AGORA ESTOU AQUI

quinta-feira, agosto 02, 2007

LIBERTINAGENS


Está na moda bater na FPF e na Liga. No entanto, a FPF, com todos os defeitos que tem, transformou a selecção nacional de futebol numa equipa de top enquanto a Liga, sob a direcção de Hermínio Loureiro, continua a primar pela inovação e pela vontade de progredir, como é exemplo a última acção de formação dos árbitros, na Escola Naval do Alfeite. Longe vão os tempos em que tinha de ser José António Pinto de Sousa a pagar a conta do hotel onde os nossos apitadores ficavam em estágio... É o velho problema: quem assume, quem dá o peito às balas, quem ousa mesmo chapinar no charco, mais tarde ou mais cedo acaba no ponto de mira de quem pratica o exercício da crítica livre, libertária e quiçá muitas vezes libertina. Atenção: isto não é um protesto, é apenas verificação factual. Mas se me perguntarem se troco o dr. Madaíl pelo Silva Resende ou Hermínio por Valentim, só posso mesmo responder: antes de tomarem qualquer medicamento, por favor verifiquem o seu prazo de validade!

1 comentário:

Anónimo disse...

falam,falam mas não fazem nada.

É por isso que se instalou mais uma bronca porque uns chulos da FPF não souberam escrever um ofício, dando diretio a um clubezeco meter mais uma provedencia cautelar e suspender a taça de portugal e a 3 divisao.


É por isso que a primeira jornada com 8 jogos vai-se jogar em 5 dias.


palhaçadas ao nivel do rascord