AGORA ESTOU AQUI

terça-feira, setembro 09, 2008

PARA QUÊ?

De 4 em 4 anos, a seguir aos Jogos Olímpicos, lá vem a história dos Paralímpicos. O pessoal com "handicap" (físico ou mental) aproveita as instalações desportivas olímpicas e vai também à caça à medalha. O Mundo considera isto um acontecimento! Mas não é. Quando muito é uma boa ideia que sobretudo serve de motivação a quem nasceu e cresceu com problemas. De aí até fazer dos Jogos Paralímpicos um acontecimento, com páginas de jornal, vai uma grande distância. A não ser pelo bizarro da coisa... Só consigo encontrar uma explicação para isto: os "eficientes" justificam a sua geral indiferença pelos "outros" com este tipo de paternalismo. A treta do costume. O desporto de alta competição nada tem a ver com esta espécie de ATL com cães-guias, próteses da Puma e jogos de salão...

PS - Presente em Pequim, Laurentino Dias considerou a conquista de uma medalha de ouro em Boccia (?????????) "o momento mais bonito do meu mandato". Ok, já sabíamos que não está a ser um grande mandato - o que não sabíamos é que ia assim tão mal...

370 comentários:

1 – 200 de 370   Mais recente›   Mais recente»
Anónimo disse...

Para escrever MERDAS destas mais vale estar quieto!!!

Anónimo disse...

Oh meu grande animal (uma pessoa que escreve isto nao pode ter outro nome) o mal que aconteceu a essas pessoas devia te acontecer a ti mas a dobrar meu grande fdp

Anónimo disse...

mostra mais respeito por estes cidadaos que merecem o nosso respeito mais que tu...

Anónimo disse...

ganda cona k es!!!
deixa de ter isto da moderaçao de comentarios para veres o k vais ter!!!
fds como e possivel? la por terem problemas n podem ter uma competiçao?
aposto k n fazes metado daquilo k eles fazem!!

Anónimo disse...

és mesmo um grande filho da puta!!!!!

Anónimo disse...

gordo de merda!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Anónimo disse...

vai pa merda

MGP disse...

Face a um post como este, só me resta dizer isto: vai à merda!

Não vais publicar este comentários, mas sempre fica a satisfação...

Anónimo disse...

acho k devias aceitar os comentarios!!
k raio de jornalista es tu???
gordo do crlh!!
sabes k tem um post de merda, k nem aceitas os comentarios, e ainda n tens nenhum, porque sera???

Anónimo disse...

Humanismo! Respeito pelo outro...mesmo que seja diferente.
Demonstra de facto um grande carácter.

Anónimo disse...

tens inveja deles e???
acho k tens mais defeciencias k eles!!!
eheh

Anónimo disse...

pk n aceitas os comentarios?

Anónimo disse...

vai pa puta k te pariu meu cabrao

Burns disse...

eugenio
você perdeu uma grande oportunidade para estar calado
vindo de uma pessoa que ja teve a filha inscrita numa especie de olimpiadas de matematica ou informatica ou la o que foi
acredito piamente , e porque ate acho bem algumas coisas que escreve , que quando escreveu esta posta estava bebado
p.s.-quando passar a ressaca nao lhe ficava nada mal retratar-se

Anónimo disse...

Não deixa de ser verdade algum paternalismo. E é verdade também que não empolga os milhões que acompanham os outros olímpicos.

Por outro lado a realidade muitas vezes escondida diz-nos que haverá, mesmo no nosso País, umas centenas de milhares largas com deficiências motoras que, de alguma forma se revêem nestes seus representantes.
E esses também lêm jornais, vêm televisão e teclam na internet.

Por isso penso que não será demais esses orgãos darem destaque a esses eventos.
Por uma questão de solidariedade que é também vocação de qualquer orgão de comunicação e, verdade também, por razões comerciais pois representam uma fatia do mercado não de "massas" mas, mesmo assim, a não desconsiderar.


LAM

Anónimo disse...

devias de morrer filha da puta....

era foder-te esse focinho todo com uma cadeira de rodas ou umas canadianas... monte de merda....

sabes qual devia ser a tua deficiencia?? nascer um pisso de 2 metros de largo nesse cu de badocha...

metes nojo... porco imundo

Anónimo disse...

Espero sinceramente que alguns tipos mais destemidos vejam o que aqui está escrito, procurem por uma foto sua na net, é fácil, é lhe dêm aquilo que merece!!!

António Silva disse...

PUTA QUE TE PARIU! Deviam era mandar-te para os paralimpicos com um pinheiro enfiado pelas nalgas acima.

Anónimo disse...

granda boi!

Anónimo disse...

devias ter vergonha na cara! Qualquer destes SENHORES presentes em Pequim mereçe mais respeito que tu! e TODOS ELES DÃO MAIS A PORTUGAL QUE TU.

master kodro disse...

Faz-te falta dares aqui um salto:

http://www.paralympic.org/release/Main_Sections_Menu/Paralympic_Games/Past_Games/Athens_2004/

E depois tenta a página dos mínimos requeridos. Para os 100 metros, os mínimos A de Atenas, dependendo da condição dos atletas, começavam nos 11,10 segundos.

Tenta como és, como tiveste a sorte de ser (sei que há opiniões controversas neste campo, pelo que li nesta caixa). Depois informa-te sobre os "handicaps" e imagina como seria. Quando conseguires algum dos mínimos, teremos o tal acontecimento que julgas não existir.

Anónimo disse...

pode ser que daqui a 4 anos estejas lá tu também.

Anónimo disse...

parabens!!!
k grande texto!!!




PS. tava no gozo claro!
mas k merda e esta?fds n tens vergonha na cara?

Anónimo disse...

Hum gajo que critica as pessoas com deficiencias só pode ser doente.
Por elas terem nascido com problemas não merecem destaque da imprensa? Não são pessoas diferentes de nós são pessoas como nós doentes. Não sou de desejar mal a ninguém mas merecias que te acontece-se algo e ficasses paralisado, e depois gostava de te ver escrever estes textos. Doente és mesmo doente

Anónimo disse...

vai po caralho!

Anónimo disse...

És mesmo atrasado mental... pra ti só luta na lama com os porcos!!!

androctonvs disse...

Percebo onde queres chegar, Eugénio.

Mas limites, todos os temos. Se os humanos "normais", sem deficiência, participam nos Jogos de acordo com as suas capacidades e limites (como o peso, por exemplo), estes também o poderão fazer de forma extremamente competitiva!

Alta competição não são só os recordes para o humano normal. Alta competição também é conseguir atingir a perfeição dentro de um quadro de limitações altamente rigoroso (e com o qual os deficientes têm de viver todos os dias).

Agrupa-se um conjunto de pessoas com características iguais e dá-se-lhes a oportunidade de competir e ver quem consegue chegar mais longe/mais rápido ou fazer melhor de acordo com a sua condição.

Não dar sequer esta hipótese de glória, legítima como qualquer outra, é que é ser paternalista e cruel - como aliás foi o seu post.

Por certo, não terá pensado desta maneira quando escreveu o que escreveu. Pode sempre pedir desculpas.

+1doVitória disse...

Junto-me ao coro de assobios, insultos e impropérios dirigidos ao autor do texto...
só pode ter sido por provocação, não acredito que alguem com meia duzia de dedos de testa tenha semelhante pensamento, mas se é do fundo do coração, então só tenho a lamentar que individuos como tu sejam fazedores de opinião e mais facilmente se compreende porque os jornais cada vez vendem menos!

Anónimo disse...

tu é que podias participar nestes jogos... Tens um atraso mental do caralho!

Gonçalo Guimarães disse...

Este gajo e demais. Se tivesse a deficiencia da Leila nos dois braços era um bem que fazia ao pais.

Espero pelo menos que aceites o comentario.

Urubu disse...

Para ti matavam-se todos os deficientes. Caiu-te a máscara, és mesmo um hiterzinho, que teve sempre a protecção do pai e quando deixou de a ter caiu na merda.
Tem cuidado porque também estás classificado como deficiente, mas nos atrasados mentais.

Anónimo disse...

Foi com certeza a última vez que abri este blogue. O próximo post, dedique-o inteiramente a um pedido de desculpas.

Francisco.

geninhoasqueiroso disse...

és mesmo um burdamerda!!! então a tua deficiencia é andares por aqui a meter nojo e a sees um cab*** dum avençado do club corrupto

Pitx disse...

compreendo agora o teu comentário, caro eugénio.

entendo agora porque raio o record (tua entidade patronal, não é?) achou por bem apresentar uma entrevista com um jogador benfiquista no dia em que o nelson évora venceu uma medalha de ouro.

caramba, eugénio, relê lá o teu post. é parvito, caramba. e não, não acho que tenhas faltado ao respeito aos deficientes e mais não sei o quê. faltou-te foi o tino para entenderes o que é que pode ser motivo para assunto de jornais ou não.

explica-me lá então que tipo de acontecimentos devem merecer atenção num jornal? os que o povo queira ler, comprando, não é? pois, entendo o que queres dizer.

quanto ao paternalismo dos eficientes? eh pá, apetece-me chamar-te de .... pronto, não chamo. mas não entendes que aquela merda é mesmo difícil?

já agora e porque não mostrar que as competições femininas dos eficientes também não são coisas de interesse. afinal elas correm, lançam e saltam menos que os homens. ou se calhar não, não é?

pronto, daremos então atenção apenas aos brancos. também não?

então, conta lá, a ideia é só contar e apresentar notícias sobre a alta-competição? e achas que noticiares que ... bom, desisto.

prepara-me já agora para os teus futuros posts. vais-nos dizer o quê? que jogar futebol com botas é coisa de maricas?. que alta competição é defender sem luvas?

ai eugénio, eugénio...

p.s.: naquilo do laurentino tiveste piada. é daqulas coisas que as pessoas "estavam mesmo a pedi-las", não era?

Eugénio Queirós disse...

Mas que grande granel! De facto, o discurso nunca é linear, pode ter sempre várias interpretações. Confirma-se!

Anónimo disse...

Confirma-se então que não estava bebado ao escrever o que escreveu! Vou ver se envio este texto para todos os jornais e tv's, para que todo o Portugal fique a saber que é afinal este senhor e o tipo de gente que existe numa classe que se quer competente e imparcial.

Anónimo disse...

Então tás com inveja por a obesidade ainda não ser considerada uma deficiência?!?

oh badocha pode ser que para o ano já possas entrar nesta competição!

És mesmo nojento, gordo de merda...

Anónimo disse...

Nunca pensei alguem descer tão baixo.

Espero sinceramente que nunca fiques com algum handicap nem nenhum filho teu, pois nunca escrevias o que escrevestes.

Sinceramente também não me espanta este post, pois é a continuação da merda que escreves diariamente. A culpa não é tua é de quem te disse que sabias escrever e pior, quem te paga para escrever.

Nascem gajos que tem o intestino grosso ligado aos neuronios e tu és um deles.

César disse...

Quer me parecer que alguém anda a precisar de um pouco de atenção, o que é certo é que a conseguiu, tendo em conta o número de comentários em tão pouco tempo... Agora há uma coisa um bocado preocupante, quer dizer, para quem se preocupar porque a mim não me diz nada... Mas, porque é que o Eugénio precisa de atenção num espaço na Internet, essa é a questão relevante deste post, patético e hilariante ao mesmo tempo... Sim, porque eu não acredito que o Eugénio realmente acredite no que escreveu.

Eugénio, vá-se tratar, da falta de atenção.

BdB disse...

Este post é vergonhoso, ainda para mais vindo de um jornalista. VERGONHOSO.

Luciano Rodrigues

PS - Não vibro com os Jogos Paralímpicos. Nem os vejo. Não tenho orgulho desmedido nas medalhas conquistas. Mas gosto de saber que nos Paralímpicos fazemos, por exemplo, uma dobradinha.

PS2 - Lembro-me de algumas "postas" eufóricas sobre a Vanessa Fernandes. Relembro que nos JO essa atleta não se superou, não fez nada de imaginável. Cumpriu apenas o objectivo. Há 2 super triatletas no mundo. Ela ficou em 2º.

Anónimo disse...

Todos tem direito a errar meu caro..mas o que voçe escreveu neste blog é intoleravel e de alguem que se acha um euGÉNIO só que sem inteligência para escrever aqui ou em outro sitio qualquer assim ao calhas no Record por exemplo..
A sua deficiência é tão grande mas tão grande que nem nos paralímpicos conseque participar..

Meu caro tire umas férias.............DE VEZ!

LAMENTÁVEL!!!

jasmine disse...

A verdade nua e crua raro se tolera e jamais será bem aceite por maioria da gente, que acredita, tem fé e se dá bem no reino dos faz de conta.

Mais se tem o seu habitat em algum sítio da região católica dos PIGS.

Eugénio Queirós disse...

Posto isto, penso que não precisarei de atestado médico...

Euripo disse...

Os comentadores deveriam ir às Oli´mpíadas da estupeidez e iliteracia...Já que nem um texto conseguem ler e perceber. E depois...claro...a carneiradas vem aos molhos

roger disse...

Ihhi, o que aí vai de inquisidores, de hipócritas e beatos, defensores da livre expressão, se a declaram os states, algum ocidental, mesmo um papa-açorda de baixo, agora que um simples jornalista ouse pensar por si de forma lúcida, deus meu, pior que qualquer terrorista dos forjados pela escória guantanamo, ui, linchavam-no logo, em massa, os atrasados, valentes.
E não passam de uns débeis, de uns hipócritas, papa-hóstias, sem toparem, incapazes de pensar pela sua cabeça e uma vez sequer darem a mão à palmatória.
Tal como logo à noite podem ir às putas, se não à gayzada, que já amanhã defenderão o sagrado matrimónio da ingreja.
E é de rir, estes gajolas, paternalistas, católicos, com ares de beatos.

Anónimo disse...

estes jornalistas marionetas metem dó de tão limitados que são, vá se lá saber porquê...
como é que alguem que só desperta sentimentos de repulsa ou indiferença às pessoas pode ter moral?

MSR

Anónimo disse...

Por muito menos do que isto o Glenn Hoddle foi demitido de seleccionador inglês. Que Deus te peroe, mentcapto...

NM disse...

Na Internet existem dois tipos de vozes dissonantes típicas. Os sérios e os trolls.

Ambos são estúpidos e inúteis. Mas aos trolls dá-se o desconto de serem putos imberbes à procura de atenção.

Espero que o senhor Eugénio seja apenas um subdesenvolvido mental à procura de reconhecimento dos seus igualmente mentecaptos pares.

E espero também que os elogios e a alegada leitura de uma assentada do livro do Óctavio seja uma tentativa de ironia.
É preciso ter muito tempo disponível para se ser tão estúpido.

Anónimo disse...

gordo do caralho, pessoas como tu deviam morrer. filho da puta

Anónimo disse...

o que aconteceu às (grandes) pessoas presentes nos Paralímpicos devia-te acontecer a ti 30 vezes. filho da puta

Anónimo disse...

bem os teus adjectivos tao a aumentar!
parabens pelo feito!!
para quem e anormal e mt bom msm!

Anónimo disse...

O Benfica joga sempre com 11 deficiente + 4 cães guia pretos, e ninguem se queixa...

Anónimo disse...

deves tar a gostar

dragao vila pouca disse...

És insultado do piorio e publicas os comentários.
Eu não insulto ninguém e tu censuras.Porque será?

camilo disse...

este tb é um para-blog, em que um anormal se faz passar de jornalista.

Adeus

Anónimo disse...

Animal de merda. Q grande "handicap" mental q tens. Qualquer um é jornalista neste país de merda

joahna disse...

Eh, e então eu, que não sou dos bons nem, para já, para-olímpico, aonde é que páram os meus jogos, aquele espaço de glória, se não como o Bush de momento especial para uma grande bebedeira?!

E os paternalistas continuam ao ataque. Que os deficientes têm direito a tal espécie de euforia,mas, senhores, e~os pobres que não têm braços nem pernas, e os vegetais e espírito?

Pois, está certo, mas lá porque o tal de Portugal ganha aqui o que não leva em mais parte nenhuma, salvo na distância entre os muito pobres e alguns podres de ricos, vamos logo fazer de conta que esta coisa é muito séria e a valer como aquilo que se viu há quinze dias?...

Vou nessa, ve victis!

Mas tenham dó, entretanto.

Mikaeil disse...

O sr é mesmo uma pessoa muito triste!!!

Diogo Santos disse...

Seu xenófobo do krl, eu gostaria que te puseces na posição de um cego e ve se nao gostarias k te fosse reconhecido o mérito ó palhaço!!!

isto é mais importante k os jogos Olimpicos pois não tem k se superar apenas a si mesmo mas também às suas deficiências!!!


e para ti sua grande besta: PALHAÇO VAI APANHAR NO CU!!

Anónimo disse...

finge que vais cagar e dá de frosques... tiveste tão mal que ainda és seleccionado para a equipa de Boccia!!!

R.C. disse...

Você não sabe que se deve dizer para-olímpicos e não paralímpicos?...Não sabe, como a esmagadora maioria dos analfabetos com carteira de jornalista que escrevem na imprensa portuguesa, que paralímpicos é um aportuguesamento falaz e incorrectíssimo do termo inglês ?...

605 disse...

Caro Eugénio,

depois deste comentário tens claramente direito a estar nos Paralímpicos de 2012. Em qualquer modalidade específica para deficientes mentais. Não interessa qual. Estás apto para todas

Pedro Neto disse...

Uma pessoa que escreve isto não é uma boa pessoa. Tenho pena de ti.

Anónimo disse...

Gorducho... só n te limpo o sebo, pq olhando para a tua foto, vê-se q a qq momento tens um AVC e como tal nem mereces q eu suje as maos

Anónimo disse...

olhando para a sua figura, so posso concluir q ha ai uma certa azia por ter ficado de fora, n?

Fale com o Baia, curem-se um ao outro

Anónimo disse...

Avançando na conversa que o Eugénio tá a dormir:

1-Há cerca de 4 ou 5 meses comprei uma TV xpto. Full não sei quê, um balúrdio.
Não é que já passaram dezenas de vezes uma "agressão" do Rodriguez ao Nuno Gomes (dizem eles. Na minha TV 40", a agressão podia ser do "emplastro" ao pai Pinto da Costa, do Menezes à Manela Ferreira Leite, ou do Sócrates ao Manel Alegre: não se distingue quem é quem).
Mais: dessa suposta "agressão" não se vislumbra numa TV de quase 1500 aéreos agressão alguma. Quanto muito um desaguisado entre pixels mal amanhados.
Cos diabos, um clube como o Benfica não terá uns trocos para investir num equipamento mais, enfim, à altura das circunstâncias?
É que quem disser que vê alguma coisa dali, passe a fé, está a mentir.

Ainda: toda e qualquer acção é lida não só pela parte do corpo agente directa dessa acção, como também pelo todo do corpo, em especial a cabeça e face, que são reveladoras das intenções da acção. Isto é dos livros. Chama-se expressão do movimento. Muito clara, por exemplo, na agressão de Luisão. Quase que não era preciso ver a agressão: a face de Luisão revela tudo.
Mas isto são pormenores. A verdade é que, com aquelas imagens, ninguém tira conclusão alguma.


Outra coisa provavelmente mais decisiva nisto tudo:

As imagens nos jogos da 1ª Liga, a sua difusão pública, são da exclusiva responsabilidade da SporTv.
Mesmo imagens captadas pela câmera fotográfica ou de filmar de um qualquer espectador, não podem ter difusão pública.
Por isso mesmo, ainda há pouco tempo, o youtube retirou imagens de jogos de futebol, de origem amadora, do seu site.
Isto vai dar que falar porque, mais do que um anónimo a pôr as imagens no ar sem autorização do detentor dos direitos, foi um canal de Tv, a SIC, a colocar essas imagens.
Só isto vai dar para partir muita pedra nos próximos tempos.

cumprimentos

LAM

Anónimo disse...

Devias ter um filho com paralisia cerebral para ficares a saber o que é Boccia!

Pessoas ignorantes como tu, deviam sofrer na pele o que estes atletas passaram e passam todos os dias, e aí, talvez desses valor aos jogos paralímpicos e aos pormenores, que podem fazer com que a vida de alguém volte a fazer sentido!

Anónimo disse...

Numa das raras vezes estou inteiramente de acordo contigo. E pela maioria das respostas a este post, fico verdadeiramente decepcionado, ou melhor, convicto, do nível de hipocrisia e de estupidez da generalidade dos que aqui vêm.

Anónimo disse...

Não é bebado! FDX. É bêbedo!

Pedro Aniceto disse...

Que o destino o poupe à visão da superação de um dos seus entes mais queridos. Lia-o. Até hoje.

Anónimo disse...

sim senhor, grande palhaço tu me saíste.

Anónimo disse...

Grande aborto que me saiste... Es bastante retardado...

Anónimo disse...

percebo esta dor de cotovelo. é q com o handicap mental que demonstraste neste post, tb poderias la estar... força eugenio daqui a 4 anos la estaras...
p.s. o hitler manda-te um abraço e assina por baixo do teu post

Anónimo disse...

Tens toda a razão, Eugénio

Anónimo disse...

Depois de publicar uma noticia destas só mereces que te tirem a carteira de jornalista! É um comentário VERGONHOSO!

Pedro Almeida

Anónimo disse...

Vim visitar este blog para constatar o ultimo e incrível artigo! De facto deprimente, mas quem raio educa um filho assim? ACORDA PARA A VIDA!

Anónimo disse...

http://enistoquesomosbons.blogs.sapo.pt/

Party Girl disse...

Meu querido Eugénio, tu fazes com certeza parte daqueles idiotas que durante 4 anos só vivem o futebol e depois, durante os jogos olímpicos, acordas pra vida para reclamar uma medalhitas aos nossos atletas (mas que deles não soubeste absolutamente nada durante esse tempo)... Ora se és assim com os nossos olímpicos, como é lógico só te podes estar a cagar para os paralímpicos... shame on you... Retrata-me mas é...

Anónimo disse...

oh meu grande monte de esterco!! é preciso ser-se muito deficiente para se proferir uma barbaridade desse tamanho!!
se houvesse os jogos paraolimpicos de jornalistas estarias la com certeza.. nao por um handicap fisico mas concerteza mental!!
nao sei como alguem poderá aceitar trabalhar c uma "pessoa" como tu! o que vale é que o q escreves para o jornal é revisto e moderado.. se não era uma cowboyada!!

resume-te...

Anónimo disse...

Acho que deves estar a tentar estabelecer um record:
O do gajo mais odiado de sempre...
Ai levas certamente a medalha de Ouro.
ANIMAL!

Vampaz disse...

Futoboleiro atrasado, é o que tu és..

Anónimo disse...

É senso comum. Como pessoa, devias saber que mesmo tendo uma opinião de merda destas, devias era guarda-la para ti.

Como jornalista, devias saber que opiniões destas podem foder uma carreira.

Tomara que te aconteça

Anónimo disse...

aqui está o perfeito anormal. vai arrancar as crostas de merda que te subiram do cu mal limpo à cabeça, e depois come-as.

José Carlos disse...

O senhor é, claramente, uma besta de todo o tamanho.

Alex disse...

Espero que o autor do texto não seja jornalista. Caso contrário aí está um exemplo de um jornalista que pensa como um qualquer português que trabalha na construção civil e tem como habilitações a 4.ª classe (e alguns nessa situação não chegariam tão longe).

Caso não tenha percebido os Paralímpicos são uma adaptação dos Jogos Olímpicos. Não são um jogos com provas mais fáceis, são uns jogos com provas adaptadas. São uma marca de desenvolvimento e humanismo.

O pessoal dos Paralímpicos esforça-se tanto como o pessoal dos Jogos Olímpicos. E so não concorre nos Jogos Olímpicos porque estaria em desigualdade, dadas as suas limitações.

Os Paralímpicos são tanto «caça da medalha» como os Olímpicos. São dois acontecimentos que apenas se distinguem pelas diferenças físicas das pessoas que concorrem e respectivas diferenças impostas por essas mesmas diferenças.

Os Paralímpicos são um acontecimento, que decorre de uma ideia excelente. Um evento que combina os valores relacionados com o desporto e o corpo («mente sã em corpo são», etc.), com determinados valores (como a igualdade) que contribuem para a sã sustentação da sociedade.

O desporto de alta competição tem tudo a ver com os Paralímpicos. Tal como nos Olímpicos estão lá os atletas que cumpriram os requisitos para lá estar e no fim os melhores de entre eles hão-de trazer as medalhas para casa.

Anónimo disse...

nao sejas palhaço...por mim era acabar com todos os gordos caixa de óculos....afinal a obesidade e a miopia tambem sao doenças...

Tiago Migueis disse...

Ex.mo Sr,

A sua existência, por si só, justifica a importância da interrupção voluntária da gravidez.

V.Exª nem direito a BI devia ter.

Despeço-me com desconsideração.

FuckItAll disse...

É de facto uma bela demonstração do paternalismo com que as pessoas olham os deficientes, esta caixa de comentários: se o assunto é deficientes, é proibido ter opinião. Que eles coitadinhos precisam que os defendam... às cegas e sem ler o que foi escrito. Paraolímpicos para analfabetos funcionais, já!

C@B disse...

acho que está na hora de entregares a carteira profissional.

Ou alguém que apareça a retirá-la...
mas nestas alturas o SJ não existe e a existir deves ter lá alguns amigos, não?

Anónimo disse...

Ele escreveu o que a maioria pensa, mas tem medo de afirmar...

O-ren Ishii disse...

perdeu uma boa oportunidade para estar calado, manter as mãos quietas e abster-se de comentarios... espero que a vida nunca traga nenhum azar a si ou aos seus...

esquilinho disse...

Eu não sou deficiente, mas nado mais devagar que qualquer nadador dos jogos paralímpicos. Eles nadam mais depressa só com braços do que eu com braços e pernas!

Tiago Hã? disse...

Concordo com o conteudo do artigo.
Não percebo é a falta de nivel dos comentários a ele.
As pessoas refugiam-se no calão quando não conseguem contra argumentar. Deve ser uma DEFECIÊNCIA nas palavras

Anónimo disse...

Além de toda a estupidez, este post revela a incompetência jornaleira de quem o escreveu.

O Laurentino Dias não disse o que está escrito no post!

Disse, isso sim, que uma final disputada entre dois portugueses tinha sido o tal momento mais bonito. Não foi uma medalha de ouro ou uma de prata. Foram as duas.

NUNO DIAS disse...

MAS QUAL DISCURSO É QUE NAO É LINEAR?O TEU SO TEM UMA INTERPRETAÇÃO...LIMITADOS SAO AS PESSOAS QUE TE PAGAM...ÉS MTO TRISTE MESMO...PELO MENOS UMA EXPLICAÇÃO DEVIA SER DADA POR ESTE BLOG DE MERDA...

Anónimo disse...

A Batalha de Alcácer-Quibir travou-se no Verão de 1578, em Alcácer-Quibir, entre os Portugueses liderados por D. Sebastião, e os mouros de Marrocos. Dela resultou a derrota dos portugueses e o desaparecimento do próprio D. Sebastião, precipitando a crise dinástica de 1580, e o nascimento do mito do Sebastianismo.

Perto de al-Kasr al-Kebir há uma aldeia denominada Suaken. Foi aqui que se deu a Batalha por nós conhecida por Batalha de Alcácer Quibir e, provavelmente, onde foram, naquela altura, enterrados os três reis. Ainda hoje aí se encontra um obelisco em memória de D. Sebastião e mais dois em memória dos outros dois reis. Esta batalha ainda hoje é conhecida em Marrocos como a "batalha dos três reis".

D. Sebastião, desde novo influenciado pelas lutas que então se desenrolavam no Norte de África como a defesa de Mazagão, em 1562 ao cerco dos mouros, tem intenção de aí intervir, dado entender ser necessário reviver glórias passadas. Assim, desde que toma conta do reino, em 1568, começou a preparar a sua intervenção no Norte de África, que era como que um imperativo nacional, pois se pretendia beneficiar do comércio com esta zona, rico em ouro, gado, trigo, açúcar. Por outro lado, além de oferecer oportunidades à burguesia mercantil, era também um campo de actividade para a nobreza.

Fernando Guedes disse...

Parabéns ao autor do post. É precisa muita coragem para escrever coisas politicamente incorrectas, nem que seja só para abanar as consciências. O seu texto revela um enorme respeito pelos deficientes e pela sua dignidade - um respeito muito maior do que todo este paternalismo idiota demonstra.
Eu por mim sugeria que daqui a quatro anos se organizasse a equipa portuguesa de atrasados mentais. Aqui, nesta caixa de comentários, há um número suficiente deles para fazer uma bela representação. E aposto o que quiserem que ganhamos o ouro.
Como dizia Rodrigo da Fonseca, "nascer entre brutos, viver entre brutos, morrer entre brutos, é triste!"

Anónimo disse...

"O desporto de alta competição nada tem a ver com esta espécie de ATL com cães-guias, próteses da Puma e jogos de salão..."

Tenho vergonha de ser do mesmo clube que tu...

Tiago Soares Carneiro disse...

Isto os jornalistas não dizem. Estão feitos com o sistema que enterra o país...

Vim aqui só para dizer que ontem soube que:

Há uma escola onde os alunos passam com 5 negativas. Sempre. Sem ponderação.
Com 5 passam!

NESTA ESCOLA PASSAM COM 5 NEGAS...

E se for a 3ª vez no 7º passam com todas.

O resto da notícia no meu blog.

Por esse motivo encerrei o meu blog:
http://democraciaemportugal.blogspot.com

Abraço

Antonio Vaz de Almeida disse...

mas que belo artigo, é pena e que este senhor não saiba que há atletas que não podem participar nos jogos olímpicos pelas suas defeciencias fisicas que fazem 11 segundos na prova dos 100 metros.
Trata-se pois de um senhor que apenas deve perceber de futebol e deve ser um iluminado relativo a outros desportos. Futebol é que deve ser bom, mas depois de ver a 1ª liga portuguesa de futebol e ver a selecçao nacional de sub 21, perdoem-me mas prefiro ver os jogos parlimpicos. De resto gostaria de ve-lo correr os 5000 mil metros nos tempos em que estes senhores fazem, cegos e com um cao guia que normalmente é um corredor que já ganhou medalhas.

marieta disse...

Ai, o texto deste fernando está o máximo da lucidez, de alguém por fim equilibrado e são, sem ser doente. O mais é aquela estribeira de ressabiados, tristes & hipócritas, que ofendem os seus deficientes com a mentira de um glorieta.

Porque há pouco quem assim seja são, capaz de pensar pela própria cabeça.

João Barbosa disse...

é por opiniões como a sua que me pergunto se todas as pessoas pertencem à espécie humana

Mário Rui Ventura disse...

1 - Se queria bater o record de comentários, deve ter conseguido ou andou lá perto.
2 - Se queria dar nas vistas, está mais que visto que conseguiu.
3 - Se queria mostrar que é diferente dos outros, missão cumprida: há os bons profissionais, os maus profissionais e... você!

Pedro V. disse...

Parabéns! Estás apto a entrar, ou seja, tens um handicapt mental ao nível do melhor que se faz lá fora :) Parabéns! daqui a 4 anos quero ver-te por lá, se conseguires...

Anónimo disse...

Desculpe..... mas tem cerebro??
Tadinho, parece que não!
Nasceu assim.... DEFECIENTE, mas sei que haja qq tipo de actividade que possa fazer!
Só resta mesmo ter pena de si.

Anónimo disse...

Vamos apoiar-te em Londres... atrasado mental

Anónimo disse...

COMO É QUE UM JORNALISTA PODE SER TÃO DESPROVIDO. HÁ LIMITES PARA A LIBERDADE DE EXPRESSÃO. PELO MENOS, CONVÉM TER ALGUMA INTELIGÊNCIA. COMO JORNALISTA, SINTO-ME OFENDIDO PELOS COMENTÁRIOS DESTE ENERGUMENO.

Anónimo disse...

O que eu acho, sinceramente!:

Este texto não é para se "ouvir". é para se "escutar"....à luz do pensamento filosófico, psicológico, etc.
Nem sequer é para se comentar: é para se pensar.
...É que a coisa bem pensada!...

Susana Duarte disse...

Ainda que muitos já tenham expressado opiniões em tudo identicas á minha, creio que é importante que o autor tome bem consciência de que há MESMO muita gente que discorda.
Já ia sendo tempo de o senhor publicar um pedido de desculpas antes que este seu post chegue aos "ouvidos" das associações de deficientes nacionais e que haja uma séria pressão à sua entidade patronal...
É muito triste que um suposto jonalista pense que pode dizer tudo aquilo que lhe passe pela cabeça. Ainda que haja direito de liberdade de pensamento e expressão, também pode o jornal onde trabalha ficar muito aborrecido com a quantidade de publicidade negativa que um funcionário despoleta.
É triste que nos dias de hoje ainda haja pessoas retrógadas ao ponto de sequer pensarem tais coisas.
Deviamos era todos dar graças aos nossos atletas paraolimpicos que têm feito bem melhores figuras que os "eficientes"

Anónimo disse...

Desejo que tenhas um filho assim.
Incapacitado, ou como dizes DEFICIENTE

Helena Nunes disse...

Acho muito triste o comentário! Mas de certeza que conseguiu alcançar a sua eficácia (de 10-12 comentários passou para 105...), pena que seja graças a uma mensagem completamente "deficiente". Sabe qual é diferença entre si e os paraolímpicos? Você é tecla 3,def, enfim deficiente e os paralímpicos são pessoas com deficiência. Sim elas têm uma deficiência, mas são pessoas, e você não deve ser humano, nem deve saber o que significa ser pessoa, ter respeito pelos outros, enfim uma série de coisas que nos diferenciam dos animais!

Anónimo disse...

Todos os dias me caem na caixa de mail os pedidos e abaixo-assinados mais absurdos.

Uma petição, abaixo assinado (o que for preciso) enviada à Comissão da Carteira Profissional JÁ!!!

A julgar pelo número de comentários em tão pouco tempo acho que em pouco mais de uma semana a classe jornalística sentir-se-ia consideravelmente mais digna e não mais a vergonha que acabei de sentir...por ser gente, por ser profissional e (imagine-se), por ser uma pessoa "normal"....seja lá o que for que este atrasado mental entende por normal! Ou é normal a tremenda "falta de coluna vertebral?"

A quem souber fazer a tal petição online...faça o favor de deixar aqui o link para que não percamos mais que 2 minutos do nosso tempo com esta pessoa dirigindo-lhe os comentários e a atenção de que carece.

PS - Eugénio faça um post com o nib da conta de solidariedade que eu aposto que donativos não lhe vão faltar para o tratamento. O seu caso, ao contrário do dos "deficientes", poderá não ser perdido!

Anónimo disse...

Eugenio Queiroz quer uma medalha de ouro!
Mas so quando te foder o olho.
Depois podes escrever e ver como um zarolho!!

Anónimo disse...

Não percebo porque que Tu e o Avelãs não estão nos paralimpicos!!
Qual é a difereça entre os dificientes e vcs???????

Anónimo disse...

Morte ao porco!!! Vamos linchar este gajo!?? e porque!?
Porque o gajo tem razão!!!

Mas tem que morrer

Anónimo disse...

Qual a diferença entre o Queiros e o Avelãs!?????
Nenhuma!! Sao os 2 retardados

Anónimo disse...

Tens razao mas fodasse se os atrasados mentais fossem o problema do mundo... tu nao tinhas emprego

Anónimo disse...

Queiros deficiente
Avelãs atrasado
da dupla de tarados

Anónimo disse...

vamos por este gajo numa cadeira de rodas !!!!???????

Anónimo disse...

Parabens!!! o primeiro gajo a ser fodido por deficientes

Anónimo disse...

bum bum bum queiroz!!!
Pede o teu ultimo desejo??

Anónimo disse...

Existe o bom o mau o vilao e o queiroz

Anónimo disse...

Parabens!!! O primeiro gajo a dizer mal de deficientes. Resta saber o que vai acontecer

Anónimo disse...

O que interessa é ser falado enm que seja um eugino falhado

Anónimo disse...

portista escroto, porco, peidoso, falhado, fodasse es tudo que existe

Anónimo disse...

melhor era impossivel um falhado a escrever sobre deficientes.

Anónimo disse...

explicaçao de queiroz esta certo desporto so com bola e foda so com pichota

Anónimo disse...

ainda nao percebeste mas tu ja eras def

Anónimo disse...

Eugénio, nem parece seu...Você tem uma séria deficiência mental e deixam-no trabalhar como jornalista...

Anónimo disse...

va escreve sobre a derrota de portugal! é mais interessante saber porque a defesa falhou.....jork

Anónimo disse...

senhor mongoloide tem ca disto??????

Anónimo disse...

dobrado á esquerda e filho da puta na direita. Fodido na rectaguarda e enrabado na traseira.
Assim se descreve este fdp

Anónimo disse...

lindooo!!!!

Jin disse...

Caro senhor. Poderia explicar um pouco melhor a quem se destinava a sua critica? Para quem é jornalista há tantos anos acabou de escrever o pior texto da sua carreira. Espero muito sinceramente que um dia tenha um problema grave de saude que lhe obrigue a abrir os olhar a tamanha estupidez e a sentir na pele o que pelos vistos, tanto repudia.

Anónimo disse...

tu e eu e uma boccia nova

Anónimo disse...

MORRE GORDO A MERDA DEVIAS TER UNS DENTES CMO O MARCOS E UMAS ORELHAS CMO O FAUSTINO... KERIA VER SE GOZAVAS CM OS DEFICIENTES

Anónimo disse...

PORRA COMO É POSSÍVEL EXISTIR GENTE TÃO BURRA!!! DEVIAS TER CUIDADO COM O QUE DIZES!

ESPERO QUE UM DIA NÃO TENHAS UM FILHO COM PROBLEMAS, PODE SER QUE TE APERCEBAS DA MERDA DE PESSOA QUE ÉS!

PEDRO CARREGA
FARO

Diogo Sousa disse...

Meu amigo, se voce e jornalista, eu sou o pai natal! Ninguem escreve estas coisas (para nao ser mal educado) sendo jornalista!

Diogo Sousa disse...

Meu amigo, se voce e jornalista, eu sou o pai natal! Ninguem escreve estas coisas (para nao ser mal educado) sendo jornalista!

Anónimo disse...

So podes gostar de levar porrada!!!
es sado???
Ainda por cima com deficientes!
Men faz te a vida

Anónimo disse...

Po cara tu acertou na murche!!!
Vai ser despedido
Vai ser aleijado
Vai ser um pobre coitado

Anónimo disse...

3 vivas para queiroz!!! esta merda vai dar que falar

Anónimo disse...

Do anonimato para a fama Eugenio Queiroz fala e escreve do que sabe...
Parabens so te falta a protese

pvl disse...

Parabéns. Este post, e especialmente os comentários, mostram uma sociedade "burra como uma porta", que repete o que ouve na televisão e confunde isso com um pensamento.

Se os jogos Paralímpicos fossem um evento de interesse mediático então as pessoas também pagavam bilhetes para ir aos estádios ver este tipo de competição. Obviamente não é um acontecimento. E isso não tira nenhum valor aos atletas.

Anónimo disse...

"Vim visitar este blog para constatar o ultimo e incrível artigo! De facto deprimente, mas quem raio educa um filho assim? ACORDA PARA A VIDA!" - eu tb concordo - aÇorda para a vida - já agora de marisco sff.

Anónimo disse...

Está provado quem é o verdadeiro deficiente.

Meu lindo, consegues ser pior do que o Jornal que te paga.

Anónimo disse...

Já cumpriste os mnimos. Daqui a 4 anos estás lá por direito próprio.

Tadinho de ti!

K-Jo Vendetta disse...

:O que cena meu! até vou fumar uma e ler outra vez os comentarios todos qúésta merda tá a ferver!!!!

você tambem deve ter fumado um da minha antes de escrever o post, não? é Haia??? se é Haia é boa pomada!!!

ca putz!!!

Eugénio Queirós disse...

Depois de ter ser mimoseado com todo o tipo de insultos e de ameaças, reafirmo o meu ESPANTO pela indignação provocada numa sociedade que, no dia a dia, trata os deficientes como anormais. Pela parte que me toca, nunca os vi dessa maneira e hoje muito menos, depois do que aqui aconteceu...

Voltem sempre!

roastout disse...

A necessidade de ter ideias diferentes dá nisto!

Anónimo disse...

1. Ser jornalista não é sinónimo de não ser um ser humano e ter opiniões e convicções como todas as pessoas. Sendo um jornalista a escrever num blogue ainda mais isto se verifica.

2. Tem-se dado muita atenção aos Paralímpicos, acima de tudo, porque fica sempre bem falar dos deficientes e do seu desportozinho. O que é estúpido, claro. Porque a emoção da competição parece ser o que menos interessa...

3. Acho que faz sentido existir competições para pessoas com deficiencia, claro! Não faz é muito sentido fazer disso um evento como uns Jogos desta dimensão, com tanto burburinho. Os jornais têm falado muito nisto, o que por um lado, se justifica, por outro, assume níveis algo ridículos e exagerados - também houve exagero nos Olímpicos com os documentários repetidos à exaustão sobre os atletas.

4. Quem ler a opinião do Eugénio percebe que o que ele critica não é o que as pessoas com deficiencia fazem, mas o paternalismo que os outros olham para uma competição muito pouco de alta-competição e o destaque que se lhe dá, fingindo que é pela competição em si.

É parvo ver tantos comentários irados e sem qualquer razão. Get a life. As opiniões são como as vaginas, quem quiser dá-las, dá-las, quem não quer penetrá-las, que passe ao lado e passe bemzinho.

PEdro disse...

Amigo, se voce fosse tentar participar em uma unica prova q os para-olimpicos realizam...uma unica...era AVC pela certa! N deixa de haver uma certa ironia, o facto deste texto ter sido escrito por uma pessoa com uma imagem absolutamente decadente, entregue a uma obesidade por certo mórbida... e se em vez de textos asquerosos, o nosso amigo levantasse o rabinho da cadeira e fosse fazer act.física? mais n seja pq,c essa imagem, mm escrevendo o melhor texto deste mundo, seria sp descredibilizado! ou a informaçao n chega ai a casa? Pq n tenta corrigir esse problema enorme de massa gorda????

já é de mt mau tom termos figuras publicas com este aspecto (se pensarmos q estas podem influenciar as nossas crianças, pior se torna qd escrevem textos asquerosos

cwally disse...

Bem, se eu for sincero cmg próprio tenho que admitir que a ideia que o texto quer transmitir aos meus olhos, tb já remoeu a minha cabeça.

É-me dificil tomar uma posição concreta pois se por um lado anda a razão que questiona a veracidade da importancia destes jogos Paralímpicos por outro anda o censo comum que me obriga a sentir mal só por este pensamento me xegar á cabeça.

Duas coisas óbvias: o seu texto foi escrito num tom insultuoso que não tem explicação (tal como 90% dos comentários resultantes) e os atletas Paralímpicos são sem dúvida atletas que dão tudo por tudo.

De momento a minha opinião é que um atleta Paralímpico tem todo o direito de existir e festejar vitória, tal como, por exemplo, atleta de Natação em portugal existe e festeja vitória. Ambos não são os melhores do mundo, mas são os melhores "localmente".

A importancia que a comunicação social tenta atribuir aos Paralímpicos é outra questão aparte...e acredito que isso tenha irritado o Eugénio para escrever este testo neste tom.

4625 disse...

O senhor é, realmente, um grande totó. Que vergonha.

Rita disse...

Ainda que se aceite que todas as pessoas que criticaram negativamente o teu post entenderam-no mal... nao diz muito de um jornalista, nao se conseguir exprimir melhor...

Guy de Macedo disse...

ideias diferentes sao uma coisa, agora isto aqui é pura ignorancia, egoismo e falta de respeito. se atletas ditos "deficientes" que aparentam ser inferiores aos atletas ditos "normais" conseguem acompanhar o ritmo dos JO em muitas categorias desportivas para ja, todo o mérito, pois eu e muita gente, que têm 2 braços, 2 pernas, 2 olhos, 2 orelhas, uma boca etc, nunca chegaria a esse nível. Senhor Eugénio, tá na hora de fechar o Mein Kampf, pois como todos nós sabemos pertencemos a raça humana e não aos brancos e pretos, normais e deficientes.
e ja agora porque é que em 150 comentarios 100 sao anonimos?

Anónimo disse...

Eugénio,

Numa 1ª análise ao seu texto vejo uma crítica ao facto de haver uma distinção entre Olimpicos e Paralímpicos...ok, até aqui concordo, uma vez que a inclusão, passa pela não distinção. Sim senhor!!! Todos diferentes, todos iguais!!! Estes desportistas de ALTA COMPETIÇÃO com deficiência, deveriam na minha "humilde" opinião ir, competir e regressar no mesmo momento que os desportistas sem deficiência, uma vez que todos representam a mesma selecção, claro que cada um competiria na classe que lhe é devida.

Agora o último parágrafo é duma calamidade extrema, como é possível chamar ATL a um cenário que mais não passa de uma adaptação à condição da pessoa?
Uma pessoa obesa, que não encontra uma cadeira que sustente o seu peso, tem ou não que adaptar uma? Vamos exclui-la por isso? Ou vamos dar-lhe a cadeira e depois gozá-la? Meu caro, nem uma coisa nem outra...vamos respeitar a sua diferença, e acima de tudo ficarmos felizes porque numa sociedade cada vez mais direccionada para os corpos fantásticos e caras bonitas, ainda há aqueles que apesar das suas limitações nos desmonstram que por vezes os limitados somos nós, (e deixe que lhe diga, neste seu último parágrafo deu o seu contributo de limitado) e nos demonstram verdadeiras lições de vida, agora claro só as retem quem quiser, ou melhor quem for capaz!
SF

Anónimo disse...

"En 1948, Sir Ludwig Guttmann organizó una competición deportiva con veteranos de la Segunda Guerra Mundial con lesión en la columna vertebral en Stoke Mandeville, Inglaterra. Cuatro años más tarde, competidores de Holanda se unieron a los juegos y nació un movimiento internacional. Se organizaron Juegos de estilo olímpico para atletas con discapacidad por primera vez en Roma, en 1960, y fueron llamados de paralímpicos. En Toronto, en 1976, se añadieron otros grupos de discapacidades, y surgió la idea de combinar grupos de diferentes discapacidades para competiciones deportivas internacionales. En aquel mismo año, se llevaron a cabo los primeros Juegos Paralímpicos de Invierno, en Suecia.

Hoy los Juegos Paralímpicos son eventos de la elite de los deportes para atletas de seis distintos grupos de discapacidad. Sin embargo, ellos enfatizan las realizaciones atléticas de los participantes en vez de sus discapacidades. El movimiento creció dramáticamente desde sus primeros días. El número de atletas que participan de los Juegos Paralímpicos de Verano aumentó de 400 atletas de 23 países en Roma, en 1960, para 3.806 atletas de 136 países en Atenas, en 2004.

Los Juegos Paralímpicos siempre fueron realizados en el mismo año que los Juegos Olímpicos. Desde los Juegos Paralímpicos de Seúl, en 1988, y los Juegos Paralímpicos de Invierno de Albertville, en 1992, los Juegos también se realizan en las mismas instalaciones deportivas que las Olimpíadas. El 19 de junio de 2001 se firmó un acuerdo entre el COI y el IPC para garantizar esta práctica en el futuro. A partir del proceso de candidatura para 2012, la ciudad sede seleccionada para los Juegos Olímpicos estará obligada a realizar también las Paralimpíadas."
Y sepa usted que que algunos de los atletas con discapacidad fisica, no participan en los juegos olimpicos por proibicion del comité. Ganarian mas medallas que los portugueses en los juegos olimpicos deste mismo año.

Cidália Espiguinha

Anónimo disse...

Volvi a leer... y creo que ahora lo interprete de otra manera.... lo he visto como eronico, no? Seria esa su intención.... Vivimos en un mundo donde los descapacitados son vistos como anormales, son motivos de broma y olvidados... Los juegos Paralimpicos son como una descarga de consciencia para los "eficientes"... y una prueba de que los "deficientes" viven en la puerta al lado de la mia y que tienen mas fuerza que yo y que tu para conquistar sus sueños.
Cidalia Espiguinha

andre disse...

É jornalista de jornal desportivo e isso basta para demonstrar a sua pequenez intelectual. Tenho pena.

PJ disse...

Em primeiro lugar, concordo com o comentário do autor, de 11 de Setembro de 2008 1:12. Na generalidade, tem razão.

Quanto ao conteudo do post, apesar de não partilhar da mesma opinião, estamos num estado onde existe liberdade de expressão, para todos. Seja o cidadão que até é jornalista, médico, varredor... ou que se esconde no anonimato para insultar outro.

Todos os actos, como a liberdade de expressão, tem a sua consequência. É o que vê.

PJ disse...

Em primeiro lugar, concordo com o comentário do autor, de 11 de Setembro de 2008 1:12. Na generalidade, tem razão.

Quanto ao conteudo do post, apesar de não partilhar da mesma opinião, estamos num estado onde existe liberdade de expressão, para todos. Seja o cidadão que até é jornalista, médico, varredor... ou que se esconde no anonimato para insultar outro.

Todos os actos, como a liberdade de expressão, tem a sua consequência. É o que vê.

Tiago Migueis disse...

Eugénio,

Será assim tão difícil compreender que a origem de tal atitude "duma sociedade que trata os deficientes como anormais" são justamente mentalidades que se manifestam deste modo?
Ou considera de facto V.Exa que tanto o seu post como este último comentário contribuem para mudar a visão dessa sociedade que critica, mas que parece esquecer da qual também faz parte?

Não vou tecer mais comentários sobre as responsabilidades (ou a falta delas) de um suposto jornalista. Longe de mim ser o provedor da consciência alheia...

Mas deixo o desafio:

Publique o mesmo artigo nas páginas dos jornais e seja homem para assumir as devidas consequências.

Mas tenha, pelo menos, a consideração de não o mostrar aos seus pais...

E obrigado pelo convite, voltarei decerto. E pelos vistos não serei o único...

Anónimo disse...

Diga-me uma coisa, comprou o seu curso ou passou de ano a copiar. Porque com a sua inteligência só pode ser isso.

Os seus pais devem estar mesmo orgulhosos por ter um filho assim tão estúpido.

Carlos disse...

Es um cabrão tem tento na lingua ja que nao respeitas nada nem ninguem, espero bem que sejas despedido meu filho da puta, se queres tentar ser diferente trabalha para isso em vez de andares a criticar tudo à tua volta ser merdas.Faz-te um homem e afasta-te da carreira de jornalista.

Pedro disse...

Es mesmo um cabrão, a vergonha dos jornalistas que dão o litro e nao fazem como tu que para tentar ser diferente insulta e maltrata tudo e todos criticando-os...es nada masi nada menos que um filho da puta, faz-te um homem e afasta-te da carreira de jornalista ser anormal do caralho...

Anónimo disse...

frustrado da merda.
pode ser que daqui a 4 anos, também consigas os mínimos.
E fodido ter inveja, fdp!!

Anónimo disse...

Tenho a dizer que és um autentico palhaço. Para escreveres a diarreia que escreveste deves estar mesmo necessitado de atenção. Ridiculo...

Anónimo disse...

Mas é verdade. Tem razao. Acontece que merecem por terem objectivos e de vida competindo uns entre os outros.
O desporto é isso mesmo... agora se é primeira pagina! porque não se os Luis Felipe Vieira, Pinto da Costa, Soraes Francos e Vales Azevdos tb são. São pessoas normais mas todos vigaristas enquanto estes lutam para ser normais..

Anónimo disse...

Assim é que é!!! pq querem matar um gajo que falou correcto?????

Anónimo disse...

Sabes o que falta é um jornal para os deficientes!!! pq nao crias um.

Anónimo disse...

O que é noticia!! meu caro?
Tudo depende do interesse das pessoas em lerem ou verem. Realmente ver uns anormais com colheres na boca não é apelativo entre os normais. Agora ler tambem fabricaçoes que vcs fazem também é uma anormalidade....por isso
Os jogos é markting e os jornais sao parceiros do markting.

Kadja disse...

Mas quem és tu na vida? O que já ganhas-te? Quais as provas de coragem que já mostras-te?

Sou colega de trabalho de uma pessoa com deficiência motora nos membros inferiores. Diariamente, ele tem de subir dezenas de degraus para desempenhar a sua profissão. Para alguém "normal", é uma tarefa que demora menos de 30 segundos. Oara ele, são alguns minutos de esforço.

Não percebes esse género de coragem e força de vida!

Ps. Ainda por cima, armas-te em ditador a moderar comentários.

Anónimo disse...

O sr tem razao la por haver competiçao nao quer dizer que tenha que ser noticia...

Anónimo disse...

Sr. Manuel Queiroz,você é mais deficiente do que qualquer um dos atletas que está nos Jogos Paralímpicos.

K-Jo Vendetta disse...

hoje vamos para o round 2 de comentarios????

vou buscar mais da pomada ao laboratório, que isto é melhor que ver os para-olimpicos na tv!!!!

Anónimo disse...

Noticias são: entrevista a matorras que diz............sim...........mas.......nao. Ou para promover vendas de jogadores ou para dizer mal.

Anónimo disse...

Caro animal (e que me desculpem os animais por estar a insultá-los) eu não queria viver no teu mundo ideal... nem ter tido a educação anormal que tiveste. a culpa é dos teus paisinhos que te puseram neste mundo... por sorte nasceste aparentemente normal, mas qualquer um dos que lá estão te dão uma grande lição de vida!!! Reza para nunca ficares como qualquer um deles.

marioalex disse...

Você devia ter vergonha do que acabou de dizer. Como é possível ainda existir gente com a mentalidade do senhor?!

+1doVitória disse...

Já comentei antes e não retiro uma virgula ao que afirmei na altura apesar das mjustificações que o Sr. entendeu por bem dar e algumas outras personagens justificar com tiques de uma intelectualidade de URINOL!
Relendo aquela parte "...aproveita as instalações desportivas olímpicas e vai também à caça à medalha" voltou-me outra vez o nojo!
Então mas as instalações desportivas não deveriam de ser para todos sem excepção? E praticar desporto é só para medalhados?
Então e se estes não são um acontecimento porque é que os outros o são? Porque há mais pessoas a ver na TV e mais compradores de jornais?
Por essa ordem de ideias na musica só devia de haver Quim Barreiros a tocar porque é para o que a vossa inteligência dá...
Ainda dizem que pensam pela própria cabeça e que têm ideias sui-generis!
Enxerguem-se, porque vocês são ridiculos quando assumem a defesa de uma mensagem ultrajante imprópria do pensamento livre.

Anónimo disse...

Caro Eugénio!
Eu ainda tinha algumas dúvidas, mas agora já não!
És mesmo sexualmente frustrado!!!!
Tenho pena de ti.

Anónimo disse...

Carissimo, se estes jogos existisse a categoria de deficiente mental, acredito que seria candidato único e levaria com certeza as 3 medalhas. Para jornalista quer parecer que precisa de ter mais algumas aulas sobre o conceito de "liberdade de expressão".Caso não saiba é um pouco diferente "insulto"

Anónimo disse...

que anormais lol
concordo completamente com o artigo

UnderFANtaker disse...

E pronto, cá temos o exponente máximo da estupidez e da mediocridade do jornalismo de esgoto que se vai fazendo pelo nosso Portugal.

Ó minha grande alimária!!! Espero que tu ou nenhum dos teus tenha um AVC ou uma trombose. Vai daí, se calhar até era melhor, para depois ficarem num estado de deficiência que te permita ficares a saber o que é o Boccia!! Talvez a tua filha, que achas?

Este é o texto de opinião mais nojento, mais segregador e mais despudoradamente vil que seguramente li! E vindo de um suposto "jornalista" de um jornal desportivo, só mostra o escarro mental que por lá subsiste.

Eu vou fazer queixa deste texto imundo e ofensivo ao próprio jornal Record e à Secretaria de Estado da Juventude e do Desporto, para ver se "pessoas" destas são irradiadas de uma vez do nosso quotidiano porque, francamente, o mundo seria muito melhor sem elas.

MIGUEL disse...

Você é uma grande merda. Não mais que isso.

Sofia Rijo disse...

Diria antes "para quê" fazer este tipo de observações. Está mais que provado que essa observação só pode partir de alguém acéfalo, com facilidade apenas em se aperceber do mundo através do enorme umbigo que deve ter.
Espero que nunca se cruze com ninguém igual a si, caso por azar, em algum dia da sua vida venha a sofrer de algum handicap...físico, porque mental está certo que tem.
Os paralímpicos são a prova viva de que os problemas que os "normais" acham ter são uma merda face à coragem, boa vontade e esforço que estes heróis têm. São campeões e chegarão mais longe que você com esse espírito mesquinho alguma vez poderá almejar chegar. Olhe-se ao espelho e pense se algum dia conseguiu fazer pelo menos um décimo que estas pessoas ditas deficientes fazem, e já agora assista a algumas provas, pode ser que aprenda a não ser você o deficiente!

Sofia Rijo disse...

Diria antes "para quê" fazer este tipo de observações. Está mais que provado que essa observação só pode partir de alguém acéfalo, com facilidade apenas em se aperceber do mundo através do enorme umbigo que deve ter.
Espero que nunca se cruze com ninguém igual a si, caso por azar, em algum dia da sua vida venha a sofrer de algum handicap...físico, porque mental está certo que tem.
Os paralímpicos são a prova viva de que os problemas que os "normais" acham ter são uma merda face à coragem, boa vontade e esforço que estes heróis têm. São campeões e chegarão mais longe que você com esse espírito mesquinho alguma vez poderá almejar chegar. Olhe-se ao espelho e pense se algum dia conseguiu fazer pelo menos um décimo que estas pessoas ditas deficientes fazem, e já agora assista a algumas provas, pode ser que aprenda a não ser você o deficiente!

Anónimo disse...

estupido da merda havia de ser condenado a morte.

Anónimo disse...

Por tudo akilo que escreveste, acho q podias participar, pois só um grande deficiente mental (e aqui já tou a ofender as pessoas q infelizmente têm essas dificuldades...) é q pode dizer barbaridades destas!!!

Pessoas q com enormes dificuldades travam batalhas todos os dias, que se superam, q deixam pessoas como eu, alguem "saudável" de boca aberta ao ver os feitos q estas pessoas atingem...

Ganha mas é vergonha nas trombas... q nunca te aconteça nada... são os mais sinceros votos...

Já agora, bem hajam a todos estes atletas (a nível mundial), aos q foram e aos q não foram...não deixam de ser heróis da vida!

Bem haja a todos

ass:Paulo

Miguel Guerreiro disse...

Xiiii! Ouve-lá se eles te apanham na rua estás lixado. Agora a sério tens razão, contudo acho que eles também têm o direito de participar na coisa, visto que aproveitam os estádios e o equipamento até não é má ideia. Agora sim, fazer daquilo um acontecimento é deprimente é tipo o dia de Natal em que fazemos de conta que gostamos todos uns dos outros.

Valter Vicente disse...

Tu não mereces sequer o direito à vida que tiveste. Como é possível alguém falar barbaridades destas?

Pifum disse...

Não posso deixar de mostrar também o meu desagrado perante tamanha monstruosidade que o senhor(?) aqui apresentou! Quem é você, um simples jornalista frustrado, para criticar aqueles que até com algumas limitações levam o nome de portugal lá fora e nos enchem de orgulho?! Tenha vergonha nessa cara e peça desculpas a toda a missão paraolímpica!

Ricardo disse...

Para dizer asneiras, mais vale estar calado. Ás vezes os deficientes não os k têm "handicap", são os outros k não têm.
E ainda falas em desportos de alta competição esquecendo k estes atletas lutam, muitas vezes mais e com mais limitações, pela conquista de medalhas. Além disto, eles necessitarem mt mais de sentirem úteis devido ao seu chamado "handicap"

Anónimo disse...

Meu caro... a presença destes atletas em competições de alta competição atendendo às limitações que possuem (infelizmente), já é uma grande vitória.
já se sabe e sabia que os atletas para-olimpicos iriam fazer melhor figura do que os ditos atletas olimpicos.
Quem levanta alto o nome de Portugal merece sempre destaque, independentemente de quem seja.

Anónimo disse...

Hoje vais bater o record em posts!!!
Fodasse realmente a malta gosta e de cuspir uns nuns outros.

Gil disse...

LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL

Eugénio!!!!! Meu!!!! Aplaudo-te de pé... se estivesses aqui apertava-te a mão... a sério!!!!!!

nunca li uma descrição tão crua da realidade!!!!! é um facto... fazem um freak show de 4 em 4 anos, atiram umas medalhas aos gajos que demoram 2 horas a fazer o que o Bolt fez em menos de 10 segundos e no resto do tempo????

as sinalizações sonoras??? os livros em braille??? as rampas nos passeios e nos prédios e nas casas????

aplaudo o teu murro no estomago ao cinismo Eugénio!!!!! PARABÉNS PÁ!!!!!!!!!!

Anónimo disse...

O BAZUL.ORG ESTEVE AQUI E SORRIU MODERADAMENTE

Nuno Maia disse...

Morre, animal de merda.

Anónimo disse...

O rei dos gazeteiros!!! que lindo comentario vou mandar para o Laurentino Dias e para o Cavaco haver se te dao alguma coisita por esta.
Pelo menos uma medalha de merito.

Anónimo disse...

Ai ai ai Euguenio que pelo coment....
queremos mais

«O mais antigo ‹Mais antiga   1 – 200 de 370   Mais recente› Mais recente»