AGORA ESTOU AQUI

quinta-feira, agosto 14, 2008

NADA PARA TUDO


Michael Phelps é claramente o rei do cloro em ambiente aquático. O norte-americano já vai em cinco medalhas de ouro e promete bater o recorde de sete de Mark Spits, o nadador com bigode e calções com as cores da bandeira norte-americana. Não sei o que toma Phelps ao pequeno-almoço mas o moço garante que devora tudo o que é pizza ou massa tal como a rapaziada da LA. Faço o mesmo mas não consegui ainda passar dos 2.04 aos 100 metros, o que até nem é uma marca má para quem pesa 98 quilos. O homem que nada para tudo está quase a atingir o seu objectivo sem que os nadadores portugueses consigam pelo menos uma presença nas meias-finais. Como escreveu José Couto n'O Jogo, a natação portuguesa é de terceiro mundo. Tal como nos ténis, um mundo de queques onde dificilmente surgirá um verdadeiro talento...pois esses, sim, podem ser encontrados na Ribeira do Porto ou nos canaviais do Tejo. Vamos lá ver se a Vanessa, que é menina do povo, não se deixa contaminar pela nossa paupérrima prestação na natação e se inicia a sua prova em grande estilo, numa modalidade à qual nenhum atleta do FC Porto se pode candidatar, a não ser que o triatlo se chamasse tetratlo.

1 comentário:

Anónimo disse...

Confesso que não fiquei a noite inteira à espera de ver um 2º lugar de uma atleta que tem dominado a modalidade de forma esmagadora (pelo menos é o que tem pintado a comunicação social - ou enganou-se o tal povo?), a nível mundial.

Teria ficado ainda mais irritado.

Também concorda com o "especialista" da TV que dizia que daqui a quatro anos temos outro tira-teimas com a Austrália? Acha? Oxalá que a China não se lembre de criar uma campeã em 4 anos, para que depois toda a gente não fique a chorar esta oportunidade perdida!

A conclusão do colega de O JOGO sobre a nossa natação, é de bradar aos céus! Que revelação meu deus!

Continuem assim, a endeusar segundos classificados!
(esta foi por causa do FCP...para bom entendedor...)