AGORA ESTOU AQUI

segunda-feira, maio 19, 2008

UMA GRANDE CAPA

Toda a fúria e todo o sal do futebol: a plasticidade e emoção do lance; e o povo que dá colorido à festa. Fantástico.

4 comentários:

Anónimo disse...

O sr Eugénio no seu melhor. A dar noticia à verdadeira essência do futebol. Os jogadores, o movimento, a cor, os espectadores...só faltava o árbitro. Todos melhoramos!

Anónimo disse...

Que tal lerem "um roubo ao raio X" noblog Portistas de bancada???

PPA disse...

Análise ás equipas 2007/2008

(+) Setúbal (1 Título)
Foi a melhor surpresa deste campeonato, pois com o mais baixo orçamento e entrando para não descer, andou sempre nos lugares da frente e garantiu a Europa.
Esteve bem na Taça e excelente na nova Taça da Liga, que conquistou aos penalties ao Sporting. Foi a equipa mais interessada nesta competição.
Na parte final, com a Europa garantida e com o treinador já sem a cabeça no clube, desceu de rendimento, caso contrário poderia fazer bem o 4º lugar e não o 6º.
Ponto Alto: Venceu a 1ª Taça da Liga.
Ponto Baixo: o desligar na parte final.

(+) Guimarães
Vindo da 2ª divisão, o Guimarães fez uma excelente época ao obter o 3º lugar batendo um dos grandes, apesar de claramente apostar tudo no campeonato.
Praticou um futebol bonito, mas no entanto teve algumas lacunas, como o facto de entrar na última jornada com um saldo nulo entre golos marcados e sofridos, o que mostra que o ataque não era por ai além. Seria um pouco estranho o 2º classificado do campeonato e candidato à LC ter um Ball Average nulo!
Pecou também porque falhou redondamente na prova de fogo, no jogo mais importante, acabando por perder 0-5 em casa.
Apesar de tudo não me espantou a época do Guimarães, pois tem condições logísticas idênticas aos 3 grandes e é claramente a 4ª equipa em massa adepta.
Ponto Alto: Manteve-se sempre no topo do campeonato.
Ponto Baixo: goleado em casa no jogo em que não podia falhar.

(+) Marítimo
É uma equipa com dinheiro para ser habitual na Europa, mas raramente o consegue.
Este ano conseguiu o 5º lugar muito à custa do que costuma ser o seu calcanhar de Aquiles, os jogos fora, mas como desta vez conseguiu 19 pontos fora de portas (4ª equipa do campeonato), naturalmente ficou em posição Europeia.
Peca pelo seu jogo excessivamente rendilhado e abrasileirado. Cometeu um grande erro ao vender Makukula, e quiçá uma possível ida à LC, pois acredito que se não saísse poderia fazer mais 7 pontos.
Ponto Alto: Pontuação nada habitual fora de casa.
Ponto Baixo: venda de Makukula que lhe custou certamente muitos pontos.

(+ou-) Nacional, Naval, Académica e Estrela
Épocas tranquilas e portanto normais.

(+ou-) Boavista
Época tranquila a meio da tabela, o habitual desde que os Loureiros desistiram do clube após o sugar completamente. Sem dinheiro e com os “arquivos limpos” chega a sentença que os condena à descida, onde são manifestamente o bode expiatório que serve para dar o exemplo e desviar as atenções, quando seria já enevitável a ruptura do clube.
Ponto Alto: apesar de muito fraco continua a bater o pé aos 3 grandes no Bessa.
Ponto Baixo: uma equipa profundamente banal.

(+ou-) Leixões
Safou-se da descida mesmo no fim; cumprindo os seus objectivos.
Tem dimensão para ser uma equipa da 1ª divisão.
Ponto Alto: tal como o Boavista, em casa bate-se de igual para igual com os 3 grandes.
Ponto Baixo: empata muitos jogos, o que a 3 pontos por vitória lhe trará sempre grandes dificuldades.

(+ou-) Sporting (2 Títulos)
Um clube como o Sporting não pode fazer uma época positiva quando não consegue discutir o campeonato. Perdeu-o e com um grande fosso.
A explicação surge pelo curto plantel para todas as frentes, pelas muitas lesões em jogadores importantes e pelas teimosias do treinador.
Mas é indesculpável perder 7 jogos fora, sendo apenas a 8ª equipa fora!
Se bem que o orçamento só obrigasse a equipa a ficar em 3º lugar, a verdade é que acabou por fazer o 2º mas não conseguiu apresentar um futebol tão bonito como o habitual.
Com este FCP era impossível ser campeão, mas exigia-se luta e menor distância; apesar do objectivo financeiro da Champions ser atingido.
Na Taça da Liga cumpriu, mas perdeu mal a final a penalties para o Setúbal.
Na Taça foi onde esteve melhor esmagando o Benfica com um recorde de 5 golos em 25’ e levando a melhor na final sobre o violento FCP.
Na Europa esteve razoável, cumprindo na LC e UEFA, se bem que mal eliminado pelo Rangers, como foram todas as equipas que os Escoceses eliminaram. Ainda assim foi eliminado pelos finalistas da LC e UEFA.
Pontos Altos:
- Conquista da Taça depois de esmagar o Benfica na meia-final.
- Conquista da Super Taça perante o FCP.
- Superioridade perante o FCP em 4 jogos num ano.
- Melhor do que o Benfica em todas as provas.
- Mostrou capacidade para se bater de igual para igual com equipas como a Roma e principalmente o Manchester, provavelmente a mais forte do mundo.
Pontos Baixos:
- Derrotas fora, com destaque para um miserável 4-1 em Leiria (lanterna vermelha) e um 3-0 em Braga sem motivação.
- A forma como encarou a final da Taça da Liga com o Setúbal.
- A execução de penalties, onde apresenta apenas 50% de rendimento! Deve ser um recorde mundial.

(+ou-) Porto (1 Título)
Com um orçamento gigantesco e um plantel forte e completo, cedo limpou o campeonato, mas nas outras provas não esteve bem.
Acho que não tem um treinador à altura. Será equilibrado para o nosso campeonato, mas a nível Europeu não “calça”.
Ponto Alto: fosso pontual.
Ponto Baixo: Eliminação na Taça da Liga pelo Fátima e goleada em casa com o Nacional. Nos jogos mesmo a doer, falhou (Liverpool, Shalke, Sporting x3).

(+ ou -) Belenenses
Esta época foi ligeiramente abaixo da anterior, e desta vez não vão à Europa por causa de 6 pontos estúpidos de castigo pela má inscrição de um jogador que actuou 14 minutos.
Ponto Alto: conseguiram mais pontos fora do que em casa, depois de em casa terem este ano derrotado Sporting e Benfica.
Ponto Baixo: no final do campeonato Jorge Jesus já estava com a cabeça noutro lado.

(-) Braga
A maior desilusão do campeonato. Tinha claramente o 4º melhor plantel do campeonato e nos últimos anos tinha-se afirmado como a 4ª equipa do campeonato; mas andou sempre no meio da tabela.
Nas outras provas não fez nada de realce.
Ponto Alto: vitória inequívoca em casa sobre o Sporting.
Ponto Baixo: derrota em casa com o lanterna vermelha.

(-) Benfica
Para um grande e tendo o 2º orçamento, o 4º lugar é sempre mau.
Não se destacou em nada, pois não ganhou um único jogo grande esta época, nem em Portugal nem na Europa, onde foi igualmente discreto.
Mandar embora um treinador na 2ª jornada é errado, ir buscar um “Messias” também, ainda para mais porque depois roeu a corda e saiu também.
Ponto Alto: empate em Alvalade de braço dado com o amigo Paraty (atente-se aos festejos)!
Ponto Baixo: os pontos perdidos em casa. O Benfica foi a 8ª equipa em casa!

(-) Paços
Desceu de divisão no campo, mas poderá manter-se por causa do castigo ao Boavista.Continua a praticar futebol suficiente para estar na 1ª divisão, mas o modelo de Zé Mota começa a cansar e desceu porque fora de casa foi uma porcaria.Pagou cara a ida a uma eliminatória da UEFA.
Ponto Alto: continua a fazer do seu (mau) campo a sua maior arma, pois em casa é sempre uma equipa difícil.
Ponto Baixo: este ano foi a pior equipa do campeonato fora, fazendo uns miseráveis 5 pontos.

(-) Leiria
Cedo se percebeu que desceria, andando sempre em último.
O que é estranho, pois tinha plantel para ficar nos lugares cimeiros e quiçá ir à Europa, mas como acabou o acordo com o FCP, pagou caro!
Tal como o FCP é um clube presidencialista, pelo que se o “Bartolas” andar mal e assustado, não tem hipótese.
Ponto Alto: depois de condenado e já sem pressão, conseguiu resultados surpreendentes como o empate na Luz, vitória em Braga e o 4-1 ao Sporting em casa.
Ponto Baixo: época miserável, cujos pontos altos foram a excepção à regra.

http://bola-na-trave.blogspot.com/

Anónimo disse...

Este Eugénio é mesmo fraquinho... só mostra a capa e gosta da capa e masturba-se com a capa porque foi golo contra o FC Porto... Vai te curar ó mouro. Há muitas termas perto de Matosinhos para curares as azias...