AGORA ESTOU AQUI

segunda-feira, setembro 24, 2007

Nação valente

2 comentários:

Anónimo disse...

Lindo! Fantástico!

Anima o coração e arrepia a alma.

Muchas gracias Eugenio!

siphronic disse...

eh, boa malha, Eugénio!

tá excelente!

e por acaso, até eu, de bom gosto, dava uns estalos na cara ao Scolari, se o tosco me passasse a jeito por aí, mas o gajo é manhoso, o sargentão, que logo pa começar entendeu que o melhor era pegar os portugueses pelo que são, uns simplórios, terrivelmente invejosos, e atirá-los contra o FC do Porto, contra o PC, e deu essa onda de euforia despeitada, com bandeiras da China e o hino, cantado à matroca, mas hino, carago, c'até as mulheres lá foram, ao estádio, numa festa, e houve umas que desmaiaram, contra o Porto, na festa do sargentão... e agora ele impata e os mais correm, Portugal não vai ao torneio, fodido, e eu dava um soco no gajo que nem queiras saber, mas ele foge, foge, escondido entre as velhadas que hoje vi, da federation, com o pato do Madail (indiano), que o madail é outra tal bisca, outra bicha que eu tamém esborrachava, se me saísse aí, ihihi!...