AGORA ESTOU AQUI

quinta-feira, dezembro 27, 2007

ÚLTIMA HORA

AP, 27/12 - Uma equipa de arbitragem portuguesa deu ontem uma conferência de imprensa na sede dos Passarinhos da Ribeira, no Porto. O trio, que não se identificou, revelou que os árbitros portugueses foram treinados intensamente pela ETA nos últimos meses, estando prontos a retaliar no caso de continuarem a ser alvos de ataque. Como por exemplo: não aceitam mais que emissários dos clubes sejam enviados a suas casas com presentes de aniversário, de Natal ou outros em envelopes e caixas suspeitas. Os árbitros portugueses revelaram ainda que o FBI instalou um microchip em cada um deles, com GPS incorporado e 54 MB de memória ram, e que qualquer ataque será neutralizado num espaço temporal de 10 a 15 segundos, tudo dependendo da disponobilidade da GNR local (sobretudo) e dos Marines americanos (ocasionalmente). O trio de arbitragem encapuzado anunciou também que os uniformes com que se apresentam foram patrocinados pelo Corte Inglês de Gaia, mais precisamente pela loja gourmet, único estabelecimento que recomendam para um eventual lanche ou ceia que os dirigentes queiram oferecer-lhes no final do jogos.

1 comentário:

atirador especial disse...

Como sempre vão receber fruta |||