AGORA ESTOU AQUI

quarta-feira, agosto 20, 2008

SOCO NA SIC

"Tendo tomado conhecimento de que a Direcção da SIC apresentou queixa, na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC), contra o Sport Lisboa e Benfica (SLB), devido à expulsão de um repórter [Nuno Pereira]de instalações deste clube, impedindo-o de cobrir uma conferência de imprensa, e estando a iniciar-se uma nova época de competições, a Direcção do Sindicato dos Jornalistas (SJ): 1. Expressa viva solidariedade para com o jornalista Nuno Pereira e louva a sua atitude de persistência no cumprimento do seu dever de informar, bem como saúda a iniciativa da SIC de apresentar queixa no órgão competente e de manifestar disposição de recorrer a todas as vias legais. Trata-se de uma atitude que as empresas jornalísticas devem seguir, em defesa dos profissionais ao seu serviço e da liberdade de informação. 2. Apela aos clubes de Futebol para que respeitem escrupulosamente as regras legais em matéria do acesso dos jornalistas à informação; recorda que nenhum jornalista pode ser impedido de aceder aos acontecimentos abertos à generalidade da comunicação social; e sublinha que as conferências de imprensa são, por definição, realizações especificamente destinadas a jornalistas, pelo que qualquer discriminação se torna ainda mais aberrante. 3. Apela especialmente aos jornalistas em geral, para que resistam colectivamente a quaisquer acções de discriminação, intimidação ou agressão, assim como para que não deixem de actuar, imediata e solidariamente, em defesa dos seus camaradas de profissão vítimas de tais acções, designadamente: a) Abandonando as conferências de imprensa, quando jornalistas ou órgãos de informação forem impedidos de entrar ou de fazer perguntas; b) Auxiliando os jornalistas em quaisquer dificuldades, inclusivamente procurando protecção policial nos casos de intimidação ou agressão; c) Participando às autoridades policiais e à ERC quaisquer actos de que tenham sido vítimas e disponibilizando-se para apoiar os jornalistas que o tenham sido, especialmente através do seu testemunho. 4. Exorta todos os actores do fenómeno desportivo – dirigentes, técnicos e atletas – a manterem elevados padrões de respeito pela liberdade de informação e pela liberdade de opinião, abstendo-se de quaisquer atitudes que as ponham em risco. Tal responsabilidade cabe especialmente à Federação Portuguesa de Futebol e à Liga Portuguesa de Futebol Profissional."

Comunicado do Sindicato dos Jornalistas a propósito de mais uma actuação prepotente de clubes portugueses. Mais uma apenas. O mais interessante do comunicado acaba por ser o apelo à resistência colectiva. Deixem-me rir um bocadinho...


PS - Esta azia do Benfica em relação à SIC terá alguma coisa a ver com o facto de esta estação, e também as publicações do Grupo Balsemão, ser a preferida de JNPC?


13 comentários:

Deixó's Poisar... disse...

Ah, mas a SiC gosta que o Benfica lhe dê na cara. É como aquelas mulheres que vêem, na porrada com que os maridos as presenteiam, um sinal de amor.
Lembram-se quando o orelhas dos pneus irrompeu por um programa adentro só porque entendeu que a "instituição" não estava a ser bem tratada?
E deixaram-no entrar sem ter sido convidado. E deram-lhe a palavra. E trataram-no com toda a deferência, como se ele, naquela circunstância, o merecesse. Agora, aguentem-se!
Eu também sei que o Benfica não é o único club com atitudes destas, mas é aquele que menos justificação tem para ter atituide destas com a imprensa. O Benfica, ainda conserva a influência que tem, graças aos favores das televisões, jornais e rádio. Porque quanto a resultados, estamos falados.

Anónimo disse...

Resistência Colectiva?Isso só é possivel num País em que os seus jornalistas tenham uma grande consciência de cidadania, que sejam capazes de pôr os interesses gerais dos seus leitores, acima dos seus de classe, que não rastejem diante de parasitas, que se servem deles para fins obscuros.

Rui disse...

que eu saiba a SIC até fez a maior entrevista ao treinador do benfica desde que este chegou a portugal; transmitiu a eusebio cup, e ainda hoje vi no jornal de desporto da sic noticias conferencia de imprensa em directo com perguntas da sic ao aimar

aqui ha gato

o que é que esse jornalista fez para nao o deixarem entrar?
alguem pode esclarecer'

Anónimo disse...

Estou a gramar, estes já estão a levar o que merecem. Então não é verdade que têm sido juntamente com a TVI uma verdadeira muleta do clube dos 6 milhões nos últimos anos?!...Bem feito!!!

Anónimo disse...

Esta é mesmo uma daquelas vezes em que subscrevo e assino por baixo o artigo. Este comunicado do Sindicato é mesmo para rir. Longe vão os tempos em que o Nuno Luz levou com um saco cheio em cima e os " Donos da Bola ".
ZdC

Ricardo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...

Ó Ricardo, essa de não perder as crónicas do BB, também deve ser para rir não? Aliás, olha para mim já a rebolar...

Duque da Biquinha disse...

Porque será que o jornalista (?) da SIC foi impedido de entrar nas instalações do Benfica? Porque será que o Sindicato dos Jornalistas (?) se abespinhou tanto?
Quando os jornalistas apanham no focinho no Dragão não há solidariedade. Porque será?

Schmeichel72 disse...

Esse BB pode juntar-se ao Tavares Telles e irem os 2 para uma ilha deserta. Se quiserem levar com eles aquela matraca que comenta os jogos do Porto a disfarçar a sua ignorância inundando-nos de estatísticas estéreis - tipo, passa para jogador x que pisou este relvado há 6 anos (note-se que provavelmente o relvado nem será o mesmo, por ter sido substituído) - e transformando agressões do Bruno Alves em lances "mais intensos" e afins, nós ficaremos eternamente gratos aos dois ao ponto de os perdoarmos (mas só se prometerem não voltar da ilha).

Falando do artigo, a atitude do sindicato é realmente para rir. Onde é que estiveram até agora quando jornalistas foram agredidos (alguns até em directo na TV) e discriminados em outros estádios do país? É com atitudes discricionárias destas que uma associação que devia primar pela isenção e pelo tratamento indiferenciado perde toda a credibilidade.

Este acontecimento relativamente ao SLB não me surpreende, porque:
1. O LFV é um aprendiz de Pinto da Costa - daí tentar contratar qualquer lixo que seja expulso de um gabinete das Antas -, que está a tentar tomar conta do sistema enquanto apregoa a sua luta contra o poder instituído.
2. Uma das armas que o Pinto da Costa sempre usou com mestria foi a coacção e a pressão ou a influência sobre a imprensa - veja-se, por exemplo, o caso Deco no famoso Pato, ou quando a mesma SIC esteve impedida de entrar nas Antas.

Ou seja, esta atitude do SLB é apenas (mais) uma tentativa de copiar o seu modelo.

A diferença é que agora o Sindicado reagiu como não o fez anteriormente (e devia ter feito).

RIVUS disse...

Se o Benfica tivesse um Presidente com estofo, não era só o tal "exemplar" que seria expulso de quaisquer instalações do Clube e sim todos os ditos "jornaleiros". Então eles ofendem e desrespeitam o Benfica e ainda reclamam? Quem não se sente não é filho de boa gente. Quanto ao Sindicato, que falta de vergonha, que hipocrisia, que despudor! Ficariam contentíssimos e calados se fossem presenteados com um rilhoto fedorento do PORKO MOR. Aí eles até lambiam os beiços! É... deixai-os gritar!

Armindo disse...

Oh Sôr Eugenio.
O seu "PS" só me dá vontade de rir. Ou então, vivemos em mundos diferentes!
Presumo que deve ser mais isto!!!

maiskemaluko disse...

Rectifico o marmelo que fala em 6 milhoes, pois com o dito cujo sao 6milhoes e um ...... e ja agora apaguem a fronha do tal "ricardo", que mete medo ao susto !!!
Obrigado.

Ricardo disse...

meus amigos, se quiserem ler estão à vontade. Se não, não fazem falta....