AGORA ESTOU AQUI

segunda-feira, dezembro 17, 2007

RECALCAMENTO


«Fico muito triste quando recorda a maneira como terminou a minha carreira internacional. Dsiputei 80 jogos por Portugal mas depois do Mundial de 2002 o senhor Scolari prescindiu de mim sem me dizer palavra. É estranho, tanto mais que me elegeram o melhor guarda-redes europeu da temporada 2003/2004 e tinha acabano de ganhar a Liga portuguesa e a Liga dos Campeões. Pelo que vejo, nenhum país se pode dar ao luxo de não convocar para a sua selecção o melhor guarda-redes da Europa e isso aconteceu comigo. Quanto mais penso no assunto, mais me convenço de que a selecção perdeu muito mais do que perdi».

Vítor Baía, no site da FIFA


Três questões apenas:

- Sem Baía, a selecção foi vice-campeão da Europeu e chegou às meias-finais do Campeonato do Mundo.

- Dois anos depois, sem fazer estardalhaço, o melhor guarda-redes da Europa acabou a sua carreira como suplente de Helton.

- Não foi só Vítor Baía que não foi mais convocado por Scolari e estou a falar de gente ainda no activo...

39 comentários:

toni carrasqueira disse...

não é preciso ser muito inteligente para ver que com Baía nunca teriamos mamado aquele frango ridículo na final frente à Grécia.
O Vítor tem toda a razão, a Selecção continua com ZERO títulos e ele??? De facto perderam muito mais do que o jogador mais titulado de sempre.
Acrescente-se que o homem acabou a carreira como suplente do HELTON. Esse mesmo, que mete o Ricardo no bolso a jogar só com 1 mão.
É fácil de ver que mesmo no ano passado o Vítor ainda era melhor que o trolha do Ricardo, que só serve para encher jornais da populaça saloia de lisboa.

Já agora, parabéns pela descida de divisão em Espanha.

Anónimo disse...

Ó Queiróz que tal dar uma de "intelectualmente honesto" e na vez das conclusões parvas que escreve, comentar como é que o guarda-redes melhor da Europa (a UEFA é que elegeu) não "cabe" na escolha dos 3 melhores guarda-redes nacionais.
Este critério de Scolari é um ultraje a todos nós (seres pensantes).

dragao vila pouca disse...

Recalcado és tu! Em 2004 V.Baía era o melhor guarda-redes português e foi considerado o melhor da Europa pela UEFA.O teu amigo Scolari, tirou-lhe a ele e a Portugal a possibilidade de ser campeão da Europa.Passados 2 anos naturalmente, deu lugar a outro grande guarda-redes,a quem ajudou como grande senhor que é. Não és tu, meu censor que vais agora diminuir alguém que é uma grande figura do futebol europeu.
PS-Ainda a propósito de jornalismo sério:achas bem que alguém que é apenas arguido, seja apresentado, como réu, julgado e condenado?

Anónimo disse...

1º Ponto - Lá está...com o Baía talvez tivessemos ido mais longe!
2º Ponto - Até aí mostrou que é um senhor...
3º Ponto - E todos eles com a categoria e o nível do Vitor Baía...

Jorge32SD disse...

"Dois anos depois, sem fazer estardalhaço, o melhor guarda-redes da Europa acabou a sua carreira como suplente de Helton."

Estão a falar do mesmo Helton que nesses anos foi chamado e ate titular da selecção campeã do mundo???
Com o desdém que é dito devo ser eu que estou enganado...

Pobres!

Carlos Filipe disse...

EQ:

Não me lixes. A questão tem de ser ao contrário, não teríamos ganho o Euro se tivessemos Baía na baliza na final contra a Grécia? Alguma vez Baía comia aquele golo na pequena área?

Portugal conseguiu esses feitos que falas apesar de termos uma frangueiro na baliza e um burro a seleccionador. Ricardo Carvalho, Deco,Costinha, Nuno Valente Maniche e Cristiano Ronaldo deu para disfarçar muita coisa.

Aquilo que devias tentar explicar, mas não consegues, é como foi possível a Portugal prescindir de uma guarda redes que foi só o melhor da Europa nesse ano, votação por todos os treinadores da UEFA.

O resto, claro, é ofensivo, tanto para Helton como para Baía, por um lado porque Baía algum dia tinha que acabar a carreira e por outro porque Hélton não é propriamente um Ricardo frangueiro, como se viu aliás no último fim de semana, tendo até já jogado pela maior selecção mundial.

Provavelmente deves achar que Eusébio acabou de forma mais digna a sua carreira nos beiras mares e uniões de tomar.

Mete nessa cabecinha, o melhor e mais titulado guarda redes português de sempre, juntamente com o Figo é um dos maiores símbolos portugueses de sempre e não merece comparações com Conceições, Joões Pintos e Coutos, apesar de concordar que também estes merecessem uma palavra de apreço por tantas internacionalziações.

Cura lá esse teu seguidismos scolariano que não te permite encaixar uma crítica ao sargentão ditador!!!!

mariana disse...

tá bem, Eugénio, que às vezes tamém goste de armar ao tarolas, se não passa disso ou só curteza de inteligência, pa não entender que não foi desdém, se não tamém despeito, que levou o grosso do sargento a imbicar logo do começo contra o Porto

pois não foi contra Baía, descanse, que o canastrão se abespinhou de ciumeira, mas contra o Norte, o Mourinho e o Porto, vencedor de quase tudo, em Portugal e nesse mundo, com Pinto da Costa à frente, quando a mourada a Sul contratou esse imigrante, má-rês, logo, de invejoso e tosco, na primeira contratação de capricho

pois nem enxerga até í o caro Eugénio?... mas diga lá, caro Geno, se em situação que passasse, igualzinha, nem ao menos se sentia... mais quando, armado a maior, um galito, pobre de cabeça e falar acriançado, sem atinar o fundo, lhe zingava os cornos a cada boca inocente e mais sem sentido...

que se houver céu, lá essas coisas, bem o calhordas de militão vai dar às costas do inferno

vai uma aposta, ó Génio?!

António disse...

sim Baía soma títulos e o Ricardo e Scolari zeros daí que recalcamentos só mesmo a SUL.

Anónimo disse...

A selecção ganhou alguma coisa?

Faz aí uma listagem dos títulos do Baía! Reais e não vitórias morais e segundos lugares condecorados.Que por cá não se festejam 2ºs lugares.

E mostra aí os títulos do Ricardo e o curriculum dele, e já agora o galardão de melhor guarda-redes europeu.

ze da povoa disse...

Tinha um comentário mentalmente alinhavado para este assunto. Ao ler o anterior do " toni carrasqueira" vejo que tudo o que eu queria dizer já está dito por ele.

Tiago Carneiro disse...

Resposta às três questões apenas:

"Sem Baía, a selecção foi vice-campeão da Europeu e chegou às meias-finais do Campeonato do Mundo". - Frango na final do europeu e frango na meia-final do mundial. Se fosse a equipa completa do Mourinho (que com Baía ganhou TUDO) tínhamos ido mais longe.

"Dois anos depois, sem fazer estardalhaço, o melhor guarda-redes da Europa acabou a sua carreira como suplente de Helton" - Mas o Helton é SÓ um bocadinho melhor que o Ricardinho. E 36 anos pesam!!! Talvez mais do que os 30 ou 31 do Rica... Pelo menos os troféus pesam muito...

"Não foi só Vítor Baía que não foi mais convocado por Scolari e estou a falar de gente ainda no activo..." O Eusébio? Estar no activo não é sinónimo de excelência.

Haja coragem para admitir as razões pelo "encosto" do Baía.

E será que agora o Quim tb não é melhor que o Rica??? E eu é que sou o burro?

Abraço
Tiago
http://democraciaemportugal.blogspot.com

Anónimo disse...

- Vocês que queriam ver o Baía na Selecção não sabem porque que ele não foi seleccionado?? Não foi, não por ser um mau guarda-redes, mas sim por outros motivos, quiçá de disciplina, ou por ter-se metido com o Ricardo!!! Vejam o ambiente no seio da equipa se lá estivesse o Baía. A escolha do Scolari não foi uma escolha técnica, mas por outros motivos mais profundos!

Gomez

atirador especial disse...

Perante tão ilustres comentadores que tudo sabem e tudo dizem, quais
picaretas falantes, só uma pergunta: Alguêm sabe explicar, (deixando de parte os mouros, e outras palavras de gente rasca) os motivos do afastamento de tal Deus, da selecção nacional ????
Ó mariana traduz para português a tua postagem...ou melhor vai lavar a loiçinha !!!!hahahah

Anónimo disse...

gosto destes cromos por serem tão modestos!

Anónimo disse...

Eugénio, só para desfazer uma das tuas afirmações, cobardemente travestidas de "questões":

Vitor Baía, com 36 anos, foi suplente do titular da Selecção brasileira, Helton.

Posto isto, é óbvio que não podia ter sido seleccionado...

Bruno Vale, com 23 anos é suplente em todos os clubes por onde passa.

No entanto este já reunia todas as qualidades para ser convocado por Scolari, mesmo que fosse o 3º GR do Porto e nunca tivesse jogado em nenhuma divisão acima da 2ªB.

Estranho...

Como estranho foi constatar que nos jogos de preparação para o Euro 2004 O RICARDO CARVALHO E O MANICHE NEM SEQUER ERAM CONVOCADOS!!! Só começaram a ser após a pressão mediática depois do Porto se ter apurado para a final da Champions League.

Andamos 1 ano a treinar uma equipa com Coutos, Ruis Costas, Petits, Hugos Vianas para, depois do descalabro do primeiro jogo, fazermos o campeonato todo com R.Carvalho, Deco, Costinha e Maniche.

E também é importante salientar que o C. Ronaldo começou o Euro como suplente do Simão...

E O BURRO SOU EU?!

Às vezes penso como teria sido se tivessemos treinado um ano inteiro os jogos de preparação com a equipa que efectivamente jogou o Euro2004 e nos levou à final...

E às vezes penso como teria sido se naquele fatídico canto para a Grécia estivesse lá um GR sem medo de sair dos postes...

E às vezes penso como teria sido se tivesse sido o Oliveirinha a perder uma final do Euro irrepetível em casa, depois de ter protagonizado todos estes erros de casting...

A diferença entre boa e má imprensa.

E o Scolari não é burro nenhum. Percebeu cedo que o bilhete grátis para ter uma boa imprensa era ostracizar o FC Porto e há 5 anos que vive à custa desse jogada brilhante.

mariana disse...

isto, quando
90% ou mais do
simbólico é literatura,
meu caro especial atiras, é
entender-lhe o sabido ou, de outra
forma, dar-lhe mais estudo em cima...

pa não lhe atirar
como ao marido, quando
não lhe dou o pito, olha,
filho, pò caray, sua besta,
salafrário, mafarrico!...

mas claro que foi o despeito, ou não tá visto que os mouros, repenico, da federal madaíl & benfica, no contrato a sargentão scolas puseram, pá, lá escolhe a todos que queiras menos Porto lá quem seja, que mo disse san pedro, o mesmo, e logo a mãe de cristo, em segredo, agora entende?!

ai, que uma pessoa até cansa, ante alunos tão madraços, c'um caraças!

Anónimo disse...

Ó Gomez, já que sabes tanto diz-me lá então pq não foram também seleccionados o joão pinto, fernando couto ou sérgio conceição?
Se a razão é o mau ambiente, quem já não devia cá estar à muito é o scolari, que desde que cá está não tem feito outra coisa do que criar ódios e clubismos à volta da selecção.

ben

Anónimo disse...

Eugenio, mostra um pouco mais de inteligencia e descernimento, a questao esta errada, nao epor os outros nao serem convocados que se explica uma situacao absurda.

Pensa se por mero exercicio hipotetico, pois isso seria impossivel, fosses nomeado o melhorjornalista desportivo da Europa pelos teus colegas Europeus.

Sem qualquer explicacao o Record despedia-te e todos os jornais desportivos portugueses te boicotavam, o que sentias?
Recalcamento? ou simplesmente uma enorme incompreensao pelo facto, talvez alguma frustacao pelo empenhamento dado ao servico desse jornal?

Haja alguma inteligencia! que tanta burrice mete pena!

androctonvs disse...

todos falam do que consideram ter sido um "frango" na final, mas esquecem-se de quem defendeu E MARCOU penalties contra a Inglaterra...e não só.

a verdade dói. o baía sempre foi um frangueiro, vê-lo no barcelona meteu dó, tanto que veio recambiado para Portugal assim que se abriram os olhos, lá por Espanha...

Mas lá está, o Baía sempre podia jogar com as mãos fora da área...

Anti-desonestidade disse...

Post desonesto. Afinal o burro não é o Scolari...

oh oh oh disse...

Posters Anti-Baía: obrigado por postarem. Confirmaram que são umas bestas. Infelizes...

Anónimo disse...

Os Andrades têm a memoria muito curta.Nunca me esquecerei da chapelada do Poborski que nos eliminou nos quartos de final do Europeu.Afinal o que estava a fazer o Baia na terra de ninguém? E que dizer da exibiçao frente aos Estados Unidos no Mundial da Coreia/Japao? Sinceramente, na seleçao o Vitinho nunca fez corno como nao fez no Barcelona donde veio a coçar uma perna e a lamber a outra.

coronas disse...

eh, o garnizé de Valência, lá que é, que vai pà sigunda de lá, ganha é juízo, ó pá, que ainda te pega a vozinha, assim como de menina, que arrepia e dá gozo ao scolas, sargentão, olá, hué, huá...

Leão Verde disse...

Para não falar dos frangos do baía no Mundial de 2002. Isso não interessa não é bárbaros (já que pelos vistos soui mouro)? E quanto ao tal canto de 2004 vejam lá o vosso ídolo bostinha a falhar a marcação... pois o ricardinho é que foi o mau... o chocolari é burro... pois, pois.

Anónimo disse...

Muito modesto este Baía! Há coisas que mesmo sentidas nunca poderão ser ditas ou escritas.

Anónimo disse...

Se com o frangueiro do Baía éramos campeões europeus, porque não nos safou ele no Mundial anterior?

Baía sempre foi sobreavaliado, e teve a felicidade de estar nas equipas que ganhavam títulos.

O contributo dele? mínimo...

Recalcadinho...

homessa disse...

Nem mais androctonvs.

Só me admira que o balizas não venha chorar baba e ranho por o Barça não lhe ter permitido ser o melhor do Universo, quiçá da Europa, tendo que terminar a carreira num clube de bairro.

Scolari está muito acima de clubes de bairro!!

ze da povoa disse...

Quando se fala em Vitor Baía convém frisar que é tão-sòmente o melhor GR português de sempre e não é um Scolari qualquer que nunca ganhou, nem nunca vai ganhar nada, ao serviço da selecção portuguesa que lhe faz sombra.
Vitor Baía é, e continuará a ser muitos anos, o futebolista que ganhou mais títulos quer a nível nacional, quer a nível internacional.(s.e.o.:32). E quantos é que o Scolari ganhou?

luizão disse...

ai, o benfas não é clube de bairro, do bairro aí de Benfica, e é por o Nuno do golo, o Luís grandão virem dizer boas festas da famelga, mas aquela ma~e, ai, é verdade e não te esqueças... ó ridicularia, mas não descambem, que o caso era o scolari ser bronco e tosco e gostar da vozinha fina dos rapazes da selecção, por causa da barba rija dos outros, que só foram o campeão !

ai, c'até dá riso vir falar de um sargentão, por causa do Luizão... ó Luizão!

Anónimo disse...

Caro Eugénio Queirós,
não posso deixar de comentar esta:
1) Sem Baía, a selecção conseguiu ZERO títulos. Aliás, na entrevista Baía refere que o seu MAIOR desgosto é não ter conquistado nenhum título com a selecção. Ainda assim, e já que fala de lugares "honrosos", não se esqueça do 3º lugar do Euro 2000 com o Baía na baliza.

2) Dois anos depois...Baía continua a dar entrevistas, não como preterido de nenhum seleccionador, mas na qualidade de dirigente de um dos mais conceituados clubes do mundo, e por ter o palmarés (de títulos e não de lugares honrosos) que tem.

3) Pois não. Houve mais. Mas do Baía há muita gente que gosta de falar. Dos outros podia falar o amigo Eugénio.

Para terminar...andei à procura de outras entrevistas de jogadores Portugueses - no activo ou retirados - no site da FIFA. Não encontrei mais nenhuma. Nem mesmo, imagine, do Ricardo ou do Quim.

Cumprimentos,
José Carvalho
Administrador do Portal dos Dragões
http://www.fcporto.ws

Anónimo disse...

Basta saber ler para perceber o que o Baia diz:
"o senhor Scolari prescindiu de mim sem me dizer palavra"
Das muitas vezes que o Baia falou disso, o que e obvio que o incomoda nao sera tanto o facto do Scolari ter prescindido dele mas sim i de nao lhe ter dito palavra.
A carreira do Baia ao nivel da seleccao merecia mais respeito.
E acho que e consensual que este treinador tem mostrado muita falta de respeito por tudo e por todos.

atirador especial disse...

Este Baia não se cala,coitadinho...
sempre a falar do mesmo, esquecido das frangalhadas que deu ao serviço da selecção !!! Enfim terá sempre uma mariana, que posta umas cenas que só ela entende, pois compôr uma frase não é com aquela cabecinha... vai passar umas peças a ferro raparigo.

johana disse...

Olha, afora
scolaris, eugénios,
coments, baías, eu tou é
com'ò sargento, qui ama as vozes fininhas

Zamber disse...

Já cansa ver este calimero a queixar-se disto.
O que eu não me esqueço é que no Mundial 2002 estava o Ricardo em grande e sem aviso prévio foi entregue a titularidade depois do Baia ter passado uma época lesionado.
Não me esqueço da frangada que deu na qualificação do Mundial de 98 na Ucrânia com aquela defesa para a frente que começou comprometer a nossa qualificação.
E que dizer da chapelada contra a Rep. Checa em 96?
E ver o Baia a chorar em Barcelona depois de ter levado 4 frangadas no jogo contra o Atl. Madrid.
E a atitude do Baia a atirar a bola a cara ao Ricardo nos penalties do jogo da Taça do Porto Sporting.
Esta entrevista só vem provar o mau caracter desta pessoa mal-formada.
Porque no te callas????

atirador especial disse...

Assim se fala bom português !!!!
Sem duvida que o "calimero", foi um grande guarda-redes !!! mas até na grandeza é preciso humildade.
Já chega de se fazer de vitima...

joaninha disse...

Olha,
e eu, afora
scolaris, eugénios,
coments, baías, vou mais
é c'o sargentão, qui gosta vozes fininhas

Carlos disse...

isto há cada burro, depois da UEFA o ter nomeado o MELHOR, vêm estes merdas dizer que ele não tem modéstia, se é o jogar com mais títulos do mundo é porque realmente ele era bom no que fazia, se não fosse não jogava nesses clubes, e quem são vocês para dizer o contrário? uns meros ignorantes que têm dor de cotovelo, e a dor de cotovelo é muita! o Baía já teve na selecção ideal, e o ricardo? eu quero ver a lista de títulos do ricardo quando tiver a idade que o Baía tinha quando abandonou os relvados. depois falamos mais sobre o assunto.

Carlos disse...

se ele se faz de vitima é porque os jornalistas lho perguntam, eu no lugar dele fazia o mesmo e continuava a dizer que não percebia o afastamento, enquanto ninguém lhe explicar é óbvio que continua sem perceber, e vocês também faziam o mesmo, a menos que tenham um Q.I. duma barata. se o ricardo chegar ao estatuto que o baía teve (hahahaha) e for nomeado o melhor da Europa pela uefa e depois o próximo seleccionador não o convocar de certeza que irá fazer o mesmo que o baía faz!

Anónimo disse...

Pobre de Espirito... E de titulos tambem...

Uns em tudo o que entram ganham como o Baia, outros o 2º lugar em qualquer competiçao e motivo para festas...

Portistas de tao grandes que somos ja nao nos contetamos com pouco...

Eles suspiram pelo Eusebio... Nos respiramos titulos!!