WWW.BOLANAAREA.PT

sábado, março 10, 2007

O senhor Vítor Baía

Vítor Baía dispensa apresentações. É só o jogador em actividade no planeta com mais títulos conquistados e, ao que consta, nunca chamou os gajos do "Guiness Book of Records". Esta semana, mais uma vez o n.º 99 portista mostrou de que madeira é feita quando saltou em defesa de Helton mesmo antes de Jesualdo o fazer. O Vítor tem também esta qualidade de falar quando entende que deve falar, o que noutras altura, era Mourinho o treinador, já lhe custou caro. Para além das suas qualidades de desportista, o guarda-redes nascido na Afurado e feito homem nas ruas de Leça da Palmeira tem também qualidades humanas raras. É disso exemplo a sua fundação, cujo trabalho só de vez em quando emerge em termos de exposição pública. Um campeão não é campeão por acaso e Vítor Baía é a prova disso todos os dias.

5 comentários:

ricardo disse...

O Baía é o Maior. E só não detém também o record do maior número de capas de jornais desportivos porque é... do Porto.
Quanto a internacionalizações então nem vale a pena falar; não fosse um casmurro de um brasileiro e a centena há muito que já teria ficado para trás.

És um cómico. disse...

Calculo que um post destes,saibas o tamanho do pénis dele...é maior do que o do Tony Carreira?

paciente inglês disse...

Mas alguém acredita na sinceridade de Baía?
Qualquer pessoa com dois dedos de testa percebe que cada palavra de consolação é uma faca que Baía remexe na ferida, é mais um dedo apontado, mais um holofote sobre o frango de Helton.
Amigos como o Baía nem em Peniche...

Anónimo disse...

Ah e já agora, o Maradona e o Pelé disseram-me o quanto invejam o Balizas por ter mais títulos que os dois juntos. Aliás, quem é o Maradona? E o Pelé?

Anónimo disse...

Cambada de ressabiados! O Vitor Baía é indiscutivelmente uma das grandes figuras do futebol nacional e é pena que ainda haja gente ignorante que não lhe dê o devido valor e que não o respeite!

Enfim... Pode ser que um dia algum outro guarda-redes português chegue onde ele chegou! Mas não será, com certeza, o anormal do Ricardo!