WWW.BOLANAAREA.PT

sexta-feira, março 23, 2007

Valentão


Mais uma vez em grande forma. Valentim com a Judite é muito diferente de Valentim na Judite. Na entrevista àquela que apelidou de "primeira dama de Sintra", o major mostrou poder de encaixe naquela cena incrível da simulação das escutas e não deixou Judite de Sousa falar. A entrevistadora também demonstrou pouco domínio de uma matéria que Valentim conhece em detalhe. Não foi um julgamento na TV mas o major começou como réu e acabou como juiz a absolver-se. Só faltou o martelinho (o dito cujo e não o ex-craque do Boavista campeão) para o remate final. Assim se provou mais uma vez que Valentim é não só um animal político mas também um corredor de fundo da vida que está convicto de que pouco importa ter perdido as primeiras metas volantes ao sprint...

3 comentários:

Aquele Juiz... disse...

Pois é, mas o Valentim Peixeiro não explicou (a Judite também não perguntou, o que se passou com os árbitros Rui Mendes e Paulo Baptista.
No primeiro caso se é verdade que lhe pediu favores para o Gondomarm, e no segundo caso se é verdade que lhe pediu para ajudar a Naval a ganhar ao Chaves.

Ai Judite, Judite...

Anónimo disse...

Será de mim ou esta posta tem muito de «wishfull thinking» ?

Anónimo disse...

foda-se, ó eugénio, larga a droga. mas quem é que ainda acredita nesse artista?! só tu e os que receberam micro-ondas.