AGORA ESTOU AQUI

domingo, junho 01, 2008

A NOVELA RONALDO


Enquanto aguardo, ansiosamente, pelo arranque do Europeu onde espero ver uma talentosa equipa lusitana a jogar com o objectivo assumido de lutar pelo triunfo na prova (tal como Scolari prometeu ainda antes da fase de qualificação), confesso estar cansado da última novela criada em torno de Cristiano Ronaldo. E por mais que tente perceber quem está a desempenhar o principal (e mais criticável) papel em toda esta situação, continuo com muitas dúvidas. Demasiadas...Considero perfeitamente normal que o Real Madrid gostasse de ter nas suas fileiras o madeirense. Aliás, o mesmo desejo deve ter o Barcelona, o Milan, o Chelsea, o meu simpático Atlético ou o mais humilde conjunto distrital de Portugal. Nenhum clube, presidente ou treinador desdenharia contar com os préstimos do melhor jogador mundial. O problema é que entre o querer e o poder vai enorme distância. O rapaz não pode alinhar todas as semanas por emblemas diferentes. E talvez só meia dúzia de colossos tenham condições para contratá-lo e, de seguida, pagar o que ele exige e merece.É óbvio que o Real Madrid faz parte do restrito lote de clubes mundiais com poderio para recrutar Ronaldo. Mas, será que os espanhóis não podiam, pura e simplesmente, abordar os responsáveis do Manchester United e fazer uma proposta? Devia ser assim, mas pelos vistos não é. Os merengues andam há vários dias a criar um cenário inacreditável, utilizando todos os meios ao seu dispor, nomeadamente as declarações dos seus funcionários (técnicos e jogadores), para pressionar o United, o futebolista e o seu empresário. E a estratégia tem sido mais eficiente devido à estreita colaboração da imprensa amiga que, imagine-se, até já se deu ao luxo de publicar a fotografia de um automóvel de grande cilindrada onde se podia ler “entregar a Cristiano Ronaldo”.Mas, os dirigentes do Real não são os únicos com “culpas no cartório”. Ronaldo, que devia estar apenas empenhado em conseguir jogar nos relvados da Suíça e da Áustria algo parecido com o que fez toda a temporada ao servico dos “red devils”, tem tido uma postura estranha em relação ao processo. Ora dá entrevistas a dizer que se sente bem no United e que continuará em Manchester como, em plena conferência de imprensa, afirma que a situação ficará resolvida no espaço de algumas semanas. Não entendo! Se tem contrato e quer permanecer, o que será preciso resolver nos próximos dias?Ronaldo tem tanta legitimidade em querer mudar de ares quanto o Real para avançar para a respectiva contratação. No entanto, creio que este processo está muito confuso desde o início, embora me pareca que o United tem “a faca e o queijo na mão”. Se o Manchester tem o melhor jogador do Mundo, se o futebolista rende (e de que maneira), se o contrato entre ambas as partes está em vigor e se os ingleses não precisam de dinheiro... só se estiverem parvos e que aceitarão ouvir a proposta espanhola, ainda por cima depois dos merengues terem começado o “filme” ao contrário.Só para terminar – e sabendo que há muita gente disponível para dar bons conselhos ao jogador, a começar pelo empresário Jorge Mendes -, gostava de acrescentar que Ronaldo poderá estar a cometer um grande erro se, efectivamente, pensa em ir para Madrid. Sem colocar em causa o valor institucional do Real, o português deve ter presente que em Manchester é rei e senhor. Joga e faz jogar, ganha prémios individuais e colectivos e é estimado por todos. Valerá a pena ir tentar outra coisa? Se não saiu quando era apelidado de “fiteiro” e assobiado em todos os campos, e agora que deve partir? Não me parece. Mas, para ser sincero, quero é que ele jogue bem no Europeu. Depois, em Inglaterra ou Espanha, é com ele...

LUÍS AVELÃS

6 comentários:

Dono da Bola disse...

Aparte do texto, que concordo, achei piada ao facto de o avelãs ser do Atlético...

És como o Eugénio que era do Leixões e batia com a mão no peito e esta semana escreve que afinal é do slb!

E depois escrevem livros e artigos com "independência".

Anónimo disse...

http://diario.iol.pt/sociedade/rui-costa-benfica-apostas-publicidade-betclick/907660-4071.html

Isto ninguém investiga porquê?

«Aposte na BetClick e ganhe com o seu palpite». Ao lado desta mensagem (ver fotos) está uma fotografia de Rui Costa. A imagem do futebolista do Sport Lisboa e Benfica volta a surgir no site de apostas na Internet quando se acede ao link «acerca da Betclick». Aqui o antigo internacional português aparece com os polegares erguidos, sobre a inscrição do seu próprio nome, do clube das águias, do título da Liga dos Campeões, ganho ao serviço do AC Milan, e de uma garantia da empresa sobre si mesma: «Um website totalmente legal».

«A BetClick Limited Malta, sedeada na A Dolphin Court, Embassy Way, Ta Xbiex, detém a licença de apostas, de número 5517750, emitida pelas autoridades Maltesas. Esta licença possibilita à BetClick oferecer, ao público geral, um website de apostas desportivas totalmente legal», lê-se.

O Código de Ética da FIFA indica que a presença de jogadores, árbitros ou empresários em actividades deste tipo não é autorizada.

«Os árbitros, jogadores e agentes de jogadores estão proibidos de participar, directa ou indirectamente, em apostas, lotarias, jogos de azar e actividades similares ou negócios relacionados com jogos de futebol», aponta o art. nº. 15 do documento de 15 de Setembro de 2006, assinado pelo presidente do comité executivo da FIFA, Joseph S. Blatter. Com uma explicação: «Estão proibidos de manter qualquer participação, activa ou passiva, em companhia, empresa ou organização, etc, que promova, concerte ou organize ditas actividades

Deixo's Poisar!... disse...

Mas será que todo este chinfrim à volta do C.Ronaldo vai ou não vai para Madrid, não é tambem alimentado pelo próprio C.Ronaldo que, quando fala sobre o assunto dá sempre a impressão de que de facto se vai passar qualquer coisa nos próximos dias? Isto não é alimentar expectativas?
A história de que ele não tem nada a ver com o assunto, que toda chinfrineira madrilena que se faz à sua volta e contra a sua vontade parece-me um tanto exagerada. Além do mais, como pudemos ver na reportagem que a Sic há dias transmitiu com ele, a impressão que deixou é que ele é uma pessoa muito mais madura no que à sua profissão concerne, do que a sua idade faria supor.
Se o C. Ronaldo estivesse interessado em acabar com a novela esta já teria acabado.
É claro que quem vai pagar as favas vai ser a selecção...

Anónimo disse...

O rapaz apenas quer ser aumentado todos os anos, nada mais, sim porque os contratos são feitos para serem cumpridos apenas pelos clubes, os jogadoes só cumprem quando convém e, ainda existe aquela figura do empresário que tem que ser alimentado a $$$.lembram-se do Figo? a história vai-se repetir. O rapaz quer ser o melhor do mumdo na tesouraria

sinthomas disse...

A propósito,
vi hoje, a Nereida
está a modos de gorda,
quer dizer, medrada.

Anónimo disse...

A propósito, eu não tenho dinheiro para Tvs cabos, pelo que não vejo os jogos ingleses, mas tenho visto o Cristiano Ronaldo a jogar pela selecção e é sempre o pior jogador português. Será que em Inglaterra ele joga melhor? É que eu não vejo e pela qualidade nos nossos jornalistas, não se pode acreditar em nada do que escrevem.