AGORA ESTOU AQUI

sábado, maio 26, 2007

HÁ 20 ANOS, EM VIENA (1)

Eu, pobre mortal, estava no Sud Express a caminho do Mónaco para a cobertura, à la minute, do Grand Prix de F1, quando Rabah Madjer tocou de calcanhar para a bola fazer "pfaff" quando se encostou às redes, empatando o jogo com o Bayern, após cruzamento de Juary (lançado, salvo erro, por Frasco). A notícia foi-me dada quando o comboio parava em Vilar Formoso e ainda hoje é coisa falada. Amanhã, no domingo, será celebrado este momento, com quase todos os heróis de Viena e aqueles que ficaram em casa.

4 comentários:

Anónimo disse...

Esse momento foi memorável e jamais o vou esquecer,pois tornou possível a primeira grande conquista internacional do FC Porto.

Anónimo disse...

ainda hoje choro ao ver as imagens

Anónimo disse...

Foi há 20 anos que estive em Viena ao lado do saudoso Carlos Pinhão, do Serafim Ferreira, do António Castro e da internacialização do Paulo Santos com os seus maravilhosos "bonecos". E onde fomos testemunhas do "enterreo dos sapos". Mas valeu a pena. Grande jogo!

Anónimo disse...

e tiveste que parar na estação da Pampilhosa.