AGORA ESTOU AQUI

segunda-feira, junho 04, 2007

POLÍTICAS


O Benfica definiu uma nova linha estratégia de contratações, parece que vai abandonar a aposta no mercado nacional. Ou seja, conclui que Manu, Paulo Jorge e Miguelito, entre outros, foram más apostas. Por acaso acho que não. Sobretudo Manu e Miguelito fizeram por merecer mais oportunidades. Mas, como diz o famoso empresário Araújo, "manda quem pode, obedece quem tem juízo". Talvez o Benfica possa ter para o ano um triplo K no seu meio-campo (Katosouranis, Karagounis e Kamiezczarck) que faça a diferença... Sem poder abastecer-se na sua formação (João Coimbra é um fait-diver), o Benfica tem à sua disposição um imenso mercado, duvido é que a sua equipa de prospecção tenha capacidade para, no curto prazo, atirar na mouche. O mais prudente seria mesmo continuar a apostar em "valores emergentes", na certeza de que um basta para rendibilizar o investimento. Mas isto sou eu a falar, um simples blogger com uma fiel clientela à qual não se oferecem kits.
ps - como era inevitável, aí estão as primeiras notícias sobre um eventual interesse do Liverpool em Simão Sabrosa. Pode ser que desta vez seja mesmo a história de Pedro e o Lobo...
ps 2-Isto, sim, é uma boa notícia:
"Os lucros do Grupo Benfica aumentaram para 3 milhões de euros no primeiro semestre fiscal de 2006/07, contra 687.253 euros do trimestre fiscal homólogo, informou o clube em comunicado sublinhando a redução do passivo em 6,4%.Segundo a mesma fonte, os resultados "voltam a estar alicerçados" em resultados operacionais positivos, "demonstrativos da viabilidade económica do Grupo", que atingiram os 4.459.847 euros, contra 713.695 euros obtidos no período homólogo.O Benfica sublinha que a venda de direitos desportivos de jogadores não contribuem para os resultados operacionais e que a evolução positiva nos mesmos "é suportada pelo crescimento verificado nas receitas operacionais", que aumentaram cerca de 8,4% e pelo controlo nos custos operacionais, que diminuíram 0,3%.", in canal de negócios.

3 comentários:

Anónimo disse...

Vitor Oliveira em entrevista sobre a saída do Leixões:

P: Entre essas razões estruturais de que fala, estará incluída uma aproximação mais ou menos evidente ao F.C. Porto?

R: Não, não está. O Leixões terá obrigatoriamente que ter uma boa relação com o F.C. Porto e poderá tirar bons dividendos daí. Mas é evidente que não se pode confundir isso com subserviência. E é isso que se comenta em Matosinhos. Mas não acredito que isso possa acontecer. Um bom entendimento é importante. Tudo o que passar disso será negativo quer para o Leixões quer para o F.C. Porto.

Filipe Henriques disse...

Os lampiões andam a ver se pega desde o ano passado e não há maneira... Agora até arranjaram muito a propósito uma sondagem a concluir qu o artista dos penaltis era o melhor jogador da liga...

Anónimo disse...

filipe henriques.
filipe.
filipe anti-benfiquista.

todos os filipes deste país.

Os benfiquistas não têm problema nenhum em ficar com o melhor jogador da Liga no seu plantel mais um ano. e dois. e os que ele se decidir a jogar até terminar a carreira.

"Sondagem arranjada"???????????????
"Artista dos penalties"????

Saudações.
Fica bem filipe.


Fiquem bem todos os "filipes" aliás.
E os eugénios também...