AGORA ESTOU AQUI

terça-feira, agosto 14, 2007

DOIS PONTOS

1. O nojo de novo a cobrir o jornalismo português com o destaque dado ao documento apresentado por Rui Santos, que se supõe ser falso. Aqueles que perante factos notórios e gritantes assobiam para o lado e fazem de conta que nada acontecer são os mesmos que hoje amplificam o que não passa de um fait-diver. Eu sei porquê. Inveja, desonestidade, mesquinhez, sobrevivência. Pobres. Coitados. Sobretudo dos paus-mandados.
2. É um facto que a investigação do Apito Dourado tem tantos buracos como crateras tem a lua. É um processo que está longe de ser perfeito. Quem se sente acossado, lança agora as contra-medidas. Eis, pois, o Apito Encarnado. O futebol português dos últimos anos está ao nível do ciclismo de alta competição que se pratica - é uma fraude tolerada. Aqui não há santos. Mas, meus senhores, alguns eram mesmo o diabo* em pessoa...
* Há quem me garanta que o diabo não é vermelho mas encarnado.

13 comentários:

Anónimo disse...

FUCK BERARDO!!!!

Anónimo disse...

"O futebol português dos últimos anos está ao nível do ciclismo de alta competição que se pratica - é uma fraude tolerada"

Tem toda a razao! Principalmente do seu Benfica ... são casos uns atrás do outros ... Nuno Assis, etc ...

Alcool no Luisão, etc ...

Continuem a fechar os olhos ao "apito encarnado" ...

Realmente pra vender e defender o senhor santos vale tudo!

Anónimo disse...

E houve um gajo que atropelou outro, matou-o, e não lhe aconteceu nada...

Anónimo disse...

mas o Rui Santos não lê jornais. nem vê a SIC. Um canal que desmentiu as afirmações de Saldanha Sanches no noticiário logo a seguir ao debate em que o fiscalista fez um comentário enganado por uma local de um matutitno que aposta tanto no Apito Douradoue na degola de Pinto da Costa como apostou no linchamento publico de Ferro Rodrigues e de Paulo Pedroso, no processo da Casa Pia. Agora, só resta ao Rui Santos pedir desculpa pelo erro e mentira que propalou na SIC ou/epagar uma indemnização que ajude a melhorar as finaças de uns instituição de caridade do Porto. Com a herança do Tio

Carlos Calheiros disse...

Primeiro:

Não existe nenhum 'apito encarnado'.

Segundo:

O Apito Dourado foi e é uma operação policial e não uma frase de um qualquer presidente de clube.

Terceiro:

Em relação "Aqueles que perante factos notórios e gritantes assobiam para o lado e fazem de conta que nada acontece" são da casta do "jornalista de mão cheia, homem culto, grande conhecedor de futebol, gente divertida e boa". Desses, tem razão, estamos fartos.

* O diabo não existe, o Papa sim!

nmarques disse...

Caro Eugénio,

Julgo que só alguém muito ingénuo pode acreditar que o futebol, e o futebol português em particular, é um poço de virtudes. Como dizes, e bem, aqui não há santos. Quanto à afirmação do diabo, por lançares tão levianamente a suspeita sem a concretizares (quase lembraste o Octávio Machado agora) ficas sem grande crédito para atacar o Rui Santos, por quem não nutro particular simpatia.

Saudações jornalisticas,

Anónimo disse...

Há dias, O PATO recebeu um e-mail de uma senhora que - é ela quem começa por dizê-lo - “não se pode expor com receio de represálias internas”, uma vez que é “pessoa ligada às investigações do processo Apito Dourado, cujas intenções iniciais” - acrescenta - “eram as melhores”, rematando contudo: “Estou profundamente desiludida”.
E avança porquê: porque, segundo ela, essas investigações “foram completamente direccionadas” - indica por quem - “escolhidos alvos previamente definidos e cometidas uma série de ilegalidades e notórios erros processuais, que necessariamente vão matar o processo, em que muitos trabalharam de boa fé”. Levantando em seguida muitas questões que enumera, e que, segundo ela, foram deixadas de lado; para adiantar um conjunto de “elementos para uma investigação que deveria ter sido feita e não ocorreu, mas que está muito a tempo de se fazer”, embora “ninguém tenha mostrado interesse em investigá-las”.
Por exemplo:
- Investigue-se a realização de reuniões secretas em Lisboa, e outras no Bar Privado, também em Lisboa (...), testemunhadas por muitos funcionários deste local;
- Investigue-se quanto pagou quem alojou Carolina Salgado para esta dizer o que disse, e quem na PJ deu suporte a essa estratégia;
- Investigue-se, agora que se fala tanto da Bragaparques, qual a ligação dessa empresa (a um determinado clube e ao seu presidente e às sociedades de um outro presidente de clube);
- Investigue-se a ligação (de um árbitro a uma determinada Câmara Municipal) e as ligações do presidente dessa Câmara ao presidente do clube da terra a uma grande empresa, etc., etc., etc. Tudo isso, continuando na EPUL, no caso-João Pinto, na transferência do jogador Marcel para o Benfica, mas (também) ligações de um presidente de um clube com a PJ de Lisboa, e por aí fora

borealis disse...

o garnier paris meteu o pé na poça, quis forçar os 400 euros e agora vai responder em tribunal por difamação e falsificação de documentos. muito bem encaixada esta.

e já merecia..

Anónimo disse...

Segundo 24 Horas de Hoje, retirado da internet e num texto de Manuela Teixeira, serão 26 páginas bombásticas:

"Luis Filipe Vieira é acusado de pagar elevadas quantias a várias pessoas - entre as quais, Carolina Salgado, Fernando Seara e Saldanha Sanches, marido da procuradora Maria José Morgado"

"Afirmam ter como provas imagens, sons e documentos."

"(...) dizem que Luis Filipe Vieira, ainda como presidente do Alverca, pagou a Fernando Seara 100 mil contos para que o clube satélite do Benfica ficasse na primeira divisão, numa jogada que prejudicou o Gil Vicente. (...) ainda sobre LFV é referido que na PJ havia um dossier que o colocava em actividades de tráfico de estufacientes"

"(...) é referido também que Saldanha Sanches (...) trabalha para Vieira e recebe por baixo da mesa elevadas quantias em dinheiro"

"(...) Luis Filipe Vieira terá pago muito dinheiro a Carolina Salgado,bem como ao pai da ex-companheira de Pinto da Costa. (...) é referida uma entrega de 50 mil euros alegadamente feita pelas mãos da jornalista Leonor Pinhão e que esse dinheiro foi depositado numa conta do Banco Santander de Tuy em Espanha."

"(...) há referencia aos famosos quadros (...) e que terão ido parar a casa de Luis Filipe Vieira e de alguns presidentes de bancos, não especificados"

Os jornais matutinos de hoje desportivos ou não, pouco falam sobre o caso no que diz respeito ao conteúdo do dossier.

Anónimo disse...

Absolutamente de acordo...com o "jornalismo nojento".Então não é que o jornalismo nojento conseguiu transformar " a PGR vai apreciar o dossier" em...." O benfica QUER ser invesrigado" ? Nomeadamente na TVi que é o que eu ouço ( mas que é de certez generalizado ) ...mas como não leio merda ( posso ficar com os olhos sujos...CM;RECORD etc etc...).
Isto sim é JORNALISMO NOJENTO ao qual tu pertences...e muitos milhões ( dizem que são seis deles...)

Anónimo disse...

Pois, agora és tu a querer desacreditar... Até aqui dizias que os outros é que queriam desacreditar... Lá tens de continuar lambe-botas para poderes virares-te para o lado certo, seja lá a verdade qual for...

Anónimo disse...

o pinto da costa, valentim e companhia sao mafiosos, ha' duvidas?

Anónimo disse...

AS maiores "MAFIAS",estão sempre nas CAPITAIS.......