AGORA ESTOU AQUI

sexta-feira, maio 18, 2007

IMPORTAM-SE DE REPETIR? NÃO


O U. Leiria-Sporting não será repetido. O Conselho de Justiça da FPF aceitou a argumentação da Comissão Disciplinar da Liga. Também não era difícil, pois este é um caso absolutamente linear, excepto para os "protestantes" do costume. Continua a ser assim: em vez de se responsabilizar um craque que ganha muito para além da média do plantel, corre-se a atirar culpas para o árbitro. Vale tudo. Mas, felizmente, ainda se vai fazendo justiça.
E faço minhas as palavras do Paulo Costa:
«Acho esta decisão perfeitamente normal, no fundo é o fim de uma novela ou se quisermos uma história de ficção que em nada favoreceu o futebol português, pelo contrário, acho que toda a gente perdeu ou, se quisermos também, só os jornais e os jornalistas é que ganharam muito trabalho. A partir do momento em que o jogo terminou fui bastante indiferente a este caso porque sendo uma situação claramente inventada não tem qualquer tipo de valor»

14 comentários:

Anónimo disse...

Sim, que já vai sendo costume, com franqueza, ver-se o visconde de Alvalade neste género de pantomina 'não-me-toques' egoísta e mentirosa de autênticos putos com sorte ao primeiro minuto e banheira na pequena área a transbordar de manhosa.
Que me faz rir aquele levezinho, jeitoso, além de teimoso, chaga e bom jogador...
E só era o que faltava que ele ainda fosse o campião ao fim do fim
do campeonato!
Que ele há cada inteligente!
Sempre a queixar-se, o farsante!
amelie

macxdream disse...

O paulo costa não deixa de ter razão,
"uma situação claramente inventada",
foi uma expulsão claramente inventada pelo juiz de linha...

Apito afiado disse...

Boa sr. Paulo Costa!


A esta hora os seus critícos no jornal O JOGO - Jorge Coroado e Fernando Santos - deviam ter vergonha na cara pelas asneiras que disseram do árbitro.

joaquim agostinho disse...

Nas escutas telefónicas que serão efectuadas daqui a alguns anos, ficaremos a saber como este jogo foi cozinhado

costa disse...

Inventada só se for pela sua cabeça..!
Como jornalista que é deveria ser mais cuidadoso e menos apaixonado no que diz e escreve.
os "protestantes" do costume, são quem? Pq não põe os nomes?
Será que acha mesmo que a reposição da bola foi feita em consonância com a falta assinalada? Que o que o jogador disse no fim do jogo não contradiz o árbitro?

Tenha "juízo", meu caro!

Fernando disse...

Estão aqui dos jogos que o Sporting vai recorrer:

http://souportistacomorgulho.blogspot.com

António Neiva disse...

Penso que existe aqui um grande equívoco, o Sporting queria a repetição do... Sporting - Leiria de 2005 em que Augusto Duarte e o seu auxiliar António Neiva não viram uma bola dentro da baliza mais de 1(!) metro. Ou não? Na altura devem-se ter esquecido...

Anónimo disse...

Os sportinguistas, com'òs benfiquistas, são muito ingrassados!
Sempr'a puxar ò contrairo!

ihi-hi!

Anónimo disse...

Não foi este clube que esteve 3 ÈPOCAS, sem lhe marcarem um penalty, contra,nas provas nacionais????!!!
E tem um goleador na sua história,que tem um record, de penaltys, a favor ?!
Gostam do LB?!

Alvaro Magalhaes disse...

Havia uma guerra civil se isto fosse repetido.
Nao tenham duvida.

Anónimo disse...

http://souportistacomorgulho.blogspot.com - - --

que é isto, é uma marca de apitos dourados??!!?? ah!ah!

ainda bem que estás bem documentado, é uma daquelas versões de campo, que tinhamos quando eramos miudos, era sempre iclinado para um lado, mas era quando jogavamos a subir, porque quando era a descer esqueciamos logo do que beneficiavamos, era sempre a somar.
O Fernando, contuinua com os teus apanhados, que é para os parolos ficarem contentes.

Anónimo disse...

os sportinguistas são uns tristes.as figuras que fazem,meu deus!hehe


devem querer ser solidários com os lampiões,...



LOOSERS

Olheiro disse...

Não confundamos a falta de profissionalismo que o Liedson teve (que não devia ter respondido à tentativa de agressão do Rossato com um pontapé - que por acaso mal lhe acertou, se é que acertou) com a desonestidade do árbitro e seus auxiliares. A história é muito simples: o Liedson pôs-se a jeito e apanhou. E o árbitro enganou-se, levado na vontade cega de o apanhar. Amarelo ao Rossato por palavras? Hahahahaha

O Sporting podia até ter ganho o jogo. Teve oportunidades para isso, mas não teve a felicidade de as concretizar. Independentemente do resto...

Luís Miguel Marques disse...

É preciso ser muito estúpido ou ter muita cara de pau pa escrever um artigo destes. Vindo de um jornalista desportivo, sevia envergonhá-lo.

1º, o argumento que o Liedson ganha muito, logo devia ser responsabilizado de forma diferente dos outros é ridículo e demagogo. 2º. aquilo que o Sporting argumenta não é se a expulsão do Liedson é justa ou não. O qye está em cima da mesa é muito simplesmnete o facto que se o Rossato levou cartão amarelo só podia ter sido por ter feito falta sobre o Liedson antes deste, porque as imagens provam que o Rossato não fez nada depois que levasse à amostragem do cartão. Logo, devia ter sido marcado penalty para punir a acção que originou a amostragem do cartão ao Rossato. è tão simples como isto. E a prova é o facto de o Rossao ter vindo logo depois dojogo dizer que o carttão tinha sida justo. Mas algum jogador faz isto?!

Por isso, Eugénio, ou és muito estúpido ou não queres perceber.

A análise que a maioria das pessoas faz em que a repetição do jogo seria impensável, não é baseada em factos, é baseada num "sistema" que faz com que estas decisões sejam tomadas com base naquilo naquilo que "parece" normal ou não. Ou seja, não interessa saberse houve erro técnico ou não ou se o árbitro mente ou não. Interessa é abafar isso em prol daquilo que é "normal". É o "sistema", os Sportinguistas tão habituadõs...