FSF não é esse. O problema é que Hermínio Loureiro nem sempre lhe atende o telefone e raramente responde. O (ainda) presidente do Sporting não aparece na Liga no momento das decisões mas acha-se no direito de estar sempre a ligar para o presidente. Para quê? "Para falar de assuntos importantes do futebol", explica. Não é preciso muito para se imaginar o que são estes "assuntos importantes".

Infelizmente, os nossos dirigentes continuam a viver num tempo medieval do futebol. Não conseguiram dar o grande salto em frente. E por isso não entendem Hermínio Loureiro. Nem podem entender. O presidente da Liga não é um PBX ou um espelho de deflação. O presidente da Liga dirige a Liga, tem uma política para a Liga e pôs a Liga a trabalhar a todo o vapor. Sim, eu sei, não foi para isso que a Liga foi criada... Os dirigentes do passado têm medo do futuro. Mesmo aqueles que neste momento são apenas passado mas que continuam a não resistir ao impulso para falar sem dizer nada ou então apenas para se assumirem como recoveiros de um sistema que caducou. Ou será que não?

11 comentários:

Anónimo disse...

Mas este senhor FSF pode falar à vontade com o sr. Rogério de Brito que é o Vice-Presidente e "director" do Sporting. Ou com o sr. Vitor Pereira da arbitragem, também sócio do Sporting.
Ou será que eles não estão disponiveis da parte da manhã e (parafaseando Pinto da Costa) de tarde já não é possivel ao sr FSF?
jraugusto

aNNóNNimo disse...

Gostei dessa do recoveiro...!
Carteiro ou mensageiro não lhe ficariam mal também!
Quem é que, por castigo, não pode dizer as barbaridades a que nos habituou...? Pois é o "Padrinho"!
Quem tem sido "a voz do dono"...?!!!
Pois o aprendiz de "feiticeiro", o menino do 'John Bull' e doutros bares de Cascais!
Penso eu de que...o sistema estremeceu, esta caduco como dizes , mas não caiu...
E ainda mexe...e MUITO!

P.S. - Seria a este "gato esfolado" que o LFV, se referia, quando desafiou o HL a dizer quem o pressionava?
No lo creo...como diria o Cantinflas!

Zé da Póvoa disse...

Querer comparar Hermínio com Valentim parece-me bem. Ambos são rasteiros e o seu nível é mesmo muito baixo.
Não entendo, todavia, a defesa que o Eugénio faz do taberneiro da Liga. A sua (in)competência está à vista de todos com as palhaçadas sucessivas que vem protagonizando. Pior do que isso, com o compadrio que instalou no futebol que o faz resvalar para a sargeta mais imunda de que há memória. Um exemplo: o Belenenses em 2 semanas sofreu 2 roubos de igreja; um no campo contra o benfica com muita paixão e outra na secretaria por juizes (?) que o que querem é receber ajudas de custo e de presença e que foram escolhidos pelo taberneiro e pelo presidente do benfica.(o Madail pôs-se ao fresco nessa escolha).

Anónimo disse...

Palhacito, o Sporting espetou 4 nos tripas. Estou-me a cagar para as tuas sabujices ao teu compadre badocha herminio...

Anónimo disse...

o que interessa é que o Herminio atenda o telefone do Luis Filipe Vieira. O verdadeiro "papa" dos actuais corpos gerentes da Liga de Clubes. E o presidente do SLB nem deve precisar de telefonar, deve ter agendados almoços e jantares que, para tal, o HL está sempre disponível. É um verdadeiro papa-açorda.

gertrud disse...

Um senhor, não tenha dúvida, este Luís Soares Franco, que o diz na estatura como na equidistância.

Visigordo disse...

Este post, e o comentário a juntar-se a ele, é um autêntico absurdo.
O FSF fez tudo para que as regras do futebol e da transparência fossem em frente. Votou, ou melhor, o Sporting votou derrotado em muitas delas delas.
Grande salto em frente? Grande salto em frente ele tinha dado ao atender esses telefonemas que você diz não ser preciso muito para se imaginar.
Ponha preto no branco, assuma as suas palavras e diga-nos o que é que quer dizer com "Não é preciso muito para se imaginar o que são estes "assuntos importantes". Está a querer insinuar alguma coisa? Se está, venha de lá a verdade, eu como sportinguista agradeço. Melhor, farei tudo e porei todos os meus votos do congresso próximo no sentido de acabar com esse arrivismo e desrespeito pelas regras do jogo.
Se o presidente do Sporting não aparece na Liga no momento das decisões, ele não se faz representar? A Liga, se as coisas funcionassem normalmente, não precisaria de figurinhas, precisaria de tomadas de posição, e essas que eu saiba, o Sporting ainda não as deixou de apresentar.
Faltou-lhe o boneco para o jornal? Azar.
Chamar ao FSF "dirigente do passado", "continuar a viver num tempo medieval do futebol", "não conseguir dar o salto em frente", "ter medo do futuro", "recoveiro".... isto é de uma falta de carácter a toda a prova.
É de quem está no futebol para se servir a si próprio sem respeito pelas pessoas, sem respeito por quem tenta trazer alguma transparência a esta merda deste esgoto em que está mergulhado o raio da bola.
Bom, muito bom, era antes desta geração de dirigentes do Sporting ter aparecido.
Melhor, é o Vieira agarrado a uma bandeira do Sporting, a bradar que a bandeira é dele, e a fazer tudo o que essa bandeira combate, isso é que é bom.

joaquim agostinho disse...

Há um presidente que ele atende, de certeza.
Vitor Pereira é tão sportinguista como é o Barbas.

A.M. disse...

O futebol português e aqui refiro-me apenas ao futebol jogado fora das quatro linhas atingiu um nível de credibilidade tão baixo que já ninguém realmente acredita em nada nem em ninguém, mas se o Hermínio Loureiro tem essa postura para todos os presidentes, isso só o credibiliza, até porque é preciso ter uns grandes tomates para ser capaz de não atender o telefone a alguns presidentes...e quanto ao sr. Soares Franco, mas então não foi ele que disse há tempos que só dedicava uma hora por dia ao seu clube e isso chegava?!...Na minha opinião, que sou de um grande clube que não é considerado um dos clubes grandes, o Sporting Clube de Portugal merecia melhor...

Deixo's Poisar... disse...

Oh senhor Eugénio Queiroz...
Com que então FSF é um dirigente a viver num tempo medieval. Você, decididamente, não gosta da generalidade dos dirigentes do futebol, o que não tem nada de mal. Está no seu direito.Mas vá lá perceber-se porque gosta do HL. Que é que ele já deu ao futebol? O "goal average"? Ora bolas...
Não andará você a comer demasiados salgadinhos no bar da Liga?

Anónimo disse...

Costuma-se dizer QUE MAIS CAIR EM GRAÇA DO QUE SER ENGRAÇADO. O Sporting durante a sua presidência é o único Clube que tem apresentado propostas na Liga para melhorar o futebol.Todas essas propostas têm sido derrotadas, mas aparece sempre alguèm a dizer que ele (o SF) representa o passado.Mas afinal quem é que representa o futuro? O LFV? O PC? Ó Géninho!Diz antes que não gostas do estilo do homem (e tens esse direito), mas, por favor, não nos massacres com o teu olhar unilateral, com o teu facciosismo doentio.