WWW.BOLANAAREA.PT

segunda-feira, fevereiro 12, 2007

O convénio (a saga continua)


Deus estava com o "tao", como dizia a minha avó. Não é nenhuma orientalice, é apenas uma forma de dizer que um gajo está aziático.
Depois de um silêncio embaraçante, dirigiu-se ao Papa e perguntou:
- Cum, raio como é que foi vencer o não?
Uma miúda com ar de bimba, no fundo da mesa, respondeu:
- Sei lá.

Deus chamou o anjo Cusca e segredou-lhe: - Quem é a gaja?
Esclarecido, pediu-lhe que se aproximasse e mandou-a sentar-se ao seu colinho.
Visivelmente a recuperar a sua habitual bonomia, voltou a falar à assembleia:
- Meus amigos, acabou de vez essa história de atirar pedras para o mar, que tenho um amigo que tem um bar na Caparica e comissão nos shots. E a minha clientela de Madrid não gostou nada de ver os castiçais a abanar...
A Assembleia dobrou a espinha, com a excepção de S. Judas Tadeu, director do 25.ª Hora do céu.

Deus prosseguiu:
- Este Al Gore por acaso é árabe?
(Deus às vezes tem estas coisas, parece um menino da escola, mas como nunca dá ponto sem nó a malta desconfiou e só falou o tipo do costume).

Um tipo de bigodinho curto e melena negra:
- Todo-poderoso Deus que morreu e renasceu das cinzas, mentor da V-2 e dos fornos solares, pai da raça ariana e dos golfinhos da Marinha americana, Aquele que tudo vê sem precisar de serviços de espionagem, omnipotente criatura criadora do Universo e do Multibanco, não é árabe mas também é muito chato.

Deus tava a tentar ligar-se à net pelo Kanguru mas mais uma vez não conseguiu rede 3 G.
- Porra! - queixou-se

Estabelecida a ligação com a Terra, ficou a saber que o Varzim acabara de eliminar o Benfica. O que não alegrou propriamente o seu dia pois antes de Deus se assumir como tal já o Benfica era o maior clube do Universo. Foi então que um grande acontecimento o perturbou. Deus ficou a saber que Carolina, a santa que recebe mais cartas que a irmã Lúcia, passara a noite a dançar numa discoteca de Coimbra.
- Meus senhores, isto que não volte a acontecer. A minha santinha já sofreu muito. Façam alguma coisa.

7 asas picaram na direcção de Vila do Conde com a ajuda do GPS e do Google Earth. João Malhador estava a tentar partir um rojão no Ramon quando foi surpreendido pelo ataque. Fulminado por 7 raios, ainda conseguiu ditar o seu próximo livro ao empregado de mesa.

Um segundo depois estava ao lado de Deus. Que lhe entregou o cartão de sócio e o mandou sentar-se à sua direita.
- Pecador, confessa-te. O que fizeste à santinha.
Malhador respondeu:
- Sei lá.
A bimba, que tinha desaparecido debaixo da mesa, levantou a cabeça e pediu um copo de água.
- Eu conheço-te, disse Malhador.
Posto o que Deus mandou destroçar. O dia podia correr mal mas não ia perder "O Preço Certo em Euros".

2 comentários:

Anónimo disse...

Eugénio,
Que raio de post, piroso até mais não.
Nem o Varzim te conseguiu animar.
É verdade que três desaires em tão pouco tempo pode ser desanimador, mas, mesmo quando se vomita, é aconselhável manter um pouco daquela coisa que te parece faltar.

Anónimo disse...

hiii, tá muito bom, nos pormenores, como "mandou-a sentar-se ao seu colinho" e só Judas não curvou a espinha, sabido que deus, com'ò meu marido, já estaria a meter o dedo, coisa que judas bem sabe, de quando, há muito, duvidoso, disse, primeiro, "enquanto não meter lá o meu dedo (no buraco), não acredito"

Que não há como, para não nos passarem a perna, já se ser experimentado

amelie