AGORA ESTOU AQUI

sexta-feira, novembro 21, 2008

O GRANDE TI MANEL SEM PAPAS NA LÍNGUA

Disse que estava "tudo montado" para ser Carlos Queiroz o escolhido. Referiu-se a "rabos de palha", a pressões feitas por "sebastianistas", mas nunca concretiza. Que rabos de palha conhece, quem são os sebastianistas?
Para que vou eu falar em nomes se os nomes são conhecidos? O poder todos sabemos quem é e onde tem estado sempre, e o poder nunca gostou de mim. Tenho pago uma factura elevadíssima por me ter batido pela transparência. Basta ver aquilo em que se transformou o futebol português nos últimos 30 anos para perceber quem venceu.
Trabalhou durante vários anos no clube de uma das figuras mais poderosas do futebol português - o Boavista, de Valentim Loureiro -, o que leva a crer que o problema não é só o poder?Quais são as verdadeiras razões da inimizade com Pinto da Costa?
São muito fortes e não tenho de as contar.
Uma frase que ele tenha dito ou uma atitude que tenha tomado que tenha sido decisiva na ruptura com Pinto da Costa?
Já estou velho e falha-me a memória.
Mas as razões estão para além dessa incompatibilidade entre si e o poder. O que se passou realmente entre si e Pinto da Costa?
As razões são fortes e não vale a pena contá-las. Não tenho receio, mas não vejo qualquer interesse. Sei que não tenho hipótese nenhuma, nomeadamente na selecção.
E tem legitimidade para reivindicar o cargo?
Sou quem mais legitimidade tem para o reivindicar. Eu e mais ninguém. O próprio Queiroz não tem o currículo que eu tenho. Os que em Portugal ganharam alguma coisa, ganharam no FC Porto. Depois, zero. Fartei-me de gozar com isso. Quem deve mandar não manda.
Nunca se arrependeu de, como diz, ter "desagradado" a Pinto da Costa?
Nunca. Quando abro a boca sei o que estou a dizer. Sou pela verticalidade e houve alturas em que tive vergonha de pertencer ao futebol. Mas quero esclarecer que nada tenho contra o FC Porto. Antes pelo contrário. O FC Porto e a selecção têm sido os maiores representantes do futebol português a nível internacional. Só não concordo é que um clube tão grande seja usado como defesa pessoal ou escudo de alguns.
Mas como é que lidou sempre bem com Valentim Loureiro, um dos outros envolvidos no processo "Apito Dourado"?
Valentim Loureiro era o presidente do Boavista e eu era o presidente da equipa de futebol. Foi sempre assim em todos os lugares por onde passei e disse ao major o que disse a todos os outros presidentes: "Se quiserem ser presidentes e treinadores nem vale a pena começar a negociar." Valentim Loureiro sempre respeitou esta regra, sou amigo dele.

ler versão completa em http://dn.sapo.pt/2008/11/21/dnsport/sou_quem_mais_legitimidade_para_sele.html

26 comentários:

Pedro disse...

Já parece o de Palmela....

Presunção e agua benta, cada um toma a que quer....

Já chateia este assunto deste trinador.... Se fosse para a selecçã ainda lhe acontecia como no slb e no scp....

Anónimo disse...

sim senhor geninho !
como tu es uma virgem !
vais ficar a saber quem são os ABUTRES do futebol portugues,
ou melhor os corruptos do famigerado sistema a quem Dias DA Cunha APONTOU O DEDO ! É a justiça condenou !!!
o teu amigo PdaC é o não menos amigo das tainas loureiro .
isto sem alterne ,sem fruta ,POIS COM FRUTA temos o teles ,o araujo , e o rijo mais o abel é o tinoco ,com a complicodade do rui ,mais os ex de gondomar ... disse

Anónimo disse...

Treinou Sporting (duas vezes)Benfica ,Belenenses e não deixou saudades nenhumas!!!!!!!!!!!!!

Os titulos na "3ªDivisão" fizeram-lhe mal????!!!

santos disse...

Ninguém mais podia singrar, estes tempos, na selecção, depois que o scolari elevou os seus jogadores, à bruta, sem mérito, à condição de heróis.

Anónimo disse...

O FC Porto e a selecção têm sido os maiores representantes do futebol português a nível internacional. Só não concordo é que um clube tão grande seja usado como defesa pessoal ou escudo de alguns.
-----

O FCP, tem mérito.

Mas "ELE" está preocupado com o clube ???!!!

Que BONZINHO!!!!!

Anónimo disse...

Sou quem mais legitimidade tem para o reivindicar. Eu e mais ninguém. O próprio Queiroz não tem o currículo que eu tenho. Os que em Portugal ganharam alguma coisa, ganharam no FC Porto. Depois, zero. Fartei-me de gozar com isso. Quem deve mandar não manda.
----

Tem melhor curriculum que Artur Jorge;Mourinho;Pacheco;Inácio;Jesualdo;F.Santos;P.Bento;Peseiro;Toni etc???!!!

Lembro que é "TUDO GENTE" que já ganhou campeonatos e/ou Taças!!!

Anónimo disse...

Dê pra onde der, vai sempre ficar atravessado a não chamada de Manuel José ao comando da selecção.

Não só pelo que representa o seu currículo dentro e fora de fronteiras mas, e principalmente, pelo que isso revela sobre a forma como são escolhidos pela Federação os técnicos da equipa principal que, em vez de serem escolhidos pelas suas competências, são-no pelas pressões do "sistema" que na altura está mais por cima.

Foi assim com o despedimento de Humberto Coelho que até tinha conseguido uma das melhores prestações da equipa de Portugal, para lá colocarem António Oliveira, o irmão do patrão, com as consequências conhecidas.
Foi de seguida quando, para o substituir após a barracada do Coreia/Japão, Gilberto Madaíl já tinha tudo acertado com Manuel José (a quem viria posteriormente a pedir desculpas públicas) e, mais uma vez por pressão de que a Federação foi objecto por parte do presidente de um clube que se tornou inimigo figadal de Manuel José, este voltou a ver fecharem-se-lhe as portas do comando técnico da selecção. Foi então tomada a opção de um treinador estrangeiro, comummente aceite pelos principais clubes (vejam-se declarações da altura de apoio à escolha por parte de Sporting, Benfica e FC Porto). Só que, contrariamente ao esperado, Scolari roeu a corda ao que o presidente do FC Porto esperava dele, mais um que colocasse os seus jogadores na montra como o fizera o antecessor António Oliveira.
A partir daí o caldo entornou entre o presidente do F Porto e Scolari: começou logo com o caso Vitor Baía e estendeu-se até ao mais recente caso Quaresma, de quem também Scolari não era fã e Pinto da Costa precisava de despachar.

Para terminar agora foi-se buscar o professor Donuts que, sabe-se lá porquê e apesar da prestação que tem tido, tem o apoio público do presidente e adeptos do Fc Porto. O brasileiro não servia porque até perdia as finais, o Donuts serve mesmo que perca jogos de média dificuldade em casa e leve cabazadas fora.


LAM

bLuE bOy disse...

Funny, very funny... nada como ler as palavras deste santo d'altar, onde só lhe falta a auréola, para fazer dele um anjinho celestial.

Este Senhor nem dorme a pensar no FC Porto e no PdC... e não é de agora, é desde já há muitos anos... mas o «fel», não há maneira de o largar.

Quem não o conhecer, que não o compre.

Este Senhor, de quem fui vizinho a 50 mts durante muitos e longos anos, na cidade de Espinho, quando treinava o clube local (Sporting Clube d'Espinho), esqueceu-se com muita facilidade onde era o seu poiso natural nas horas vagas do futebol, o dele e do seu adjunto d'altura, um tal de Raul, que verdade seja dita, eram uma dupla imbativel no mal dizer, na badalhoquice de lingua, no fel que destilavam contra o FC Porto... o local? o antigo NOSSO CAFÉ em Espinho, ali na Rua 8, bem encostado á antiga linha do comboio.

Ambos, mais este do que o seu adjunto, nunca esconderam de ninguém o fel que tinham pelo FC Porto... em contraste com o amor doentio ao clube dos GAYvotas.

Faz mto bem o meu (nosso) Presidente PdC nem querer sequer querer chegar perto desta figurinha de presépio...

Ele que vá mas é dar banho ao cão lá para as Arábias e d'uma vez por todas, esqueça que o FC Porto existe... porque nós, tb há muito que esquecemos esta figurinha sem nível, sem classe e com muita falta de berço (na linguagem com que sempre presenteou o FC Porto).

Ricardo disse...

Que grande dor de corno, este "Ti Manel". Fez merda no Sporting, fez merda no Benfica, não fez no Boavista, e com melhores jogadores, o que Jaime Pacheco conseguiu fazer, mas não se cala com esta conversa do "Eu sou o Maior" e "Eu é que devia ser o seleccionador", e o raio que o parta. E o Eugénio não se cansa de o bajular. Meio José Mota vale mais do que um Manuel José inteiro, porra!

dragao vila pouca disse...

Que M.José se sinta despeitado, por ver tantos treinadores portugueses a serem Campeões no F.C.Porto e o Presidente Pinto da Costa, o tenha sempre ignorado, ainda vá que não vá, agora que aproveite todas as entrevistas para demonstrar esse despeito e aessa frustração, já é coisa de difícil explicação.
Enfim, dizer mal do líder dos Dragões sempre deu popularidade neste país.
Será que também vai escrever um livro?

Anónimo disse...

Tenho muita pena que o calhau vaidoso do Manuel Damásio e o seu amigo o 'Padrinho' de Contumil, com o rastejante apoio dos "Mérdia" controlados, o tenham escorraçado do seu país!

P.S. - Manuel José a selecionador!
JÁ!!!

Anónimo disse...

O que ouve e o sr.MJ não quer ver foi um grande consenso no País de que o Prof.CQ, era a pessoa mais indicada para o cargo.
Esta è que é a verdade.
O resto é MAIS TRETA.

Anónimo disse...

Leste, hoje na "A Borla", a coluna do 'Senador' Rui 'Fininho, presidente dos 'inválidos' do comércio do Porto?!
Será que está a rosnar às canelas do Al Campónio de Cedofeita ou entendi mal?
Fiquei a matutar naquelas de:
. serem alguns dirigentes a 'pedir' serviços às claques...

(Lembrei-me das agressões ao Eugénio e ao Bexiga, p. e.)

. ... Guarda Pretoriana...

Lembrei-me do doirado 'César Flatus' bem rês(es)...guardado e acompanhado ao Tribunal!

GeracaoBenfica disse...

ufff q alivio...

estava a ler a seguinte frase:

"Tenho pago uma factura elevadíssima por me ter batido pela transparência. Basta ver aquilo em que se transformou o futebol português nos últimos 30 anos para perceber quem venceu"

e estava a ficar preocupado, porque pensava que era sobre o amigo Geninho... mas depois percebi que nao era ninguem avençado, que era o Manuel Jose.

ufffff

RC disse...

Aqui está um homem de espinha direita e isso em Portugal dá direito a não passar da cepa torta, sempre assim foi, seja no futebol, seja no resto. Um dia em Tomar viu-o confrontar um jogador cara a cara em termos muito duros: depois de uma entrada violenta no treino sobre um colega, o MJ parou o treino e disse-lhe alto e bom som à frente de todos que ele era um merdas que ali se fazia despropositadamente valente mas que nos jogos a sério era um cobardolas que comia e calava...Como jogador passou ao lado de uma grande carreira, era um excelente jogador que não se percebe bem porquê acabou por passar o tempo em clubes medianos sem ter dado o grande salto. Ainda bem que, apesar de ter passado pelo Sporting e pelo Benfica em tempo de vacas magras, teve sucesso em todos os outros lados e é hoje, com todo o mérito, o grande treinador de África (onde muitos treinadores europeus de nomeada, nomeadamente franceses, alemães, italianos, croatas e sérvios não têm tido êxito.

Anónimo disse...

Pois é andamos aqui que parecemos galinhas tontas... agora ja pedimos que o scolari volte.. pois acredito que não devemos morder a mão que nos alimenta.. um seleccionador a levar as mãos á cabeça é um seleccionador com um bilhete para a porta de saída, um "melhor do clube" ops.. melhor do mundo que só pensa na taça que vai ganhar e que quer ganhar e que tem que ganhar e que em campo joga , joga.. hum.. NÃO JOGA é simples ! com discurso encomendado para todas as conferencias de imprensa, um gilberto madaíl sereno e calmo mas sem ideias e esgotado... pois bem meus amigos assim anda a nossa selecção nacional :) o orgulho da nossa bandeira, deviamos mandar para lá a selecção de rugby que para além de saberem o hino NÃO GOSTAM DE PERDER NEM A FEIJÕES !!

David Martins

Marcio disse...

Sem papas na lingua? Eu li foi um discurso empapado, à la Octavio Machado. O Manel não concretiza nada, atira as canas para o ar mas não acende os foguetes...

Zé da Póvoa disse...

O despeito transformou o homem num novo Octávio. Sabe de tudo, mas não conta nada!
Não entendo porque se arroga no direito de ser seleccionador nacional.
As vitórias em competições internacionais de 5º. nível subiram-lhe à cabeça!

Anónimo disse...

Neste atrasado,invejoso,centralista e talvez ingovernavel país, qualquer "timanel" que queira que reparem nele é falar de PC e do FCP.

Anónimo disse...

Tocou a reunir as praças do PdaC. Eles aqui estão todos alinhadinhos, respeitosos e disciplinados a bater no Manel Zé...bastou o homem dizer que não ia à bola com o papa...a guarda pretoriana atacou à carneirada. O outro é que é bom, nunca ganhou merda nenhuma em lado nenhum e especializou-se em levar meia dúzia de cada vez, mas como tem a mãozinha do papa em cima da cabeça, há que dizer que o homem é o tipo certo no lugar...haja paciência para tantas pálas nos olhos!!!

Anónimo disse...

ao anónimo das 17:18

Não deixa de ser verdade isso o que diz. Qualquer bardamerda que fale contra o FC Porto ou Pinto da Costa tem logo garantidos 80% das razões que invoque. Disparates também valem. Mas que isso não cegue ninguém a pontos de deixar de ver razão a quem a tem também. E Manuel José tem muitos argumentos que, quando comparados com a mediocridade instalada, só por cegueira ou compadrios não são tidos em conta.


LAM

aNNóNNimo disse...

Blue GAY

Estás cheio de razão!
O Homem - sim com agá grande - não pode com o corruptor na forma tentada e ASSUMIDA.
Faz o SENHOR Manuel José, não descer ao baixo nível da figura da ópera bufa de Contumil!

Anónimo disse...

dragão vila pouca

Vê lá se te recordas!

"Last but not the least, se eu pretendesse encontrar alguém que personificasse o tal "carneirismo" que se encontra enraizado no F.C. Porto, o Vila Pouca (nome de família) tinha-me feito o subido favor de apregoar bem alto "ESTOU AQUI EU".

Isto foi parte da resposta a um tal "dragão vila pouca", por um adepto do FCP, que não hipotecou a sua capacidade e inteligência, na adoração cega ao siciliano de Cedofeita!

Anónimo disse...

Já agora, conta como combinaste,com o TonY, a tua ida para o Benfica.
De santo não tens nada, e lembra-te que foste o único treinador a ser despedido por incompetência.

Kostadinov disse...

Que dizer desta entrevista pejada de má formação por parte do Manel Zé.

Quer dizer que o Manel não é seleccionador por causa do Pinto da Costa???

Terá sido Pinto da Costa que ajudou a desfazer o contrato que este Manel já tinha assinado com a FPF umas semanas antes de Scolari ser confirmado como treinador da Selecção???

Se pensam assim, é justo concluir que entendem também que foi Pinto da Costa que quis Scolari!


Fosga-se, a estupidez desta gente não pára de me surpreender.

RC disse...

Uma rectificação ao comentário das 19:45
O episódio em Tomar a que me referi não foi protagonizado pelo Manuel José, mas sim pelo António Medeiros. A minha memória é que já tem os seus momentos baixos de forma...