AGORA ESTOU AQUI

sábado, junho 23, 2007

ASSIM VAI O MUNDO


Um Portugal dos pequeninos este em que vivemos. Como diz Saldanha Sanchez, ainda não se pode falar de cartelização mas andamos lá muito perto. Os "quatro estarolas" da letra de forma, cada um à sua maneira, tentam não dar muito importância ao acumular de acusações de PC, as televisões continuam órfãs de um programa como "Os Donos da Bola", limitando-se a uns tantos programas de entretenimento com paineleiros, as rádios querem é saber de reforços nos seus programas desportivos e os jornais online continuam a dar notícias refugadas. É o que temos. As bolsas de resistência mantém-se firmes, apesar do fogo de artilharia e da infâmia do costume. Quem está lá pelo menos tem uma consolação: como não é seu objectivo ser paladino de coisa nenhuma ou capacho de um cartola com direito a cartão VISA, a luta continua sem ideais mas no caminho estreito que se pensa ser o interesse do público pelo que é publicado. Quanto ao chamado Estado de Direito, passo, que o melhor mesmo é não cair nos seus braços...

11 comentários:

Anónimo disse...

Apito Dourado: Benfica também pedia árbitros
ESCUTAS TELEFÓNICAS MOSTRAM UMA LUZ AO FUNDO DO TÚNEL


















Afinal, o processo Apito Dourado não apanhou apenas dirigentes de clubes do Norte a pedir árbitros para os seus jogos. Embora de forma indirecta, através de João Rodrigues, o Benfica também quis escolher os seus árbitros. Mas nenhum destes pedidos deu origem a qualquer processo, nem sequer no grande dossier relativo a uma eventual viciação da classificação dos árbitros, ainda em análise pela equipa de Maria José Morgado.

As intercepções telefónicas, que são imensas, dão conta de diversos tipo de pressão do Benfica, na época de 2003/04, no sentido de contar com árbitros do seu agrado. Aliás, até era convicção de alguns presidentes de clubes da 1.ª Liga, como era o caso de João Bartolomeu, que garantiu que foi Luís Filipe Vieira quem colocou Luís Guilherme na presidência da Comissão de Arbitragem da Liga, exercendo, por consequência, alguma influência sobre ele.

Por exemplo, João Bartolomeu, numa das suas conversas com Pinto de Sousa, diz ter a certeza que é o Luís Filipe que tem influência sobre as nomeações feitas por Luís Guilherme, com o então presidente do Conselho de Arbitragem da FPF a acrescentar: “O Pinto da Costa não tem influência no Luís Guilherme.”

A propósito da nomeação de um árbitro para um jogo da U. Leiria, Bartolomeu diz que fez uma investigação que apurou que Pimenta Machado se encontrou com Luís Filipe Vieira, presumivelmente no sentido de ter Duarte Gomes como árbitro. Sobre este, Bartolomeu diz que é “um ladrão”. “O Duarte Gomes faz tudo o que o Vítor Pereira manda e o Vítor Pereira é uma das pessoas que protege o Guimarães”, desabafa Bartolomeu.

jbs disse...

Sem provas, apenas com as acusações dum "amigo" do FCP, se tenta desviar a atenção das acusações ao PdC e envolver o SLB. O máximo que conseguem é que LFV teria acusado Duarte Gomes de ser um ladrão. E querem comparar com as provas de corrupção que envolvem o FCP e o PdC já desde os tempos do Guímaro? São burros, pensam que os outros são burros, ou o desespero já é tanto que já não há vergonha?

borealis disse...

vale um grosso estar a recordar jogos do tempo do mourinho sem cor nem história.

vitória justa, derrota justa (slb), empate q.b.

transmitam os jogos em prime-time q eles falam por si.

nao te deixes influenciar pela morgadinha, a mulher foi encomendada para construir puzzles sem as peças certas. ela sabe-o e tu sabes. o desmancho está iminente mas pelo menos assim as galinhas não podem dizer que a morgado não tentou.

no fundo o que se ressalva deste processo é que descobrimos mais um bocado sobre a corrupção no benfica.

Anónimo disse...

Vergonha, não ter um único comentário e dar-se ao luxo de ir fazer um copy/paste. Haja pachorra!

Anónimo disse...

Nao sei porque que insistem em passar de novo os jogos em questao.... Pode ate nem ter havido nenhum roubo no jogo do estrela mas se calhar nem se justificou com o decorrer do jogo. Agora uma coisa fica: o Jacinto Paixão ficaria sempre comprometido quando apitava um jogo do FCP porque no se eskece duma boa fruta e dinheiro caído do céu facilmente. Isto é obvio... ass. SamM

VeRMeLHoVZKy disse...

Porque será que aparece sempre um anónimo a fazer referência ao teu artigo ou ao do correio da manhã do dia anterior? Anónimo? Ou Eugénio Queiroz?

Pede ao teu "amigo" ex-Juiz-Fascista para te ensinar melhores técnicas.

Cuidado que já ouvi dizer que os teus telefones andam sobre escuta!!! E a tua internet também...

Hoje em dia a tecnologia faz coisas maravilhosas!!!

jose disse...

Epa, o homem sabe. Foi o proprio que publicou este artigo no Record. E so para os tansos ficarem contentes.

Anónimo disse...

Bah, com compras e sem compras e tratos e negócios, que clube há-de, por força, contar com mais ajudas ao longo de cada época, se em razão do número de dois terços de simpatizantes e adeptos entre os amantes do futebol, igualmente beneficia, por certo, do mesmo racio percentual de árbitros primeiros e segundos e quartos, além da comunicação escrita e falada e vesga e mentirosa e descarada de Lisboa?!

Mas é claro que o Benfica é o clube que mais lucra em toda toda a roubalheira. E a seguir é o Sporting Club de Portugal, por ser também de Lisboa.

Ai, mas isto é tão simples, tão à vista de todos, minha nossa sinhora!

Sucede é que a tradicional inveja dos portugueses se forma e ganha visibilidade, então, também, no provincianismo maior de Lisboa.

amélie

Anónimo disse...

Ninguém tem dúvidas de que nos órgãos que gerem o futebol há sempre dois pesos e duas medidas.

in grande BdB

sem dúvida. nos "órgãos que gerem" e na maioria dos mais, como nos blogs de bola, por maioria benfiquistas e a seguir sportinguistas, em que "há sempre dois pesos e duas medidas", logo à nascença, não é?, visto como, além da maior fatia de paixão, de cegueira e de tendência à falsificação da verdade desportiva, acresce o impulso de se imputar aos outros (mormente ao FC Porto) a soma de todos os vícios, a dois pesos e duas medidas, de forma vesga, como deriva do mesmo sistema em geral.

que isto é claro, meus sinhores!

Barbeiro de Sevilha disse...

Ó Eugénio, por enquanto tu e a tua Maria andam muito entretidos a escarrapachar nas publicações onde voces trabalham, informação priveligiada fornecida pela Morgadinha Justiçeira.

Mas o que será de vós quando já nada houver para escrever? Há pois é, já esqueci, aquilo que se tem lido das escutas de à um ano para cá nos vossos textos nada é mais do que "recalcamentos" de artigos publicados (no minimo) uma duzia de vezes. A estratégia que a Morgadinha justiçeira vos confiou é clara, fazer "lavagem cerebral" do Zé Povinho.

Agora até referências ao Manel-da-Morgadinha-consultor-priveligiado-do-presidente-da-instituição, fazes, sinal claro de que o "trabalho de equipa" está resultar.

Já agora, diz à Morgadinha Justiçeira, que a seguir as investigações de corrupção no futebol a norte do rio Liz, se entretenha a investigar as promiscuidades entre orgãos de justiça e orgãos de comunicação social. Iria surgir resultados surpreendentes.

Pronto já vai longa a conversa, nem vale a pena perder muito tempo, porque é certo e sabido que este comentario não será publicado. O que interessa é que tu leias Eugénio, e que vejas que há muita gente que sabe o que passa...

Anónimo disse...

ora, a morgadinha dos cavaniais é benfiquista e o procurador da república e o marido dela, avençado do benfica, diz o pobo, também

tem depois que os escutas andaram a escutar quem bem lhes apeteceu, poupando fita com quem, vermelho de inveja e de raiva, os encomendou

e entende o BdB que há dois pesos e duas medidas

pois então não se vê?...

o morgado da casa amarela