AGORA ESTOU AQUI

sexta-feira, setembro 26, 2008

JESUALDO E O APITO


Parece que tenho um dedo que adivinha. No início da semana fiz um post sobre as sequelas do Apito Dourado e logo algumas virgens ofendidas me caíram em cima, o que, diga-se de passagem, sempre é melhor que levar com livros de ética ou deontologia ou o cinismo dos puritanos. Pois bem, no lançamento do jogo em casa com o Paços de Ferreira, provavelmente o 27.º jogo mais fácil do FC Porto neste campeonato, Jesualdo Ferreira, completamente desamparado pela sua direcção, fala no "Apito" e apela à competência dos árbitros para que não se deixem influenciar. Perante o silêncio ensurdecedor dos dirigentes portistas - vá lá, Pinto da Costa está impedido de falar da competição da Liga e se o fizer arrisca-se a ganhar o prémio acumulado de castigos... -, o treinador assume as despesas no "Jogo da Pressão". Não é a primeira vez que o faz mas não deixa de ser estranho num clube que à mínima alfinetada lá aparecia a protestar pela voz do seu presidente. Mudam-se os tempos...

13 comentários:

Publius Hostilius disse...

Quem inaugurou as hostilidades foi o "risca ao meio", ou não é verdade?

Este amigo pé frio, fala porque outros têm colhido frutos e ele também quer!

Havia de explicar a não convocação do Lucho, quando no ano transacto ele jogava sempre e até à selecção ia!

Enfim...

Jesualdo faça-me um grande favor e vá fazer alheiras para Mirandela!

Anónimo disse...

Meu caro amigo, só para informá-lo que o Apito Dourado já anda nas bocas do mundo á pelo menos 5 anos, ainda assim o Fcp como muito bem pode comprovar não tem deixado de ganhar....pense nisso antes de abrir a boca.Já antes do apito, dos clubes grandes, o ENORME FCP, era a equipe mais prejudicada.

Anónimo disse...

Há uns meses atrás quando me solicitaram opinião sobre o que se designou chamar-se 'Apito Dourado' respondia eu metaforicamente que era uma espécie de ópera rock que daí a uns tempos seria encenada pelo talentoso La Féria no Teatro Rivoli.
Depois à medida que a poeira assentava diluía-se o empolgamento do rock para se transformar no 'nonsense' da opereta bufa.
Para os que culparam o FC Porto e o seu presidente, caiu-lhes em cima a tragédia da incompetência e do ridículo expondo-se inutilmente ao julgamento sábio da opinião pública.
Tudo isto por causa de uma deliberação de um "tal" TAS que é uma espécie de um Supremo Tribunal do Desporto europeu.
Diga-se, que esta gente não brinca em serviço.
O acórdão publicado ridiculariza, esmaga e desintegra toda a estrutura disciplinar e jurisdicional do futebol português: Federação e Liga. A própria UEFA de monsieur Platini não sai ilesa.
"Os 15 minutos de fama" do jovem docente Ricardo Costa, da Universidade de Coimbra, quando do alto da sua serena 'sabedoria' se pronunciou devem agora provocar-lhe insónias e pesadelos.
Por outro lado, não compreendi como o Vitória de Guimarães se meteu nesta alhada, até porque o presidente, Emílio Macedo, é um homem sensato. Influência de maus conselhos ou perversas companhias?
O Benfica, grande instituição e com prestígio mundial, o que é verdade, não atina, não elege ou não consegue um presidente de grande envergadura. Sacraliza ultimamente uns 'pataqueiros' com ou sem fortuna, que até causam pena quando falam. Saudades de Fernando Martins!
No referente aos media de enaltecer os exclusivos publicados pelo 'porta-aviões' "Jornal de Notícias" e pelo "O Jogo". Autêntica notícia global.
O "Correio da Manhã", dirigido pelo meu amigo Dr. Octávio Ribeiro, é infelizmente anti-portista. Em relação ao Professor Freitas do Amaral, mencionado por este jornal, apenas se pode concluir que deu um parecer sobre a validade das deliberações do Conselho de Justiça, mais nada. Pareceres, pede quem quer e quem paga.
Primeira conclusão: a verdade é como o azeite, vem sempre ao de cima.
Segunda e última conclusão: o presidente Pinto da Costa, do FC Porto, é e vai continuar a ser o mais qualificado gestor do mundo de clubes de futebol. Aqui é que está o cerne da inveja e da azia.


HERNÂNI GONÇALVES, no EXPRESSO

Leão Verde disse...

Eugénio, agora a moda é os lambe-botas da Renascença irem ouvir o senil do Pôncio. Foi hilariante ouvi-lo, com aquiela voz de Diácono Remédios, a choramingar por causa das arbitragens. Logo ele, que tão bem conhece como elas se fazem...
Como dizes, sinais dos tempos.

maiskemaluko disse...

Inveja e azia ????? Quem pode ter esses sentimentos por uma pessoa como a pessoa em causa !!!!!!
O ser um qualificado gestor do mundo de clubes de futebol, so chega para uns lambe-botas.
A vida tem outros valores muito mais importantes, do que os ditos "futebois", valores esses que o dito cujo nao pratica.
O cerne da questao e que existem certos individuos, que por terem determinados previlegios e um tacho, sao melhores que o OMO, a tentar branquear, o sujo !!!!!
Gostei da opiniao sobre os "pareceres", nao seguindo a linha do dito cujo que acha que quanto tem 4 pareceres e inocente.

Anónimo disse...

Desculpem lá, mas um leão verde deve ser o quê? Só pode ser uma aberração da Mãe Natureza....

Anónimo disse...

Pois! Para alguns "intelectuais" que escrevinham pela NET, as escutas do Apito Dourado são uma mentira.Se o são, porque é que arguidos nunca as contestaram? E também porque é que só contestaram a sua legalidade? É que elas, as ditas, não mentem.

Anónimo disse...

E o Dragão é um filho da natureza?

Armindo disse...

..."vá lá, Pinto da Costa está impedido de falar da competição da Liga e se o fizer arrisca-se a ganhar o prémio acumulado de castigos..."

Oh SôrGénio

Se o NGP Pinto da Costa fizer como o ídolo do SôrGénio, o ORELHAS, pode sempre argumentar que terá cometido uma VIOLAÇÃO INVOLUNTÁRIA, não é?

Ou já te esqueceste deste pormaior???

Hum?

ze corgo disse...

Ó anónimos, maiskemalukos, imbecis, tolos, invejosos, falem direito alguma coisa, carago, se não essa raiva toda, toldando-vos o juízo, ainda vos faz zezinhos da esquina, a pedir umas palmadas no rabo e quem sabe mais coisa grossa ou fina.

Oh, galinhada!

maiskemaluko disse...

nao existem dragoes, nem nunca existiram... so lagartixas !!!

Joe disse...

Acho piada os lagartos a falarem de quem se queixa das arbitragens!! Logo eles, universalmente conhecidos por kalimeros e sistematicamente a equipa mais beneficiada dos 3 grandes. Ou já se esqueceram dod 2 anos e meio, ou lá quanto tempo foi, que passaram sem ser assinalado um único penalty contra? Ou do record mundial de 19 penalties no ano em que ganharam o 2º título dos últimos vinte e muitos anos? Tenham vergonha na cara antes de dizerem essas enormidades.
Já agora, gostava que o intelectual anónimo que escrevinhou às 18.06 lesse ele próprio as escutas (mas a versão completa, e não as frases soltas que o CM e demais pasquins anti-portistas costumam usar), e que me diga de onde é que retira que o PdC tenha feito algo para corromper um árbitro.

Anónimo disse...

Mais um post do geninho encomendado pelos TRIPAS!

Isto tá bonito tá!

Certamente este coment será censurado... mas enfim.

NONY