WWW.BOLANAAREA.PT

segunda-feira, março 05, 2007

EVIDÊNCIAS

A bola está muito longe de Liedson e Rossanto quando os dois se "enrolam". Logo, é perfeitamente normal que seja monitorizado pelo árbitro assistente, que tem uma visão vertical do mesmo. Rossato, em queda, tenta acertar em Liedson mas falha. Liedson acerta mesmo e ainda se levanta para tentar resolver o lance. Jogo parado, Paulo Costa chamado à linha, ocorrência comunicada, cartão vermelho. Rossato fica a ser assistido fora das 4 linhas e reentra sem autorização do árbitro e por isso vê um amarelo. Vamos dar de barato que há aqui erros de factos mas não é o caso. Erros técnicos...só de apreciação. Pena, por exemplo, que Jorge Coroado não tivesse tido a honestidade de, na TVI, dizer o que todos os olhos viram, ou seja, que juiz de linha e juiz de campo ajuizaram bem. Compreende-se: Coroado tem com Paulo Costa um contencioso e à falta de melhor baralhou a análise para não poder dizer que o árbitro do Porto, numa situação complicadíssima, decidiu MUITO BEM com a ajuda de um dos nossos árbitros assistentes "top class". Soares Franco, esse, viu o lance 5 vezes e continuou baralhado. O que também se compreende. Deve ter recebido um SMS de Sérgio Abrantes Mendes ou então de Ricardo Espírito Santo. Amén.

18 comentários:

Anónimo disse...

é mentira que o coroado tenha analisado mal o lance. referiu até que caso o amarelo tenha sido mostrado por "entrada em campo sem autorização ou por bocas" o árbitro decidiu bem. Caso não tivesse sido por isso, aí a decisão teria sido errada. mais, até disse que o vermelho foi muito bem mostrado. de facto, a única coisa que gerou confusão foi o amarelo ao rossato...de resto, soares franco viu o lance 5 vezes e ainda está baralhado...que horas eram?

a.t.

Anónimo disse...

ter visto o amarelo por ter entrado em campo; impossivel, porque quando o jogador vai para entrar já está o amarelo na mão. outro coisa é que essa é seja justificação do árbitro. o teu amigo paulo costa, assume as coisas. ou melhor, amigos ainda podes ter, outra coisa diferente é saber separar as coisas. basta ver as notas que deste ao paulo costa sempre que te toca fazer um jogo do mesmo.

Anónimo disse...

Nada de novo, neste blog. Sempre que o árbitro Paulo Costa faz borrada (ou burrada), o seu defensor público número 1 sai ao caminho. A patética tese aqui defendida, provavelmente, nem o próprio Paulo Costa se lembraria de escrever no seu relatório. Enfim, a prova de que também nas releções futebol-jornalismo há conluios.

Insano disse...

Eu começo a achar que para alguns agressão é quando faz sangue.. enfim.

Concordo com tudo acima escrito.

Patacurta disse...

Realmente quando a visão é perturbada pela clubite, não se consegue ser imparcial! Essa da decisão do árbitro ser justa, brada aos céus! Então o agarrão e o colar feito pelo jogador do Leiria, derrubando o do Sporting não é penalizado?
Homem não sejas assim...
Esse truque do amarelo por entrada sem autorização, é saída baixa para branquear erro grosseiro!

Anónimo disse...

Esta é de rir...
Rossato, em queda, tenta acertar em Liedson mas falha. Liedson acerta mesmo e ainda se levanta para tentar resolver o lance.
Então se o Rossato tenta acertar no Liedson não tem que ir para a rua? Que eu saiba nas leis da Fifa as tentativas de agressão também são punidos, ou será que não conhecemos as leis sobre o desporto que escrevemos???
Dizer que o árbitro e o fiscal de linha estiveram depois de escrever que o Rossato tentou acertou no Liedson só pode ser um momento de gozo.

Jorge disse...

Jorge Coroado

21' (positivo)
A expulsão de Liedson não pode sofrer contestação. Após ter sido atingido por Rossato no seu joelho esquerdo, Liedson reagiu e deu uma "patada" na ilharga do jogador do União de Leiria. Cartão vermelho bem exibido.

joaquim agostinho disse...

Olhe que a versão oficial do cartão amarelo já vai em palavras dirigidas ao árbitro. Mas como se o moço estava deitado a fingir que estava lesionadíssimo. A tv ainda mostrou as costas do jagunço com a camisola levantada, mas azar, a pele estava intacta!
O problema é não saberem nomear para fazerem estes trabalhinhos. Veja lá que a RR até já disse o nome do assistente: João Santos

Anónimo disse...

quem é o coroado?
um sem-abrigo?
um elemento pró cunhal?
um elemento pró salazar?
um pateta?
que blog é este?
um que corta a palavra?
ou o caixote do lixo de alguém que tem tempo e autorização para escrever na net enquanto o patrão lhe paga (bem, muito bem) para sabe-se lá o quê no Record?

podes apagar à vontade, oh pateta. que o tempo está a esgotar-se. E se o tempo fosse tempo nunca serias jornalista do Record. Mas o luís santana aceitou a sugestão do pais e pronto. vá. não metas isto. porque é obvio que não vais publicar.

Anónimo disse...

Realmente, se querias ajudar à festa do PC(escolhe o "P" que quiseres), foi um tiro no pé.

Aproveita e mostar as imagens desta cena:
"Rossato fica a ser assistido fora das 4 linhas e reentra sem autorização do árbitro e por isso vê um amarelo"

Credibilidade é precisa!

Anónimo disse...

Os lagartos saem agora da toca. Logo eles que tiveram tão caladinhos no episódio Quaresma/Lacroix/Tixier

PPA disse...

Costumava visitar este Blog, mas é a última vez que o faço e já o retirei dos favoritos!

Queirós: andas no futebol à muito mais tempo do que eu e sabes perfeitamente quando uma arbitragem é cozinhada!
Não me venhas com tretas.
Foi o que aconteceu neste jogo, como sabes perfeitamante!
Como tinha acontecido por exemplo com Bruno Paixão num Boavista - Sporting, ou com o mesmo a apitar o Campomaiorense-Porto. Com Benquerença na meia final da Taça 2006 Porto-Sporting.

Existem jogos onde acontecem apenas ERROS, exemplo:
- No Sporting - Benfica deste ano, Jorge de Sousa errou ao não marcar penalty de Simão sobre Miguel Garcia que poderia dar o 1-1. Acredito que seja erro.

roger disse...

Por aqui se vê o péssimo estado do jornalismo desportivo português... O que vale é que o fim está próximo.... já poucos têm paciência para as alarvidades escritas no papel...

Teixeira disse...

Eugénio,

concordo a 100% com a tua análise.

Não se entende é como uma situação tão óbvia se torna num caso de policia para certas pessoas.

A imprensa também não tem ajudado...

Abraço

[[]]

Anónimo disse...

Ó Eugenio é lamentavel escreveres estas coisas e ainda vens tu falar de falta de honestidade do Coroado !!!

Dizes que o amarelo ao Rossato foi dado porque entrou em campo sem autorização do arbitro. MENTIRA !!!

É o proprio jogador que te desmente, ele diz hoje a todos os orgãos de comunicação social que levou amarelo por protestar !!!
Diz que ele protestou porque pensou que o arbitro não tinha visto a alegada agressão do Liedson.

Como diz o Paulo Bento, não somos anjinhos !!! O Rossato leva amarelo, muito depois do Liedson ser expulso. Então o Rossato portesta porquê, se o arbitro não marcou qualquer falta contra o Leiria e deu vermelho ao 31 ???


Vergonha é jornalista como tu, branquearem estas coisas e ainda querem nos fazer de parvos !!!

João Martins disse...

Mais um ardina ao serviço de sua majestade. Devias vender estes teus escritos de pasquim cozinhados dentro da tenda de um circo. Pelo menos sempre fazias rir crianças e estarias naturalmente melhor enquadrado no que respeita à tua vocação e profissão!

Nojo... Lamentável!

Anónimo disse...

É giro... Pela primeira vez na história um jogador vem assumir que «sim, sim, foi muito bem mostrado o amarelo. Protestei, claro que sim, tinha de ver o amarelo, pois claro!» estranho, não...

P.S.: Eugénio, esquece lá a história do amarelo por não ter sido autorizado porque o que se vê é o pelos-vistos-teu-amigo-Paulo-Costa (pelo que leio lá em cima...) a mandá-lo entrar.

José A.I.Lopes disse...

O maior cego é aquele que não quer ver. Este blog tem sido um dos meus favoritos, mas está a perder seriedade e credibilidade. Este episódio do Liedson/Rossato é analisado por si de forma deturpada e parcial. Faça uma análise introspectiva, que está a precisar.