AGORA ESTOU AQUI

domingo, julho 29, 2007

OS INCIDENTES DO MAR

Confesso que não estou com muita vontade de comentar o que se passou no último Leixões-V.Guimarães. Tirei cedo o cavalinho da chuva e, apesar de estar de férias, decidi que não ia. Convidar o Vitória para a apresentação da equipa foi sempre uma ideia no mínimo peregrina tendo em conta o que aconteceu na última época - com o mau comportamento dos adeptos do Leixões no primeiro jogo e a resposta dos vimaranenses no segundo. O presidente do Leixões tentou dar o salto em frente com este jogo mas não havia necessidade. Como se viu, só se agravou a situação. A crispação entre os talibãs das duas claques é um facto e o resultado esteve à vista. Também não percebo a irritação de Carlos Oliveira com as críticas dos adeptos. Não acredito que o presidente do Leixões queira que o proclamem salvador da pátria. Críticas e críticos haverá sempre, arruaceiros também e os clubes, mesmo quando se transformam em SAD, são de todos e não dependem de um homem só. Um homem só por norma é tentado a tomar decisões que até uma criança de 5 anos consideraria incorrecta. E tanto quanto conheço de Carlos Oliveira, não o considero uma pessoa estúpida. Ficou-lhe bem pedir desculpas aos adeptos do Vitória, não gostei, porém, da ameaça que deixou de abandonar a presidência. Nem o Leixões o merece, nem Oliveira é homem para largar uma criancinha dos braços.

PS - A SAD leixonense entretanto informou que pretende expulsar de associados aqueles que provocaram os distúrbios, ponderando ainda a extinção da claque Mafia Vermelha, onde, no seu entender, se podem alojar "falsos leixonenses". Ora bem. Li bem? Falsos?! Os miúdos podem ser arruaceiros mas são tão leixonenses como os outros, o que está em causa é o seu comportamento cívico. Todos sabem o que penso das claques organizadas - não viria mal nenhum ao mundo se se perdessem num buraco qualquer... - mas de aí até pôr em causa o leixonismo de quem acompanha a sua equipa há anos, faça sol ou chovam pedras, vai uma grande distância. Como a que separa o bom senso da prepotência. Ou o que afasta a humildade de reconhecer erros e a soberba de se pensar que o diabo são os outros.

31 comentários:

Anónimo disse...

Terminou a suspensão ao futebolista do Benfica Nuno Assis, por «doping». O ‘machado de guerra’ entre si e o presidente do Benfica será enterrado? Luis Filipe Vieira acusou-o de perseguição...
Só intervi porque havia uma decisão inaceitável do Conselho de Justiça da Federação Portuguesa de Futebol. A luta contra o «doping» ficava seriamente comprometida se o Estado não reagisse. Os tribunais deram-me razão. Não aceito a acusação de perseguição. Na época de futebol de 2006-2007, o Naval, o Leiria e o Vitória de Setúbal foram visitados 12 vezes pelo controlo anti-«doping»; o Beira-Mar, 13; o Sporting, 18; o FC Porto, 30 vezes. E o Benfica foi 11 vezes. Não fui eu que escolhi! Foi um computador, que faz os sorteios e não tem qualquer camisola vestida.
(LaurentinoDias/Sec.Estado Desporto)

Até os computadores,emPortugal, têm falta de IMPARCIALIDADE ?!

Anónimo disse...

acho q toda a gente já sabia como isto ia acabar. é realmente de uma enorme falta de bom senso convidar o V.Guimarães para jogar no Mar depois de tudo o q se passou na época passada. Mas agora os vimaranenses não se façam passar por anjinhos, q também têm culpas no cartório, se bem que quem começou os incidentes a época passada foram uns atrasados mentais do Leixões.

A resolução disto é muito simples: esses meninos que se confundem com a claque Máfia Vermelha deviam ser proibidos de entrar em quaisquer estádios do País. Pelo menos no Mar se a polícia os deixasse entrar, os sócios leixonenses deviam de tomar posição e não deixar entrar esses vândalos. Como sócio do Leixões envergonham-me esses animais.

Bando de miúdos mal-educados e marginais que deviam ser colocados em casas de correção. Quem é verdadeiramente do Leixões não toma aquelas atitudes. Os outros provocam? deixai-os provocar, agora atirar cadeiras e pedras?
mas que é isto? Fora com esses ordinários, haviam de levar uma tareia dada pelos adeptos leixonenses e nunca mais voltarem.

Não quero animais no meu clube!

Anónimo disse...

Sou Leixonense, ao contrário do senhor que é bi-clubista Portista e do seu papá que é Matosinhos SAD (clube que desconheço a existência) e vê-se logo que nem foi ao primeiro jogo porque quem agrediu no primeiro encontro foram os vitorianos. Agressão verbal também é agressão ou não?

No entanto, agrada-me que ao contrário do seu papá tenha alguma postura crítica e que finalmente comece a ver que Carlos Oliveira não sabe lidar com pluralidade de valores, se não veja-se o que fizeram aos líderes do Movimento Leixões XXI e seguidores. O Senhor Presidente Carlos Oliveira quer protagonismo, notoriedade, visibilidade para o ataque à Câmara e todos sabemos disso e ao contrário do que alguns pensam, não há insubstituiveis.

Por mim já poderia ir de vez porque não faz falta nenhuma e só tem destruído a nossa Identidade. O discurso do Senhor Carlos durante o encontro foi ridiculo (ele pensa que está a falar para putos ou para o filho dele ou empregados?) e a conferência de imprensa ainda pior.

Se quiser sair eu agradeço-lhe. Está mais que na hora.

Anónimo disse...

Fala agora como falaste dos KOSOVARES em Guimaraes... Redime-te e tem vergonha! Palhaçada de Clube!

Anónimo disse...

preocupa-te com o teu clube e com o teu presidente (khadaffi).


Já ninguém engole o "teu" leixões.


continua a cruzada...

aré te espatifares.

Anónimo disse...

Não estoua perceber
Tão pressuroso a defender o seu Leixões surge agora com um distanciamento. Que se passa? Não acha que o presidente do Leixões tem razão? O amigo está habituado a outros presidentes "incendiários" e que depois surgem como falsos bombeiros. É uma vergonha o país inteiro estar a falar dos desmandos no Estádio e depois por certos jornalistas que gostam de empolar. A reacção de Carlos Oliveira é a do homem que se tem dedicado ao clube, feito com a sua equipa um trabalho de eleição e receber como pagamento os "coices" daqueles que nunca fizeram nada pelo clube. Ele que abandone e ver-se-á em que buraco vai caír o clube. O amigo como leixonense que diz que é deve ser construtivo e apoiar quem combate a pouca vergonha.

Bruno Pinto disse...

Subscrevo inteiramente a apreciação feita.
Cumprimentos.

Careca disse...

Sinceramente, que abandone!
Não andei quase 20 anos atrás do meu Leixões pelas ruas escuras das divisões inferiores, a comer sapos vivos, a pagar forte e feio, e quase sempre alegre e contente para ir ver o meu clube ao domingo á tarde, com uns extritas dos jogos da Taça, e até da UEFA.
No entanto quando parecia que tinhamos chegado ao céu (1ªLiga), dou-me comigo a ter pesadelos, uma direcção que de alma leixonense de raiz deve ter pouco, mas têm muito ao que parece com alma de SAD, uma equipa que foi entregue ao FCP, um estádio que não tem condições para a 1ªLiga. Tantos anos a dizer mal dos nossos vizinhos (Leça) e parece que nos rogaram uma praga e estamos quae iguais, só nos falta a iluminação artificial para para empatar.
Quanto ao jogo, eu fui e de facto era o que eu previra, um jogo que nunca devia ter existido, e claro para satisfazer os caprichos de uns, outros os inocentes levam com as favas (pedras neste caso),uma tristeza.

Manel Pimpão disse...

Se eu fosse ao vosso presidente mandava-vos todos ir jogar boxe com os netos dos irmãos piratas, cambada de arruaceiros. Depois venham dizer que os gajos de Guimarães é que são umas bestas (também são, é verdade, mas a vossa autoridade para apontar o dedo é ZERO!!!!), vocês ainda conseguem ser piores, o que já não é fácil. Façam-se gente, apoiem o vosso clube como as pessoas civilizadas!

Joseph K. disse...

Percebe agora, Sr.Eugénio, o erro de confundir a árvore com a floresta ?
No fundo o senhor sabe que pode continuar a jantar tranquilamente no Florêncio ou a apreciar a teleférica vista sobre o Castelo Maravilha. E que nunca precisará da especial protecção dos gorilas que, na noite mais negra do Vitória, montaram guarda de honra ao seu amigo António Coimbra.
Quanto a nós, também muito tranquilamente, continuaremos a degustar as preciosidades gastronómicas de Matosinhos, assim a carteira e o dia 30 o permitam.

Do Kosovo com amor...

Anónimo disse...

O papá informa anónimo

Não sabe o que é Leixões SAD. Eu digo-lhe: O Leixões Sport Clube já não tem futebol profissional. Em tempos os sócios do SC decidiram aceitar uma SAD (SAD Leixões Futebol) que é formada com um capital do empresário sr. Manuel Carvalho, da Câmara Municipal e do Leixões Sport Club (que julgo ter 51%). Quem manda na SAD são os accionistas. Os sócios do Leixões para assistirem aos jogos de futebol profissional, para além da quota tem de pagar bilhete, mas não mandam nada. E aceitaram a SAD para que o futebol profissional não acabasse. Na SAD o capital é representado Leixões (Carlos Oliveira, José Manuel Teixeira e Rui Costa); o sr. Manuel Carvalho (Silvia Carvalho) e Câmara Municipal (Fernando Rocha). Quem nomeou os representantes do Leixões foi a Direcção presidida pelo dr. José Manuel Dias da Fonseca. Fica entendido?

Anónimo disse...

O Kosovar Eugénio Queirós virou anjinho de coro...

Ou será que mordeu a língua ? ....Com medo da mafiosos vermelhos ?

miguel fernandes disse...

Para os mais velhinhos, os comportamentos arruaceiros dos adeptos leixonenses já não são novidade.

Ou não tivesse sido o público do Mar várias vezes considerado como o pior comportado da antiga primeira divisão nacional...

Anónimo disse...

ódios de longe
que um jogo amigável
não dissipa nos arruaceiros

oh, tristeza

e há-de ser isto enquanto
Leixões e Guimarães dependerem
de dois bandos de cabreiros

Anónimo disse...

gostei do teu distanciamento... como nao te agrada nao é nada contigo.

se queres ver as imagens sugiro que procures por guimaraesTV, tens lá as imagens da vergonha!

é triste o comportamento destes gajos que até ao socios - verdadeiros adeptos - se viraram; sairam da sua bancada para armar confusao na outra! ridiculo!!!

as pessoas sao facilmente identificaveis nos videos, e mais facil será uma vez que sao sócios (?) ou no minimo conhecidos da zona - quem nao conhece os ladroes da zona?

pessoas destas deveriam ser banidas dos campos de futebol pois eles nao querem ver futebol...

é tao bonito culpar as gentes de guimares, é tao facil... somos e seremos únicos.

um bem haja aos verdadeiros leixonenses, um kosovor amigo... bahhh

Anónimo disse...

Careca você disse tudo.

Anónimo disse...

È dificil arranjar um BOMpresidente,"estes",que o têm,vão desperdiçá-lo...

Anónimo disse...

Bem me parecia que estas subidas de Leixões e Guimarães iriam dar barraca.

e passo a explicar porquê:

- Guimarães é só arruaceiros. São muitos. Quando podiam fazer grandes propagandas ao futebol e convivo entre adeptos só promovem a violência.
Digam-me em que estádios os de Guimarães já não armaram barraca?
quantos clubes é que não têm problemas de violência com os de Guimarães..?
É com os de Braga,com os de Leixões,do Porto, do Benfica, da Académica, do Boavista..toda a
gente.






- Quanto ao Leixões também não passam de um bando de rebarbados mal educados, arruaceiros e cheios de teorias de conspiração.
Vejam lá que ainda dizem ser rivais do FCP ,um dos maiores clubes da Europa..enfim.
São menos dos que os de guimarães mas também gostam de armar barraca com toda a gente. Ou melhor, peixeiradas.
Já se adivinham peixeiradas quase todos os jogos naquele estádio.

Mas a cereja no topo do bolo é a dos leixonenses andarem uns contra os outros.
Segundo uns um Leixonense tem que odiar o Porto e o Pinto da Costa.
Outros já admitem ser bi-clubistas(mas qual é o clube sem ser dos 3 grandes que nao tem bi-clubistas?)

Leixonenses é só sportinguistas e benfiquistas porque os matosinhenses portistas e que simpatizavam com o Leixões,após uma ida ao estádio pura e simplesmente não poe lá mais os pés ,tais as barbaridades que ouve.


Esta de atacar o Presidente que acabou com um passivo enorme e meteu o clube na primeira liga após 20 anos também é gira!!!


voltem para a segunda--

Anónimo disse...

Isato de defender os anjinhos das claques já basta. Não é a do Leixões, são praticamente todas. É preciso legalizá-las e não deixar albergar nas mesmas arruaceiros, no mínimo, porque há piores.
O sr. Eugénio que esteve para comer no costado de gente das claques e que já cheirou os punhos de alguns encostado a uma parede de Belém, agora está armado em Menino Jesus.

Anónimo disse...

O penultimo anonimo antes de mim é ridiculo.

Anónimo disse...

Saudações desportista. Sócio do meu Vitória à 30 anos, penso que não será esta atitude de meia dúzia de incultos, que irá caracterizar ou descridibilizar essa grande terra que é Leixões. Adoro passear junto ao vosso porto, ver os barcos (muitos parabens pela grande ponte que hoje inauguraram) e passar boas tardes nas vossas praias.
Parabens aos verdadeiros Leixonenses que realmente apoiam a equipa e que sabem que a violência não leva a lado nenhum. Quanto ao vosso presidente, penso que está a fazer um grande trabalho que é somente manchado por estas atitudes de pessoas que nunca pensam em mais nada que não seja em violência.
Parabens Géninho pelo bom site e viva ao desporto. até uma próxima

d. afonso henriques disse...

ó queirós deves andar a dormir... só pode!

na 2ª volta em Guimarães, os leixonenses, esses ergumenos, fizeram a própria cama, ao entrar em confrontos com a polícia... coisa que em matosinhos, não há...

mais, acredita que na 3ª jornada os vitorians irão em força e em número a matosinhos apoiar o Vitória, e se por ventura a liga decidir não aplicar castigos ao leixões pelas vergonhosas actuações... vai haver sangue...

só quero ver se na altura de virem jogar a Guimarães, se haverá "colhões" para acompanharem a vossa equipa...

quem apoia, apoia sempre... independentemente do campo onde jogam!

nões já estamos habituados a ir a braga e ao bessa... com a contrapartida de eles nunca virem cá!

Anónimo disse...

uns animais, é o que são aqueles putos nojentos do leixões. Mas não vamos generalizar... adeptos destes há em quase todos os clubes: no Guimaraes, no Braga (provavelmente os mais arruaceiros), nos chamados 3 grandes, etc...

O presidente do Leixões teve uma atitude positiva mas com anormais como sócios é dificil...

VSC disse...

Face aos acontecimentos ocorridos no jogo entre o Leixões e o Vitória Sport Clube, realizado no passado Sábado no Estádio do Mar, jogo esse de apresentação do Leixões aos seus sócios, a Direcção do Vitória entende ser este o momento para tomar uma posição responsável e ponderada ao sucedido.

Antes de mais, a Direcção do Vitória Sport Clube enaltece o comportamento de todos os vitorianos presentes no Estádio do Mar em Matosinhos que dignificaram o nosso Clube através de um comportamento irrepreensível, urbano e de grande carácter, demonstrando assim que a grandiosidade deste Clube começa e acaba nos seus sócios.

O Vitória S. C. repudia veementemente o ocorrido no Estádio do Leixões, qualificando os actos praticados contra os vitorianos de bárbaros e criminosos.

Tanto assim é, que a Direcção do Vitória Sport Clube exige às autoridades competentes a instauração de procedimento criminal contra os responsáveis sendo que se irá constituir assistente nesse processo, de forma a exigir a punição de todos os que directa ou indirectamente participaram em tais actos criminosos.

Importa ainda deixar bem claro aos Vitorianos que a determinação do Presidente do Vitória, de não manter a sua decisão de abandonar o jogo ao intervalo, se deveu ao seguinte:

- A Administração da SAD do Leixões ter prontamente tomado uma posição firme de repudio contra aqueles que falsamente se identificavam como adeptos de futebol, manifestando ainda total solidariedade para com o Vitória Sport Clube, quer para com a sua equipa quer para com os vitorianos presentes no Estádio do Mar;

- A Direcção do Vitória Sport Clube, após ter ponderado que apenas e tão só em respeito pelo desporto e em especial por aquilo que deve ser sempre o futebol, não iria contribuir para o que viria a ser uma das maiores vergonhas do futebol português, que poderiam certamente ter repercussões negativas além fronteiras.

Por último, a Direcção do Vitória Sport Clube exige que a SAD do Leixões receba os Vitorianos, na 3ª. Jornada da Liga Bwin, com dignidade, elevado respeito, cortesia e acima de tudo MÁXIMA SEGURANÇA.



Guimarães, 30 de Julho de 2007
A Direcção do Vitória Sport Clube

xinesa disse...

Como era de esperar, mais um jogo com problemas, e, por sinal, não será o último. Acho de bom tom o que o Sr. Eugénio escreveu desta vez, se assim tivesse sido antes, não dava um terço da polémica que deu... Apenas tenho um comentário a fazer: quando se fala em "falsos leixonenses" fala-se nos adeptos de outros clubes como, por exemplo, Boavista que se "colam" aos putos do leixoes pra armar problemas - no meu ver, claro, mas que se pode provar com o que aconteceu na 1ª volta do ano passado, era ver panterinhas a correr pelo meio dos arbustos. Claro que quando os putos do leixões precisarem deles, vão-lhes voltar as costas, o que já era de esperar e aconteceu no ano passado, na 2ª volta... Grande consideração para os verdadeiros adeptos do leixões que, por causa destas merdas, directamente ou indirectamente, acabam também por pagar - como acontece com outros clubes com membros menos disciplinados, como ja acontecu com os adeptos do Vitória. Os meus parabéns ao presidente de ambos os clubes, pois tiveram uma atitude correcta e digna. Vitória sempre, Vitória até morrer!!!

Zé Luís disse...

Ó Eugénio, A Bola traz uma entrevista com o António Medeiros -- grande cromo! -- que diz que a equipa do Leixões de 1961 jogava dopada!!!
E esta, hein?

Anónimo disse...

Pois Pois, e a equipa do FC Porto nem teve ajudas das frutas e dos cafés com leite!

Anónimo disse...

Quando se fala, há que saber falar. Desta vez (como não lhe interessava), falou pouco. Seja cuerente sempre, tente falar sempre com o mesmo respeito por ambas as partes.

Zé Luís disse...

Ó anónimo, queixa-te ao Medeiros e antes de ires ao S. Pedro pede ao Eugénio mais vótmitos de baba sobre o celebrado triunfo leixonense.

Anónimo disse...

è cconstrangedor, uma pessoa, considerada culta, com um nivél acentuado de conhecimento, e presumo de bom senso, analisar, para nao dizer, criticar a atitude honrada de um homem, como o presidente do Leixões S C.
Tente ver as coisas como elas são, se nao da valor aos juizos eticos e morais, faça, como o Srº Saramago, va para a puta de uma ilha, nao o queremos aqui a perturbar a nossa aldeia global chamada internet com criticas absurdas, remeta-se a sua auto insignificancia.
o que fosses fizeram (nós) mancha o nosso club.

é verdade que nunca deveria ter sido feito o jogo, mas a rivalidade é dentro das linhas e se somos ou queremos ser grandes, façamos de nos maiores ainda, nao vejo uma campanha de angariaçao de socios, nao vejo uma boa estrutura de markting, mas vejo os AVOS CANTIGAS a criticar posiçoes de coragem.

em todos os cargos politicos existem reprecursoes e isso chama-se responsbilidade.e o Oliveira teem.

mais uma vez. elemine este blog, nao encha mais a internet com esterco!

Anónimo disse...

uma coisa é certa uma semana passou, ainda não vi ninguém expulso, será que é só show off para a comunicação social?? pensem um pouco! isto não vai dar em nada.

quando um dirigente de uma claque invade uma bancada e insulta o presidente e no dia seguinte está à mesa com ele, não se pode esperar grandes desenvolvimentos!