AGORA ESTOU AQUI

quinta-feira, maio 01, 2008

BODES RESPIRATÓRIOS

Na última semana do Apito Dourado, o ex-presidente do Leixões, José Manuel Teixeira, surgiu a defender o árbitro Manuel Valente Mendes, um dos erros de casting deste julgamento. Disse Teixeira que os árbitros são a melhor coisa que há no futebol e que só são acusados muitas vezes porque dirigentes, treinadores e jogadores querem assim desculpar incompetências várias. Antes, um árbitro disse no tribunal que um estudo prova que a equipa de arbitragem é a que menos erra em campo, tendo uma taxa de acerto de 95 por cento. Aí, o juiz António Carneiro da Silva entendeu, e bem, travar um bocadinho: "Ok, mas os jogadores não andam atrás do apito, andam atrás da bola". Os jogadores, talvez. Os dirigentes, nem por isso. Os mesmos dirigentes que, segundo Teixeira, fazem dos árbitros "bodes respiratórios".

1 comentário:

maiskemaluko disse...

Este Teixeira e um lirico e tem de ser internado.. entao o gajo nao se lembra do que dizia dos arbitros
quando nao era ex-.